Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

10/07/2020 - 08:45

“A cooperação internacional é fundamental para a recuperação”, diz ministro


O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque afirmou em evento da Agência Internacional de Energia que a cooperação internacional é fundamental para a recuperação e que o Brasil, em particular, quer desenvolver parcerias no setor de hidrogênio de baixo carbono.

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, participou no dia 09 de julho (quinta-feira), da Cúpula sobre Transições para Energia Limpa da Agência Internacional de Energia (IEA), ocasião em que afirmou que o Brasil pode desempenhar um papel importante ajudando os países a lidar com o impacto de curto prazo da pandemia sobre o setor de bioenergia e aproveitar a oportunidade para reconstruir melhor, reduzindo emissões por meio de políticas inteligentes e mecanismos de mercado.

Em seu discurso, Albuquerque afirmou que a cooperação internacional é fundamental para a recuperação e que o Brasil, em particular, quer desenvolver parcerias no setor de hidrogênio de baixo carbono.

O ministro também destacou as medidas necessárias tomadas pelo Brasil de enfrentamento à Covid-19 para garantir alívio financeiro e econômico de emergência para impedir uma crise ainda mais profunda. Citou o apoio aos consumidores de baixa renda de até 220 KWh e o empréstimo às distribuidoras no valor de até US$ 5 bilhões.

Sobre os planos decenal e de trinta anos de energia, o Ministro disse que os documentos estão sendo adaptados aos efeitos da pandemia. Além disso, falou sobre a elaboração de planos para a modernização dos ativos de transmissão e que, segundo ele, deverão atrair investimentos significativos nos próximos anos.

— Desenhamos novos arcabouços legais e regulatórios para a Modernização do Setor de Energia e o Novo Mercado de Gás, com a excelente cooperação da Agência Internacional de Energia, no âmbito do programa de Transições para Energia Limpa — afirmou.

O ministro salientou que está sendo finalizado um modelo de negócios para ser apresentado a potenciais parceiros para a construção de novas usinas nucleares previstas para os próximos anos.

Cúpula — Participaram da Cúpula sobre Transições para Energia Limpa, ministros de vários países que representam a grande maioria do PIB global, uso de energia e emissões de gases de efeito estufa. Estiveram na a mesa virtual para discutir medidas para impulsionar economias, criar empregos, reduzir emissões globais e tornar os sistemas de energia mais resilientes. Os ministros presentes representam quase 80% do consumo global de energia e das emissões globais de carbono, tornando a discussão mais importante sobre energia e clima desde o início da pandemia de Covid-19.

O encerramento contou com o reconhecimento da liderança da AIE no chamamento global em favor de uma recuperação sustentável que ofereça soluções concretas para impulsionar a economia, gerar empregos e posicionar as emissões em declínio estrutural.

— Por fim, saudamos o importante papel da Agência Internacional de Energia como líder nos esforços mundiais de transição energética, com um enfoque que engloba todos os combustíveis e todas as tecnologias — finalizou Albuquerque.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira