Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

13/12/2008 - 09:54

Ministro Pedro Brito assina ordem de serviço da dragagem emergencial


As dragas iniciam as operações na próxima semana.

O ministro-chefe da secretária especial de Portos, Pedro Brito, acaba de assinar a ordem de serviço para o início dos trabalhos de dragagem do canal de acesso do Complexo Portuário do Itajaí-Açu. Após acompanhar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o superintendente do Porto de Itajaí, Arnaldo Schmitt Júnior, em visita ao cais avariado, Brito anunciou que as dragas iniciam as operações já na próxima semana. “Em, no máximo cinco dias, teremos dragas trabalhando na recuperação do canal de acesso”, frisou o Ministro.

Brito explicou que foram usados diferentes critérios para a escolha da empresa como prazos de conclusão da obra, menor tempo de mobilização dos equipamentos e capacidade das dragas. “O prazo máximo de conclusão da dragagem é de 90 dias. Entretanto, a empresa vencedora já se propôs a concluir as obras antes do prazo”, ressaltou Brito.

O consórcio formado pelas empresas EIT Empresa Industrial Técnica S/A, DTA Engenharia Ltda, EQUIPAV S/A Pavimentação e Comércio e CHEC Dredging e CO. Ltda, representantes da chinesa Shangai Dredging Co foi escolhido após análise técnica feita pela Secretária Especial de Portos. O valor do contrato é de R$ 17,5 milhões. O Embaixador da China no Brasil, Chen Duqing, esteve presente na assinatura da ordem de serviço.

Três dragas devem chegar a Itajaí nos próximos dias. A maior delas tem capacidade operacional para 13 mil metros cúbicos. Os outros dois equipamentos tem capacidade para 3,5 mil e 5 mil metros cúbicos cada. A previsão é de que, o trabalho conjunto das três dragas, eleve a profundidade do canal para 11 metros em, aproximadamente, 60 dias.

O Ministro Pedro Brito também anunciou a assinatura da ordem de serviço de reconstrução dos berços do Porto de Itajaí. “No dia 22 de dezembro vamos assinar também a ordem de serviço para a reconstrução dos berços. O valor de R$ 240 milhões vai ser divido em três lotes para agilizar ainda mais o processo”. Brito ainda explicou que as obras devem durar seis meses. “Vamos elevar a capacidade dos berços e da área de armazenagem para cinco toneladas por metro quadrado”.

Pedro Brito informou que R$ 50 milhões serão investidos no processo de preparação de um sistema de proteção a montante do Porto de Itajaí. Os estudos para finalizar o projeto básico devem estar concluídos em 30 dias.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: