Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

12/05/2018 - 08:42

Flamengo e ISV/MUDE apresentam ao mercado o projeto da exposição permanente Fla Memória


A novo Fla Memória ocupará mais de 2 mil m² na sede da Gávea. O investimento estimado é de US$ 4 milhões, vindos de patrocinadores e parceiros.

O que faz de um clube de futebol um gigante? Títulos, vitórias, torcida e, principalmente, uma história de glórias. Consolidado como o maior mercado consumidor do futebol brasileiro, o Clube de Regatas do Flamengo, em parceria com a ISV/MUDE, se prepara para contar de maneira definitiva seus 123 anos de história. O projeto da Exposição Fla Memória pretende transformar uma área de mais de 2 mil m² na maior e mais moderna exposição de um clube do futebol brasileiro. A ambição do projeto se reflete nos números de invetimento, avaliado em US$ 4 milhões.

O novo Fla Memória espera receber entre 150 e 250 mil visitantes por ano. O custeio do projeto será 100% viabilizado pela ISV (International Sports Ventures) e pela MUDE (Museos Desportivos) e gerará royalties para o Clube. Agora, a nova parceira rubro-negra vai ao mercado captar patrocinadores para viabilizar o projeto. Para a sua conclusão, o Fla Memoria deve gerar 250 postos de emprego diretos e indiretos.

Marcelo Fernandes, sócio-diretor da ISV, detalha como surgiu a ideia de apostar na reformulção do Fla Memoria junto ao Clube: “O Flamengo vinha buscando um parceiro para renovar e ampliar o Fla Memória. Um sonho antigo de seus sócios e sua torcida. A ISV, em parceria com a MUDE S.A, já vinha desenvolvendo o projeto do museu itinerante do FC Barcelona, quando conhecemos o diretor de Patrimônio Histórico do Flamengo, Daniel Rosenblatt, e iniciamos juntos com o clube, o projeto de transformação do Fla Memória, afirma.”

O maior mercado consumidor do esporte brasileiro — As recentes provas de engajamento da torcida rubro-negra foram fatores importantes que estimularam ISV/MUDE e Flamengo a construir este projeto, que transformará um espaço de 300m² na maior exposição do Brasil com mais de 2 mil m². Com mais de 40 milhões de torcedores, em 2017 o Flamengo atingiu a meta de 100 mil sócio-torcedores, que contribuíram com mais de R$ 45 milhões para os cofres do clube. Nas redes sociais os números também são muito impressionantes. O Clube acumula 11,3 milhões de fãs no Facebook, 2 milhões de seguidores no Instagram, e cerca de 900 mil inscritos em seu canal oficial no Youtube.

Por fazer parte de uma marca de alcance nacional, com milhões de torcedores espalhados pelo Brasil, o novo Fla Memoria mira no mercado de turismo e entretenimento. Estando o Flamengo localizado em um ponto nobre da Zona Sul carioca, o objetivo é tornar o espaço um dos pontos turísticos mais desejados do Rio de Janeiro. Ao mesmo tempo, conectando os flamenguistas de outras praças com o clube, e também atraindo investimento de diversos segmentos da indústria.

“O projeto de expansão do Fla Memória significa um passo enorme para tornar realidade um sonho de todos os rubro-negros. Tenho certeza de que será um sucesso, não só para a torcida, mas um ponto de atração turística do Flamengo e da cidade do Rio de Janeiro, afirma o presidente rubro-negro, Eduardo Bandeira de Mello”

Gigantes europeus são exemplo de infraestrutura e retorno para o Clube, patrocinadores e a cidade — Inspirado nos museus e exposições permanentes de clubes mais visitados do mundo, como Juventus, Real Madrid e Barcelona. O Fla Memória se prepara para trazer ao Brasil tecnologia e áreas de interatividade inéditas no país. O projeto contempla 15 áreas temáticas que fazem uma verdadeira viagem pela história do Clube. Da origem no Remo até as galerias de troféus, passando por áreas de interatividade com o atual elenco e ídolos históricos, com destaque para uma ala dedicada exclusivamente ao craque Zico.

Além de um enorme impacto de exposição de marca e mídia expontânea, o Fla Memória gerará receita ao Clube através de royalties. O modelo comercial construído prevê um balanço de receita para viabilizar a parceria entre as empresas e o clube, o que representará uma receita para o Flamengo, significativamente maior que a receita percebida pela operação atual. O Fla Memória seguirá o que se pratica em outras operações similares pelo mundo, de forma a privilegiar também a visibilidade e retorno para as marcas que se associarem ao projeto através das diferentes formas de patrocínio que estão elaboradas.

Marcelo Fernandes destaca também como o Fla Memoria deve contribuir para a indústria criativa do Rio: “O Fla Memória é um projeto permanente, com viés esportivo e cultural, preparado para atender um sonho dos sócios do clube e torcedores, que vai se transformar também em um ponto turístico importante pra cidade. Faremos uma exposição interativa, sem economia em tecnologia e privilegiando o entretenimento, com recursos áudio-visuais de última geração. Nada ainda visto em equipamentos deste tipo no Brasil. O detalhe é que vamos fazer tudo isso com a cara do Brasil e do Rio. Para tanto, vamos precisar de ajuda da indústria criativa. Buscar e criar soluções atrativas ao visitante, envolver universidades e escolas de arte é nossa intenção. Este modelo, certamente vai alavancar a exclusividade e sofisticação do que vamos criar, e assim seremos ainda mais atrativos para os turistas e visitantes da cidade. A sala multiuso é a cereja do bolo. Permitirá uma programação sem igual para torcedores, visitantes e turistas. Funcionando ainda como um elemento importante para ativar as marcas patrocinadoras.” reforça o executivo.

Histórico recente de boas práticas de gestão pode atrair parceiros — Outro fator que poderá ser decisivo para atrair potenciais investidores é a adesão do Flamengo ao Pacto pelo Esporte, um acordo firmado entre empresas patrocinadoras, por uma gestão mais profissional, moderna e eficiente no esporte. A iniciativa pretende aumentar e melhorar o investimento no esporte e dar mais segurança para os patrocinadores. Ele tem como signatárias 20 das maiores empresas do Brasil: Aché Laboratórios, Banco do Brasil, Bradesco, BRF, Carrefour, Centauro, Coca-Cola, Construtora Passarelli, Correios, Decathlon, EY, Estácio, Gol Linhas Aéreas Inteligentes, Itaú Unibanco, Johnson & Johnson, McDonald´s, P&G, Somos Educação, TAM e Vivo. O Flamengo é apoiador do Pacto pelo Esporte desde seu lançamento e já se comprometeu a ser avaliado por ele.

O projeto para valorização, restauração, catalogação e armazenamento apropriado do património histórico do Flamengo começou em 2013, com a criação da Vice-Presidência de Patrimônio Histórico e intercâmbios com museus no Brasil, França, Argentina e em Portugal. Em 2014 uma alteração no Estatuto do Clube fez com que a cultura passasse a ser atividade econômica secundária do Flamengo. Com esta conquista, o Rubro-Negro tornou-se apto para candidatura nas leis de incentivo a cultura, tais como Rouanet, ISS e ICMS.

Desde junho de 2016 a Vice-Presidência de Património Histórico assumiu a antiga exposição do clube, alterou o nome para Fla Memória, investiu na logomarca, na divulgação e elevou em 21 % a média de visitações. Agora, com a reformulação total do espaço, o rubro-negro se prepara para virar referência mundial fora de campo.

O vice-presidente de Patrimônio Histórico, Roberto Diniz fala sobre a expectativa para o novo Fla Memória: “O novo Fla Memória é o projeto mais relevante a ser realizado pelo Patrimônio Histórico do Flamengo. Quando passamos a explorar a bilheteria da antiga exposição, conseguimos reinvestir em melhorias no departamento e criar a possibilidade de fazer tudo que estamos fazendo agora, como recuperar troféus, contratar profissionais especializados, estruturar nossos arquivos e muito mais. O contrato é espetacular para o Flamengo e saiu do papel graças ao conhecimento do Daniel Rosenblatt, que viaja constantemente e conhece profundamente o assunto. Com grande satisfação, tivemos aprovação quase unânime do nosso projeto no Conselho Deliberativo do Flamengo e estamos contentes e esperançosos de que o nosso Fla Memória será um grande ponto turístico do Rio e que nós, rubro-negros, poderemos contar nossa história ainda mais orgulhosos dela”.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira