Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

05/12/2009 - 09:24

Emenda da Bancada Catarinense prevê recursos para recuperação do molhe norte do Complexo Portuário do Rio Itajaí

Entre as emendas que a bancada de Santa Catarina no Congresso Nacional [integrada por 16 deputados federais e três senadores] quer incluir no Orçamento de 2010 da União, está uma que visa destinar um montante de R$ 19,9 milhões para obras de recuperação e afastamento do molhe norte do Complexo Portuário do Rio Itajaí, podendo ser complementado no orçamento de 2011. A emenda já foi aprovada por unanimidade pelo Comitê do Orçamento. Agora deve ser submetida aos sub-relatores e, posteriormente, ao relator geral do orçamento da União.

O deputado José Carlos Vieira, coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, considera esta a mais importante dentre as emendas que compõem o conjunto apresentado pela bancada, que soma R$ 781,2 milhões. “Essa obra, além de corrigir o acesso ao Porto de Itajaí, vai contribuir significativamente para evitar enchentes em todo o Vale do Itajaí”, explica o deputado.

O superintendente do Porto de Itajaí, engenheiro Antônio Ayres dos Santos Júnior, destaca a importância das obras de recuperação do molhe, que teve sua estrutura danificada com as enchentes de novembro de 2008. “Além desta obra possibilitar a dragagem de aprofundamento dos nossos canais de acesso de 11 para 14 metros, ela dará ao Porto de Itajaí e demais terminais que compõem o Complexo plenas condições de atendimento ao mercado exportador e importador catarinense e contribuirão sobremaneira na prevenção de cheias”, afirma Ayres.

O superintendente informa que com a dragagem e o afastamento do molhe norte ocorrerá o alargamento do canal da boca da barra do Rio Itajaí [gargalo que dá vazão a toda a água que desce da bacia do Rio Itajaí-açu], o que vai proporcionar um sensível aumento na vazão, passando de uma secção de 120 x 12 metros, para uma secção de 140 x 14 metros, o que significa um aumento de 36% na capacidade de escoamento das águas. | João Henrique Baggio

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: