Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/08/2019 - 08:32

BTG Pactual atinge receita total em R$ 2,2 bilhões no 2T19

Crescimento de 76% em comparação ao ano anterior. Lucro ajustado alcança R$ 1 bilhão no segundo trimestre, com crescimento de 50,2% em relação ao segundo trimestre de 2018. O retorno ajustado sobre o patrimônio líquido médio (ROAE) no período foi de 20,6%. Em comparação ao segundo trimestre de 2018, o total de ativos sob gestão em Wealth Management (WuM) cresceu 32,3%, totalizando R$ 141,9 bilhões, e em Asset Management o total de ativos sob gestão e administração (AuM e AuA) cresceu 32,9%, fechando o trimestre em R$ 226,4 bilhões. índice de eficiência chega a 40%, valor abaixo da média histórica.

São Paulo — As receitas totais do Banco BTG Pactual (B3:BPAC11) atingiram R$ 2,2 bilhões no segundo trimestre de 2019, com crescimento de 76,2% em relação ao mesmo período do ano passado. O lucro líquido ajustado foi de R$ 1 bilhão, volume 50,2% maior que no segundo trimestre de 2018.

As receitas de Investment Banking somaram R$ 186 milhões, aumento de 6% em relação ao trimestre anterior e queda de 11,4% na comparação com o 2T18. Tanto em Equity Capital Market (ECM), quanto em fusões e aquisições (M&A), o BTG Pactual foi o líder em número de transações na América Latina. Em ECM também é o primeiro em volume de transações.

O desempenho do segundo trimestre foi bastante forte na área de Sales & Trading, que apresentou crescimento de 231,7% nas receitas, indo de R$ 267,2 milhões no 2T18 para R$ 886,4 milhões no 2T19 - impulsionado pela boa performance das mesas de operações e também pela melhora no ambiente de negócios.

Em Asset Management, o total de ativos sob gestão e administração (AuM e AuA) alcançou R$ 226,4 bilhões no trimestre, representando um aumento de 32,9% em relação ao mesmo período de 2018. Já as receitas totalizaram R$ 227 milhões, crescimento de 52,6% em relação ao trimestre equivalente do ano passado.

Em Wealth Management, o indicador WuM (wealth under management) fechou em R$ 141,9 bilhões no segundo trimestre de 2019, um crescimento de 6,2% e 32,3% quando comparado ao 1T19 e ao 2T18, respectivamente. A área continua entregando fortes resultados, com receita de R$ 155 milhões, um crescimento de 25,6% comparado ao ano anterior.

O lucro líquido ajustado por ação foi de R$ 1,18 e o retorno anualizado sobre o patrimônio líquido médio ("ROAE anualizado") alcançou 20,6% no trimestre.

"Continuamos a realizar importantes investimentos em tecnologia e inovação, e a extrair benefícios significativos desses investimentos. No último trimestre, criamos a Unidade Digital de Varejo do BTG Pactual, integrando a visão estratégica das nossas diversas frentes de atuação digital. além disso, os resultados do trimestre mostram que o crescimento e o retorno de nossas franquias tradicionais permanece consistente", afirma Roberto Sallouti, CEO do BTG Pactual.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: