Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

03/03/2021 - 08:00

Você faz a gestão correta do seu ERP?


Você sabe exatamente como está seu ERP? Está atento às atualizações e ao ciclo de vida do seu sistema? A quantidade de licenças que sua empresa possui é a ideal?

Todas as personalizações contidas nele são realmente necessárias e estão em uso?

Conhece maneiras que o deixariam mais rápido e preciso?

São muitas questões... mas acredite: para que um software de gestão seja realmente eficiente, é imprescindível considerar esses pontos.

Porém, o que de fato acontece, é que logo após a implantação, infelizmente, muitas empresas desconsideram a importância da gestão correta do sistema e enxergam como essencial apenas as tarefas de ajustes ou suporte esporádico.

A falta dessa gestão impacta uma série de agravantes, como por exemplo: a desatualização do sistema, o uso parcial da ferramenta e até mesmo o excesso de personalizações.

O acúmulo de personalizações ocorre porque tanto a tecnologia, como as necessidades dos usuários mudam constantemente, e muitas vezes esses pequenos desenvolvimentos acabam substituídos por outros.

De certa forma, as customizações impactam também na atualização do ERP. Quando não bem realizadas e tratadas, podem se perder no processo e interferir na integridade da tecnologia.

Como esse processo é complicado e gera inúmeras inconsistências no software, muitas empresas optam por não atualizar o sistema, tornando a tecnologia obsoleta, e não precisa ser adivinho para saber as consequências disso, não é mesmo?

Quando as coisas começam a perder o controle ou quando a operação demonstra falhas impactadas pelo sistema, causando prejuízos ou ineficiência da estratégia, a empresa passa a olhar o ERP de forma negativa, cogitando inclusive sua substituição.

E é exatamente nesse momento que a importância da gestão do sistema se mostra indiscutivelmente vital.

Contar com esse controle desde o início evitaria uma série de custos extras, riscos de perdas de dados e de performance. O ERP em alta performance proporciona uma visão sistêmica ampla do negócio, fornecendo meios de tornar processos mais simples, práticos, funcionais e eficientes.

É importante ter em mente que a transformação digital é inevitável e tem transformado radicalmente o mundo dos negócios, permitindo inclusive a abertura de novos mercados e oportunidades.

A gestão correta do sistema permite a avaliação aprofundada das demandas dos setores da empresa, bem como a adoção de novas tecnologias, ajudando inclusive a detectar gargalos de performance para tornar o negócio mais eficiente e competitivos.

Portanto, aposte na gestão do seu ERP!

. Por: Alan Lopes, CEO da CRM Services.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira