Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

19/09/2019 - 08:48

Consulta precoce ao oftalmo protege a visão


Desde cedo, os pais devem ficar atentos aos problemas de visão de seus filhos. É muito importante que a primeira consulta ao oftalmologista seja por volta dos 3 anos, mesmo que a criança não esteja alfabetizada ou os responsáveis não percebam nada de estranho. Assim, o médico pode descartar várias patologias, como alergias, glaucoma precoce, catarata congênita, estrabismo, e, se houver algum problema, começar o tratamento, sem maiores prejuízos a saúde ocular. Vale lembrar também da importância do “teste do olhinho” feito já na maternidade, e que é de extrema importância para a saúde visual dos pequenos.

Nos primeiros anos de vida, é comum os pais recorrerem ao pediatra para dúvidas e tratamentos que tenham relação com alguma irritação ocular ou conjuntivite de seu bebê. O médico, muitas vezes com boa intenção, tenta ajudar, mas sem a aparelhagem adequada não consegue diferenciar as diferentes conjuntivites que existem, e com isso, pode usar um remédio que prejudique ao invés de tratar aquela inflamação, e o pior, trazer prejuízos irreversíveis para os olhos da criança.

O diagnóstico precoce é essencial para com tratamento adequado, impedir as sequelas que as diferentes doenças oculares podem causar, como cegueira, distrofias, descolamentos de retina e outros. A coceira ocular não é tão inocente quanto parece. O ato de esfregar o olho pode levar a degenerações de córnea ou outras doenças mais graves como ceratocone ou até mesmo descolamento de retina. Por isso toda criança alergica deve ser pesquisada também quanto a alergia ocular, e com tratamento adequado reduzir a coceira e com isso o ato de esfregar os olhos.. Sempre que a criança apresentar algum problema, é importante o acompanhamento de um oftalmo.

. Por: Dr Anderson Salgueiro, oftalmologista da Clinica Neurovida.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira