Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

06/11/2021 - 09:23

Enel Distribuição Rio apresenta plano de obras da subestação Elagos

Em Rio Das Ostras.

Distribuidora promoveu um pequeno evento na manhã do dia 05 de novembro (sexta-feira), no terreno da subestação, para apresentar plano de obras que já está em andamento e iniciativas sustentáveis contempladas durante a etapa de construção.

A Enel Distribuição Rio reuniu na manhã do dia 05 de novembro (sexta-feira) um pequeno comitê para apresentar os avanços da obra da Subestação de Entroncamento Lagos (ELagos), localizada em Rio das Ostras. O evento, realizado no terreno da subestação, contou com a presença do vice-prefeito de Rio das Ostras, Luiz Antônio Ferraz, do Presidente do Conselho Nacional de Consumidores de Energia, Manoel Neto, do Coordenador executivo do Procon de Rio das Ostras, Rafael Macabu, do responsável pelo serviço de iluminação pública, Vanderlan Freitas, do responsável pela área de Engenharia e Construção da Enel Rio, André Fernando Zuma, do responsável por Obras de Alta Tensão da Enel Rio, Rover França, do responsável por Sustentabilidade da Enel Rio, Leonardo Soares, entre outras autoridades locais.

Localizada no Núcleo Urbano Rocha Leão, a nova subestação vai ser interligada à Subestação Lagos, que pertence à transmissora Zopone. Com esse novo ponto, a subestação injetará até 1.600 MVA de potência na SE Lagos, com a capacidade de atender cerca de 700 mil clientes e à crescente demanda por energia nas regiões dos Lagos e Norte. A companhia irá investir cerca de R$ 107 milhões nesta obra.

— Esta unidade, além de trazer maior segurança ao sistema de fornecimento de energia elétrica, tem o compromisso de impactar de forma positiva a comunidade em seu entorno com projetos culturais e sociais — afirma Rover França, responsável por Obras de Alta Tensão da Enel Rio.

Para Luiz Antônio Ferraz, vice-prefeito de Rio das Ostras, o investimento veio em boa hora. — Nossa região sofre muito na alta temporada, quando chegamos a duplicar a população com a chegada dos turistas. Esse investimento é de fundamental importância para melhorar a qualidade do serviço aos munícipes e beneficiar o nosso empresariado, prestadores de serviços. A Administração Municipal também tem feito grandes investimentos em iluminação pública, utilizando de maneira responsável os recursos da Contribuição de Iluminação Pública (CIP), iluminando pontos de grande concentração de pessoas e rodovias que atendem à cidade — ressalta.

A construção da subestação é parte de uma série de obras programadas pela Enel Rio para aumentar a qualidade do fornecimento e fortalecer a rede na área de concessão da distribuidora no Estado.

Subestação Sustentável — O projeto da subestação contemplou iniciativas mais sustentáveis desde a sua etapa de planejamento. Por exemplo, utilizando um processo de terraplanagem alternativo, o projeto irá reutilizar 40% do solo na própria obra e atividades relacionadas, evitando um descarte massivo de solo. Além disso, as obras no local contemplaram a preservação dos recursos naturais, como por exemplo a proteção dos corpos hídricos, evitando assim o assoreamento dos córregos locais por resíduos sólidos.

Outro aspecto projetado de maneira inovadora foi a contenção para as encostas, que utilizam a hidrossemeadura como técnica de plantio. Essa técnica consiste em aplicar uma massa, composta por fertilizantes, sementes e material orgânico na execução da contenção. A hidrossemeadura atua na correção e nutrição do solo, permitindo maior estabilidade do solo durante as obras. No futuro, este local dará espaço para o plantio de espécies nativas e contribuirá para o aumento da biodiversidade local, provendo abrigo para diferentes espécies, e contribuindo para a mitigação dos impactos das mudanças climáticas. Além disso, diminuirá o impacto visual da obra, uma vez que as encostas terão o mesmo tipo de vegetação que o resto da paisagem local.

A subestação também prevê iniciativas de eficiência energética durante a sua operação, incluindo 100% de luzes de LED, construção projetada para uso inteligente de iluminação e ventilação natural, sensores de presença e sistema de refrigeração mais modernos e eficientes. A reutilização de recursos também está sendo explorada pela obra, repensando o descarte e reuso de água e materiais.

Ações de Sustentabilidade para a população na Praça do Trem — Como parte do plano de construção da nova Subestação ELagos, a Enel Distribuição Rio promoverá amanhã (6) uma série de ações na Praça do Trem. Além da Nave Enel (ônibus adaptado com recursos audiovisuais, jogos lúdicos e tecnologia de realidade virtual 3D), a população poderá trocar materiais recicláveis por bônus na conta de energia por meio da van móvel do programa Ecoenel. Também haverá um stand em que os clientes poderão realizar a inscrição para troca de geladeiras e outro do Enel Compartilha Consumo Consciente, com dicas de economia de energia elétrica e troca de lâmpadas incandescentes e fluorescentes por modelos de LED, que são mais econômicas e duráveis.

Na ação, o público também poderá realizar o cadastro na Tarifa Social de Energia Elétrica, desde que atendam aos pré-requisitos de participação, e receber orientações gerais sobre economia de energia elétrica, entre outros temas. A iniciativa cumpre todas as exigências dos Decretos Federal, Estadual e Municipal de combate à Covid-19, seguindo todos os protocolos sanitários.

Redes do Futuro — Nos últimos dois anos, a Enel Distribuição Rio investiu cerca de R$ 1,5 bilhão em melhorias que contribuíram com a melhora na qualidade do fornecimento de energia ao cliente. O investimento em novos equipamentos faz parte de um plano para aumentar o potencial de distribuição da empresa e suprir o aumento de demanda previsto para os próximos anos no Estado. Além da modernização da rede, a Enel Rio investe em equipamentos telecomandados, drones para monitoramento externo das redes e capacitação para as equipes técnicas.

Os resultados de todos esses investimentos se refletem nos indicadores de qualidade: em toda a área de concessão no estado do Rio, nos primeiros 9 meses de 2021, o Índice regulatório de Duração de Interrupção (DEC) e Índice regulatório de Frequência de Interrupção (FEC) registraram melhora de 10,37% e de 5,74%, respectivamente, como resultado dos investimentos realizados nos últimos anos na modernização e automação da rede elétrica.

. Nave Enel, dias 05 e 06 de novembro (sexta e sábado), das 8h30 às 17h, Praça do Trem (Núcleo Urbano de Rocha Leão, Rio das Ostras).

. Ecoenel, troca de lâmpadas, cadastro troca de geladeiras entre outras ações, dia 06 de novembro(sábado), das 10h às 17h, Praça do Trem (Núcleo Urbano de Rocha Leão, Rio das Ostras).

Enel — A Enel Distribuição Rio, subsidiária da multinacional italiana Enel, atende 66 municípios do estado do Rio de Janeiro, abrangendo 73% do território estadual, com cobertura de uma área de 32.188 km². A Região Metropolitana de Niterói e São Gonçalo e os municípios de Itaboraí e Magé representam a maior concentração do total de 2,7 milhões de clientes atendidos pela companhia. A estratégia de atuação da Enel é baseada no seu Plano de Sustentabilidade e nos compromissos assumidos com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2022 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira