Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/07/2019 - 10:49

Groupe PSA tem 1,9 milhão de unidades vendidas em todo o mundo no 1S19

Fortalecimento das posições na Europa, com participação no mercado em crescimento de 0,3 pt. Início da produção na fábrica de Kenitra, suportando a ofensiva comercial da região África-Oriente Médio.Eletrificação em curso, com nove modelos eletrificados próximos ao lançamento.

“Apesar do declínio dos mercados automotivos globais no primeiro semestre, nossas equipes comerciais conseguiram aumentar a nossa participação de mercado em diversos países, principalmente na Europa e na África. A implementação rigorosa de nossas estratégias de “Core Model” e “Core Techno” é determinante para a realização de vendas rentáveis e a melhoria da satisfação dos clientes”, declarou Carlos Tavares, presidente mundial do Groupe PSA: A ofensiva elétrica está em andamento com o objetivo de oferecer uma gama 100% eletrificada a partir de 2025.

O Groupe PSA pretende ser um protagonista da mobilidade eletrificada, disponibilizando, a partir de agora, todos os novos modelos nas versões híbrido recarregável ou totalmente elétrico: DS 3 Crossback E-Tense, Peugeot e-208, e-2008 e Opel Corsa-e na versão 100% elétrica, e DS 7 Crossback E-Tense 4X4, Peugeot 3008 HYbrid e HYbrid4, Peugeot 508 & 508 SW HYbrid, Opel Grandland X Hybrid4 e Citroën C5 Aircross SUV Hybrid na versão híbrido recarregável.

O Groupe PSA também está preparando uma gama completa de veículos utilitários eletrificados para 2025, começando pelos modelos Citroën Berlingo e Peugeot Partner, já disponíveis na versão elétrica. A nova geração eletrificada desses veículos da Peugeot, Citroën e Opel / Vauxhall chegará ao mercado até 2021. Em abril, o Grupo apresentou as versões eletrificadas da Peugeot Boxer e do Citroën Jumper no Salão do Veículo Utilitário de Birmingham. Também anunciou para 2020 uma versão eletrificada no segmento dos furgões.

Em apenas dois anos, 14 novos veículos eletrificados serão lançados.

Europa: crescimento rentável num mercado em retração — Em um mercado que registrou uma queda de -2,4% no primeiro semestre, a participação do Groupe PSA alcançou 17,4%, em alta em todos os seus principais mercados, incluindo Itália (+1,1), França (+0,7), Reino-Unido (+0,2), Alemanha (+0,1) e Espanha (+0,1).

Esse desempenho foi impulsionado pelos excelentes resultados da Citroën, que bateu seu recorde de vendas dos últimos oito anos e alcançou o maior crescimento do Top 12 das marcas. Assim, a participação no mercado da marca cresceu 0,3 pontos na Europa, essencialmente devido ao sucesso da gama de SUVs (C5 Aircross e C3 Aircross).

A Opel Vauxhall vem mantendo seu desenvolvimento desde o último outono europeu, aumentando ligeiramente sua participação no mercado, particularmente na França (+0,2 pontos), Reino Unido (+0,2 pontos) e Itália (+0,7 pontos). Paralelamente, a marca segue focando na realização de vendas rentáveis. Os modelos Combo, Crossland X e Grandland X são os principais responsáveis por esse desempenho. A Opel Vauxhall deve se beneficiar com o lançamento do novo Corsa no segundo semestre.

A participação no mercado da Peugeot permanece estável na Europa. Além do sucesso constante dos SUVs 3008/5008, o progresso da Peugeot também se deve à família 508, que inclui o recém-lançado SW e foi recompensada por inúmeros prêmios: o sedan 508 é nº 1 na França desde seu lançamento. A Peugeot também superou seu precedente recorde de vendas de veículos utilitários no primeiro semestre.

A DS Automobiles confirma o crescimento sustentado da marca (+1,7% em relação ao primeiro semestre de 2018 e +16% no segundo trimestre em comparação com 2018) com os modelos DS 7 Crossback—– líder dos SUVs Premium na França no primeiro semestre — e DS 3 Crossback, lançado em maio na França e número um no ranking de emplacamentos de SUVs premium em junho na França.

O Groupe PSA mantém sua posição de líder no mercado de veículos utilitários, com uma participação no mercado estável de 24,7%.

Oriente Médio — África: presença industrial operacional.

A participação de mercado do Groupe PSA cresceu em seus principais mercados: Marrocos (+4,7 pontos), Egito (+3,5 pontos), Argélia (+2,7 pontos) e Turquia (+0,5 pontos). A evolução das vendas foi impactada pela paralisação das atividades no Irã[4] e pela desaceleração do mercado turco (-44,8%).

Com o início da produção na fábrica de Kenitra, no Marrocos, o Grupo poderá produzir modelos que correspondam às expectativas dos clientes e atendam suas ambições comerciais na região.

China e Sudeste Asiático: melhorar o business model na China — Em meio à forte retração no mercado chinês, as vendas do Grupo registraram uma queda de 62,1%. A DS manteve sua participação no mercado. O Grupo está revendo os planos de ação com seus parceiros para enfrentar os atuais desafios e reduzir o ponto de equilíbrio financeiro das joint-ventures.

A ofensiva elétrica está em andamento, com o lançamento dos modelos Peugeot 508L Plug-in HYbrid, Peugeot e-2008 e DS 3 Crossback em 2020.

As exportações do hub Malaio NAM começaram com os Peugeot 3008 e 5008.

América Latina: ventos contrários na Argentina — As vendas do Grupo na América Latina caíram 29,3%, com uma forte retração no mercado argentino (-50,3%). Entretanto, o Grupo estabilizou sua participação de mercado no Brasil, graças ao sucesso obtido pelo SUV C4 Cactus e à ofensiva dos Veículos Comerciais. Também manteve sua posição no Chile e progrediu no México, apesar da desaceleração dos mercados. A Opel progrediu na região e aumentou sua participação de mercado.

Essa tendência animadora se deve ao sucesso dos SUVs e dos lançamentos recentes: Citroën C5 Aircross e Peugeot 2008, além dos Citroën C4, Peugeot Rifter e, em breve, o DS 3 Crossback. A ofensiva VUL também continua, com os lançamentos recentes dos novos Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo.

Índia-Pacífico: vendas em alta (+2,3%) — O sucesso recorrente do Grupo no Japão continua, com alta de 16% das vendas. O Groupe PSA superou uma nova etapa com o anúncio, em abril, do lançamento da marca Citroën na Índia e com o começo da produção de caixas de câmbio (fábrica de Hosur) em parceria com a AVTEC Ltd. (uma empresa do grupo CK Birla).

Eurásia: preparar a volta da marca Opel — Com a tendência decrescente do mercado russo (-2,4%), a participação no mercado do Groupe PSA sofreu uma leve queda (-0,2 pontos). O Grupo lança a DS Automobiles na Ucrânia, onde abrirá seu primeiro DS Store em julho. O Grupo também está preparando a volta da marca Opel na Rússia, com os modelos Zafira Life e Grandland X, que estarão disponíveis em poucos meses.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira