Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

15/05/2020 - 08:13

Como equacionar o fluxo financeiro dos condomínios


Ccom aumento da demanda de serviços?.

Sem dúvida sairemos melhores do que entramos nesta pandemia. Ao final de tudo isso, seremos humanos melhores, com hábitos melhores e isso também se reflete na dinâmica dos condomínios. Com certeza todos os processos que foram otimizados irão permanecer, como a limpeza e sanitização das áreas comuns e acessos, como elevadores, piso e paredes, banheiros, maçanetas, e tantos pontos de contato, que podem ser potenciais para contaminação.

Aprendemos que podemos nos unir e ajudar nossos vizinhos com dificuldade de locomoção ou idade mais avançada, em fazer pequenos favores como recolher e descartar o lixo e, até mesmo, fazer uma compra no supermercado. Percebemos o quanto é importante olhar para o lado, e entendemos que dependemos um dos outros. Simples atos como usar máscaras podem proteger você e os outros, principalmente nos locais compartilhados, como elevadores, lavanderia, salão de jogos, entre outros. A disposição de dispensers de álcool em gel nos locais de grande fluxo de pessoas é fundamental. Alguns síndicos instalaram papeleiras e dispenser de álcool em gel dentro dos elevadores para o usuário não ter contato com os botões dos elevadores, os usuários utilizam papel para apertar os botões e descartam este papel em uma pequena lixeira também dentro do elevador, uma atitude simples, mais muito inteligente no combate da propagação do vírus.

Outro ponto percebido foi o aumento da inadimplência das taxas condominiais. Talvez pela situação econômica ou falta de planejamento financeiro das famílias, houve uma crescente em pedidos de desconto nas taxas condominiais. Como equacionar o fluxo financeiro do condomínio com aumento da demanda de serviços? Este é um dos pontos mais desafiadores para os administradores de condomínios. A demanda residencial aumentou muito, desde que grande parte dos moradores passaram a trabalhar home office. O consumo de água, energia elétrica e gás, aumentaram em média 30% com a permanência dos moradores em suas unidades. Com isso também, foi necessário manter o quadro de funcionários totalmente ativo e mais completo que nunca, pois com mais pessoas passando mais tempo em suas unidades, a portaria recebe muito mais encomendas, delivery, correspondência, mensageiros, motoboys, entre tantas outras coisas.

Consequentemente, o time da limpeza também trabalha muito mais, pois além de ter que manter as áreas limpas e descontaminadas, o condomínio gera muito mais lixo. Uma opção para diminuir a taxa condominial pode ser a suspensão da arrecadação do fundo de reserva, dependendo do condomínio, isto pode representar uma redução de 5% a 10%. Caso o condomínio esteja fazendo qualquer outro rateio extra, como fundo de inadimplência, fundo de obras ou melhoria, isto também pode aguardar, pois não é emergencial. Os síndicos e administradores de condomínios precisam ser pró ativos e ter iniciativas para conciliar a real necessidade dos proprietários com a atual situação do país.

. Por: João Xavier, síndico profissional, especialista em gestão condominial, especialista em implantação de novos condomínios. Administrador de empresas, sócio diretor da ATMA Consultoria Imobiliária, possui larga experiência em sistemas condominiais, e tecnologia voltada para segurança de condomínios. Membro do Conselho de Administração do estado de São Paulo (CRA-6-001410), atuou como palestrante em várias administradoras de condomínios em São Paulo.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira