Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

05/11/2009 - 10:27

Fortaleza receberá empréstimo de US$ 59,4 milhões do BID para melhorar moradias e condições de vida em áreas ribeirinhas

O projeto proporcionará infraestrutura básica, moradia e serviços sociais para mais de 10.000 famílias pobres.

Fortaleza receberá um empréstimo de US$ 59,4 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para proporcionar infraestrutura básica, moradia e serviços sociais a mais de 10.000 de suas famílias mais pobres.

O projeto financiará melhorias urbanas integradas para bairros localizados ao longo dos principais rios de Fortaleza, eliminando o risco ambiental e a vulnerabilidade física, contribuindo para uma melhora geral da qualidade de vida das famílias vulneráveis e integrando à cidade esses assentamentos até agora irregulares.

Especificamente, o empréstimo financiará a construção de obras civis de proteção contra enchentes, abastecimento de água e esgotos, iluminação pública, parques e áreas verdes para as comunidades que vivem às margens dos rios Cocó e Maranguapinho.

O empréstimo também financiará a construção de 13 creches, três clínicas de saúde familiar, centros comunitários, além de novas moradias de baixa renda, melhoria das moradias existentes e fornecimento de registros de propriedade para as famílias beneficiárias. O empréstimo foi aprovado hoje pela Diretoria do BID.

Com o investimento, o BID ajudará Fortaleza a lidar com problemas críticos de infraestrutura e meio ambiente resultantes da rápida urbanização e da ocupação não planejada de margens de rios e de outras áreas de risco ambiental e físico. Atualmente, mais de um terço dos 3,4 milhões de pessoas que vivem na área metropolitana de Fortaleza são pobres.

No final do projeto, haverá vagas para 1.040 crianças nas novas creches e 54.000 pacientes por ano serão atendidos pelas novas clínicas de saúde localizadas nas áreas beneficiadas. O projeto espera recuperar e manter 65 hectares de áreas de risco nas margens dos rios e proteger de enchentes todas as moradias da área. Até 7.000 títulos de propriedade serão emitidos para os moradores, elevando a porcentagem de famílias com registro de propriedade para 70%, em comparação com os 10% atuais.

O empréstimo do BID, em dólares americanos, terá prazo de 25 anos, um período de carência e desembolso de 5 anos e taxa de juros baseada na London Interbank Offered Rate (LIBOR). Os fundos locais de contrapartida para o projeto totalizam US$ 39,6 milhões.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira