Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

10/01/2009 - 09:01

Cerca de 150 pessoas protestaram em brasília pela paz no oriente médio

Acostumada a protestos, a porta da embaixada de Israel recebeu, na manhã do dia 9 de janeiro (sexta-feira), uma manifestação diferente. Balançando bandeirinhas do país, segurando faixas e cantando hinos em hebraico, cerca de 150 pessoas enfrentaram sol forte do horário de almoço para demostrar apoio à nação judaica, que desde o último dia 26 promove uma ofensiva militar na Faixa de Gaza.

Durante a manifestação, a diretora administrativa da organização não-governamental Amisrael (que significa mensageiro da paz em hebraico), Kelita Machado, leu trechos da Carta Orgânica, plataforma ideológica e política do movimento radical islâmico Hamas, numa tentativa de conscientizar a população que há dois lados do conflito. Isso porque, segundo ela, a mídia começou esta semana com uma tendência em sensibilizar a população para a questão palestina ao usar imagens de crianças mortas, como se Israel não sofresse também com os ataques.

Cessar-fogo: Para Kelita, é ingênuo falar em cessar-fogo. "Porque o Hamas não respeita nenhuma trégua. Como você vai negociar com uma facção que não aceita qualquer tipo de acordo?". A diretora explica que a organização é também pró-palestinos, mas ressalta que é a favor dos palestinos que estão reféns de uma organização terrorista, que é o Hamas.

O porta-voz da embaixada de Israel, Raphael Singer, agradeceu a manifestação e frisou que o Brasil sempre foi uma nação amiga, com a qual Israel tem muitas relações diplomáticas e comerciais.

O protesto terminou no início da tarde e foi organizado, segundo os manifestantes, informalmente, de forma boca-a-boca ou via e-mails. Dois ônibus, um deles vindo de Goiânia e outro de uma escola de Brasília, além de alguns carros estavam estacionados no local. De acordo com a Amisrael, a mesma manifestação ocorreu em mais onze cidades, entre elas Boa Vista, São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Velho, Fortaleza, Belo Horizonte, Curitiba e Dourados (MT).

O confronto mais recente entre israelenses e palestinos teve início em 27 de dezembro, quando Israel lançou uma ofensiva aérea contra o grupo palestino Hamas, na Faixa de Gaza, para por fim aos disparo de foguetes contra seu território. A operação Chumbo Grosso é a de maior amplitude nos territórios palestinos desde 1967 e já fez mais de 700 mortos.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira