Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

21/12/2018 - 07:22

Exportações do setor chegam a US$9,6 bilhões em novembro e valor já supera 2017, diz Ibá


Saldo da balança comercial também avançou até novembro e ultrapassou o valor de todo o ano anterior.

O Boletim Cenários Ibá, produzido pela Indústria Brasileira de Árvores (Ibá), dá indícios de que 2018 será um ano de recordes para o setor, uma vez que alguns resultados parciais já se mostram superiores a 2017. As exportações até novembro, que chegaram a US$9,6 bilhões, já ultrapassaram todo o valor negociado em 2017, que encerrou o ano com US$8,6 bilhões. Até novembro de 2018, o saldo da balança comercial fechou em US$ 8,6 bilhões, também acima de todo o ano anterior (US$ 7,5 bilhões).

Na comparação entre o mesmo período, de janeiro e novembro, houve alta nas exportações de celulose (+31,1%), painel de madeira (+7,1%) e papel (+5,0%), variação positiva de 24,4% no total.

A representatividade da balança do setor seguiu com avanços no acumulado até novembro de 2018, totalizando 4,4% do total de exportações brasileiras e 10,3% das exportações do agronegócio.

A China continua sendo o principal mercado externo para comercialização da celulose e até novembro adquiriu US$3,2 bilhões do produto brasileiro, aumento de 42,1% em relação ao mesmo período do ano passado. O segmento papel continua com seu foco de comercialização externa na América Latina, que apresentou avanço de 8,3% no valor negociado. A América Latina também é o principal destino dos painéis de madeira e investiu US$ 161 milhões na aquisição do produto neste ano, alta de 15,8%.

A seguir os indicadores de desempenho do setor de árvores plantadas, na 55ª edição do Cenários Ibá, boletim mensal da Indústria Brasileira de Árvores.

. Exportações em Volume.: Variação em novembro de 2018 em comparação com o mesmo período do ano anterior

Celulose Papel: 1,2 milhão de toneladas, Alta 13,2% | Papel: 184 mil toneladas, Alta 5,7% | Painel de Madeira: 111 mil m³, Alta 19,4% .

A celulose manteve o ritmo acelerado de vendas ao exterior e avançou 9,7% no ano, com 13,2 milhões de toneladas vendidas. Somente em novembro este número somou 1,2 milhão de toneladas, alta de 13,2% na comparação mensal. Já os painéis de madeira avançaram 7,0% durante 2018, com 1,2 milhão de m³ exportados.

. Destino das Exportações.: Variação no acumulado de 2018 em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Celulose: China | Principal destino de exportação de celulose | Participação: 42% | Receita: US$ 3.2 bilhões (+42,1%). Europa | Segundo destino de exportação de celulose | Participação: 32% | Receita: US$ 2.4 bilhões (+30,6%).

Papel: América Latina | Principal destino de exportação de papel | Receita: US$ 1.2 bilhão (+8,3%).

Painel de Madeira: América Latina | Principal destino de exportação de painéis de madeira | Receita: US$ 161 milhões (+15,8%).

. Produção.: Variação em novembro de 2018 em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Celulose: 1,8 milhão de toneladas (+5,0%) | Papel 887 mil toneladas (+1,4%).

A produção de celulose segue em alta no acumulado do ano, com variação positiva de 9,6% e total de 19,3 milhões de toneladas fabricadas. No mês, a produção demonstrou alta de 5,0%, atingindo 1,8 milhão de toneladas. O papel se manteve estável, com 9,6 milhões de toneladas produzidas em todo 2018. Papelcartão e tissue tiveram leve avanço de 3,7% e 3,9% respectivamente.

. Vendas Domésticas.: Variação em novembro de 2018 em comparação com o mesmo período do ano anterior. Papel: Vendas de 486 mil toneladas (0,6%) |Painel de Madeira: Vendas de 620 mil m³ (+1,0%).

Os painéis de madeira mantiveram o crescimento, com variação positiva de 4,3% em relação ao acumulado do ano e 1,0% na comparação entre novembro de 2018 e 2017. Até o décimo primeiro mês do ano, foram 6,2 milhões de m³ negociados com o mercado interno. Papel, por sua vez, manteve o mesmo volume de vendas domésticas, com 5,0 milhões de toneladas comercializadas (+0,9% ).

Perfil — A Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) é a associação responsável pela representação institucional da cadeia produtiva de árvores plantadas, do campo à indústria, junto a seus principais públicos de interesse. Lançada em abril de 2014, representa 53 empresas e nove entidades estaduais de produtos originários do cultivo de árvores plantadas - painéis de madeira, pisos laminados, celulose, papel, florestas energéticas e biomassa -, além dos produtores independentes de árvores plantadas e investidores institucionais. | www.iba.org.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira
 Consulta inválida: