Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/03/2022 - 08:46

Neoenergia inicia construção de linha de transmissão no sudeste


Projeto Itabapoana foi adquirido no lote 3 do leilão de dezembro de 2018 e tem o objetivo de reforçar o escoamento do potencial termelétrico dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo.

A Neoenergia está avançando com os seus projetos de transmissão. A companhia iniciou as obras de implantação da linha Itabapoana, localizada entre os estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro. O projeto foi adquirido pela companhia no lote 3 do leilão realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em dezembro de 2018.

Serão construídos 239 quilômetros de linha, em circuito duplo, entre as subestações Mutum (MG) e Campos 2 (RJ), com tensão em 500 kV. A licença de instalação, que permite a construção do projeto, foi emitida pelo Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis).

— A linha de transmissão Itabapoana é mais um investimento da Neoenergia que contribui para a segurança e a confiabilidade do setor elétrico, importante para o desenvolvimento do país, além de reforçar a infraestrutura para o escoamento do potencial termelétrico dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. — afirma o diretor de Transmissão, Fabiano Uchoas.

Alinhada ao compromisso da companhia em promover benefícios socioeconômicos nas suas áreas de atuação, a implantação do projeto auxiliará a região ainda com a criação de postos de trabalho. A estimativa da empresa é de gerar 1,5 mil empregos diretos e mais de 2,2 mil indiretos. Parte dos recursos para a instalação do ativo é proveniente de uma emissão de títulos verdes realizada pela Neoenergia em março de 2020.

A LT Itabapoana possui sinergia operacional com outro projeto adquirido pela companhia no mesmo leilão, a LT Guanabara (lote 2). O ativo terá 328 quilômetros de extensão, no Rio de Janeiro, e prevê a construção da nova subestação Campos 2.

A Neoenergia — Companhia de capital aberto com ações (NEOE3) negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo. Parte do grupo espanhol Iberdrola, a empresa atua no Brasil desde 1997, sendo atualmente uma das líderes do setor elétrico do país. Presente em 18 estados e no Distrito Federal, seus negócios estão divididos nas áreas de geração, transmissão, distribuição e comercialização. As suas distribuidoras, Neoenergia Coelba (BA), Neoenergia Pernambuco (PE), Neoenergia Cosern (RN), Neoenergia Elektro (SP/MS) e Neoenergia Brasília (DF) atendem a mais de 15 milhões de clientes, o equivalente a uma população superior a 37 milhões de pessoas.

A Neoenergia possui 4 GW de capacidade instalada em geração, sendo 88% de energia renovável, e está implementando mais 0,7 GW com a construção de novos parques eólicos. Em transmissão, são 2,3 mil km de linhas em operação e 4,3 mil km em construção. Por meio do Instituto Neoenergia, fomenta o desenvolvimento sustentável a partir de ações socioambientais e, assim, contribui para a melhoria da qualidade de vida das comunidades onde a empresa atua, sobretudo, pessoas mais vulneráveis, visando sempre pelo desenvolvimento sustentável. A companhia é a primeira empresa no País a patrocinar exclusivamente a Seleção Brasileira de Futebol Feminino, dando nome à competição nacional, que passa a se chamar Brasileirão Feminino Neoenergia. Desde janeiro de 2021, integra a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3 — Brasil, Bolsa, Balcão — que reúne companhias que possuem as melhores práticas de governança e sustentabilidade corporativa.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2022 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira