Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

08/08/2019 - 09:44

BR Properties registra expressivo volume de novas locações

Valor médio de aluguel do portfólio aumenta em 3,7%.

A BR Properties S.A., uma das maiores companhias de investimento em imóveis comerciais do Brasil, apresentou redução na vacância de seus empreendimentos durante o segundo trimestre de 2019. Desconsiderando o efeito das vendas de ativos, a empresa fechou o período com taxas de vacância financeira e física de 17,5% e 25,6%, respectivamente. Durante o trimestre a Companhia locou 19.171 m² de Área Bruta Locável (ABL) do seu portfólio, sendo a grande maioria no mercado do Rio de Janeiro.

"Mesmo com o ritmo da recuperação econômica abaixo do esperado, o segundo trimestre do ano trouxe contínua melhora na retomada do mercado imobiliário brasileiro. Na capital paulista, por exemplo, a taxa de vacância registrada ao fim do período é a menor desde 2014. Esse cenário, combinado ao volume reduzido de novas ofertas previsto para a cidade nos próximos anos, cria um ambiente favorável à pressão nos preços de aluguéis no médio e longo prazo. Já no mercado carioca foi possível observar grande volume de locações no período, resultado da intensificação do movimento de flight-to-quality na cidade", afirma o CEO da BR Properties, Martin Jaco.

Diante deste cenário, o mês de julho continuou apresentando números positivos para o portfólio da empresa, período no qual foram locados adicionais 9.604 m² de ABL. Desta forma, ao final de julho as taxas de vacância financeira e física da BR Properties reduziram para 15,8% e 24,1%, respectivamente, desconsiderando o efeito das vendas de ativos.

Além disso, a BR Properties conseguiu aumentar a média dos aluguéis pagos no período. O valor do aluguel médio das mesmas propriedades no 2T19 apresentou aumento nominal de 3,7% em relação ao registrado no 2T18. Se comparado aos números do trimestre anterior, o valor do aluguel médio teve aumento de 3,6%.

Ainda no âmbito operacional, a Companhia concluiu nos últimos meses as vendas de dois imóveis comerciais, Edifícios Paulista e Barra da Tijuca. As vendas fazem parte da estratégia da BR Properties de buscar reciclar parte de seu portfólio, além de representar mais um importante passo no processo de otimização de sua estrutura de capital.

No segundo trimestre, a BR Properties registrou lucro líquido de R$ 57,1 milhões, ante R$ 61,7 milhões de prejuízo no mesmo período de 2018. No acumulado dos seis primeiros meses de 2019, no entanto, a empresa registra prejuízo líquido de R$ 110,8 milhões, em decorrência do efeito negativo de R$ 138,3 milhões, referentes à reversão do imposto deferido sobre variação cambial na recompra do Bônus Perpétuo denominado em dólares no primeiro trimestre do ano.

No âmbito financeiro, a Companhia colhe frutos dos esforços realizados ao longo dos últimos meses com uma redução de 8% em suas despesas financeiras líquidas no trimestre. Com relação ao resultado acumulado no ano, os números do primeiro semestre de 2019 apresentaram redução de 2% quando comparados aos do mesmo período do ano anterior.

"Esse resultado reflete o sucesso na gestão ativa de nossos passivos, mediante renegociações e reperfilamento de dívidas, e novas captações, de forma a nos beneficiar do nível atual das taxas de juros, patamar mais baixo desde o início da série histórica em 1986, e com perspectiva de novas reduções, conforme projeções de mercado", explica Jaco.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: