Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

07/02/2018 - 07:47

Prefeitura do Rio apresenta plano operacional para o Carnaval Rio 2018


O Carnaval Rio 2018 promete levar 6,5 milhões de foliões às ruas e encantar a todos com uma agenda plural que compõe o mais tradicional evento do calendário da cidade. A Riotur estima que a cidade receberá 1,5 milhão turistas neste período, gerando uma receita de R$ 3,5 bilhões.

A Prefeitura do Rio de Janeiro, anunciou na manhã do dia 6 de fevereiro (terça-feira), detalhes do esquema especial para o Carnaval 2018. Promovido pela Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro, através da Riotur, o Projeto Carnaval engloba eventos por toda a cidade, com os tradicionais blocos de rua, os desfiles das agremiações na Marquês de Sapucaí, apresentações dos grupos de acesso na Estrada Intendente Magalhães, palcos dos bailes populares por toda a cidade, blocos de enredo e de embalo, concursos de fantasias, bandas e coretos. A Riotur estima que a cidade receberá 1,5 milhão turistas neste período, gerando uma receita de R$ 3,5 bilhões.

Sambódromo — Durante seis dias de folia o Sambódromo recebe os desfiles das ?Escolas de Samba do Grupo Especial, Série A e Escolas Mirins, totalizando 42 agremiações. Cerca de 500 mil pessoas passam pela Passarela do Samba para apreciar o Maior Espetáculo da Terra que é transmitido para todos os estados do Brasil e mais de 100 países. Estas agremiações são representadas pela Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro(LIESA), Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro(LIERJ) e- Associação das Escolas de Samba Mirins do Rio de Janeiro( AESMRio).

Concursos Oficiais, Bailes Populares e Blocos de Embalo — A tradição do carnaval está representada também nos Bailes Populares ?, que acontecem anualmente em palcos montados nas zonas norte e oeste do Rio, garantindo a diversão para todos. Gratuitos e ao ar livre, os bailes contam com a participação de bandas e músicos selecionados pelo Concurso de Bandas, promovido pela Riotur. Este ano, o Boulevard Olímpico, na zona portuária, receberá um palco com programação de sábado até a terça-feira de carnaval, já com a participação garantida dos blocos Céu na Terra e Gigantes da Lira e a trupe do Teatro do Anônimo, valorizando as manifestações populares com uma agenda destinada ao público infantil. Outras iniciativas que fazem sucesso no carnaval carioca são os concursos promovidos pela Riotur. O Concurso da Corte Real do Carnaval Carioca elege o Rei Momo 1° e Único, a Rainha e as Princesas do carnaval. Este ano, a corte é formado pelo Rei Momo Milton Junior, a Rainha Jéssica Maia e as princesas Deisiane Conceição e Cintia de Oliveira. Já o?Concurso de Coretos, criado em 1972, é um incentivo ao carnaval nos bairros, mobilizando os moradores a usar a criatividade e a animação.

O Concurso de Folião Original, que acontece entre o domingo e a terça-feira de carnaval, é realizada há 40 anos e premia os foliões que se inscrevem gratuitamente no palco da Cinelândia, na Praça Floriano. As categorias são Fantasia individual infantil e adulto, Fantasia de Grupos e Fantasia de Clóvis, que se subdivide em bexiga e sombrinha. O Baile da Cinelândia, promovido pela Riotur desde 1990, é um dos mais tradicionais eventos do Carnaval de rua da cidade. São cinco dias de festa com a participação de mais de 60 mil pessoas, todos os anos.Os Blocos de Embalo e Blocos de Enredo do Grupo I desfilam na Avenida Chile, no centro do Rio, a partir do sábado de carnaval até a terça-feira, garantindo festa também para quem aprecia rivalidades tradicionais no embalo de grupos como Bafo da Onça, Cacique de Ramos e Bohêmios de Irajá, entre outros. Há ainda apresentações de grupos de frevo e blocos afro, totalizando mais de 40 cortejos ao longo dos 300 metros da avenida em quatro dias de festa que reúnem, historicamente, mais de 40 mil pessoas.

Desfiles na Estrada Intendente Magalhães — Os desfiles das ?Escolas de Samba dos Grupos de Acesso B, C, D e E e do Grupo II dos Blocos de Enredo acontecem na Estrada Intendente Magalhães, em Campinho, zona norte da cidade. Anualmente, 200 mil pessoas assistem aos desfiles, com um total de 25.050 desfilantes, e 10 blocos de enredo, com 10.000 desfilantes, que acontecem ao longo de cinco dias. As escolas são representados pela Liga Independente das Escolas de Samba da Série B(LIESB), e os blocos de enredo pela Federação de Blocos Carnavalescos do Estado do Rio de Janeiro(FBCERJ). Parte da verba captada junto à iniciativa privada para o Projeto Carnaval será aplicada em melhorias na área da Estrada Intendente Magalhães, garantindo melhor iluminação e sonorização do evento, gradeamento alto na área de concentração, ampliação da área destinada às baterias, reposicionamento das cabines de julgamento, aumento do números de carros de reboque e poda das árvores da região.

Blocos de Rua — Nos dias de Carnaval, de 9 a 18 de fevereiro, cerca de 400 cortejos vão tomar conta das ruas do Rio de Janeiro prometendo arrastar mais de 2 milhões de foliões. Uma grande estrutura foi montada para atender ao blocos que desfilam pela cidade. Foram disponibilizados 32.500 mil banheiros para contemplar toda a estrutura da cidade.

Operação dos Órgãos Públicos: . O Centro de Operações Rio (COR), integrado à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), vai monitorar a área do Sambódromo, as vias de acesso ao Centro e as regiões onde haverá desfiles de blocos de rua por meio de câmeras, informações de agentes em campo e outros sensores, como informes de usuários do Waze e GPSs dos ônibus. O COR integra as operações dos órgãos envolvidos e pode acionar pronta resposta das equipes da prefeitura para atuar em ocorrências e outras situações. As regiões dos eventos e adjacências são monitoradas em tempo real, com apoio das 815 câmeras da prefeitura e outros equipamentos de videomonitoramento de parceiros. Caso haja impactos significativos na mobilidade, o COR pode ainda integrar ações da CET-Rio, Guarda Municipal e modais de transporte, para a realização de ajustes operacionais nas vias ou nos temposdos sinais de trânsito.

Centro de Operações Rio — Os perfis das redes sociais do Centro de Operações Rio disponibilizarão todas as informações sobre esquemas especiais de trânsito e transporte para os festejos carnavalescos. Para se manterem atualizados sobre a operação da cidade, basta acessar: twitter.com/operacoesrio ou facebook.com/operacoesrio .

SEOP/CFER — Durante o Carnaval 2018, a Coordenadoria de Fiscalização de Estacionamentos e Reboques (CFER), integrada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), terá como objetivo remover veículos estacionados em locais irregulares dando fluidez ao tráfego e ao percurso dos foliões espalhadospela cidade e no entorno do Sambódromo. Do dia 9 a 13 de fevereiro, o efetivo da CFER será de 150 funcionários atuando pela cidade. Também haverá apoio na fiscalização ao redor dos principais blocos de rua.

Em regra estará proibido o estacionamento em locais já regulamentados e definidos pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio). A CFER vai contar com o apoio de 18 reboques e também vai apoiar as equipes da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), Coordenadoria de Transporte Complementar (CETC), Guarda Municipal do Rio (GM-Rio), Polícia Militar e Polícia Civil.

Metrô Rio — O MetrôRio terá esquema especial de funcionamento durante os cinco dias de carnaval. Os trens circularão sem interrupção a partir das 5h de sexta-feira (09/02) até as 23h59 da terça-feira (13/2). A partir das 5h de sábado (10/2), as composições da Linha 2 farão o trajeto direto entre Pavuna e Jardim Oceânico, sem necessidade de transferência entre as duas linhas.

Com os desfiles de inúmeros blocos de rua e mudanças no trânsito durante o Carnaval, o metrô é o meio de transporte mais rápido, confiável e seguro para cruzar a cidade. E, para o cliente ganhar ainda mais tempo, a Concessionária recomenda que os clientes comprem cartões de ida e volta com antecedência para evitar filas. Também serão aceitos os cartões pré-pago do MetrôRio, o cartão especial de Carnaval do MetrôRio e da 99, Bilhete Único, Vale Transporte e cartão Riocard.

. Bola Preta e blocos no Aterro do Flamengo — O acesso Passeio da estação Cinelândia ficará aberto das 6h às 20h, entre o sábado (10/2) e a terça-feira (13/2), para desembarque e embarque exclusivo de clientes com cartões pré-adquiridos (cartão unitário e pré-pago do MetrôRio, cartão especial de Carnaval do MetrôRio e da 99, cartões Riocard, Bilhete Único e Vale-Transporte). Os passageiros que não possuírem cartões deverão embarcar nas estações Carioca e Glória, que vão contar com bilheterias externas para agilizar o atendimento. Os demais acessos da estação Cinelândia permanecerão fechados durante toda a operação de Carnaval.

Na estação Glória, a bilheteria externa funcionará de domingo (11/2) até a terça-feira (13/2) próxima ao acesso Outeiro. Já em Carioca, a bilheteria externa funcionará de sábado (10/2) até a terça-feira (13/02) junto ao acesso Rio Branco. Os foliões que comparecerem a blocos próximos a essas duasestações deverão comprar o cartão nessas bilheterias, já que não haverá venda na parte interna das estações.

. Blocos em Copacabana e Ipanema — No sábado (10/2), o bloco da Favorita desfila na Praia de Copacabana. Os foliões que comparecerem ao bloco deverão, na ida, desembarcar na estação Cantagalo (o acesso A, Miguel Lemos, estará aberto apenas para desembarque). O acesso B (Xavier da Silveira) permanecerá aberto apenas para embarque. Na volta, o MetrôRio recomenda o embarque na estação Siqueira Campos. Os clientes que já tiverem cartões pré-adquiridos (cartão unitário e pré-pago do MetrôRio, cartão especial de Carnaval do MetrôRio e da 99, cartões Riocard, Bilhete Único e Vale-Transporte) deverão embarcar no acesso A (Siqueira Campos). Já os passageiros que desejarem comprar um cartão deverão embarcar no acesso B (Figueiredo de Magalhães).

De sábado (10/2) a terça-feira (13/2), a estação General Osório também contará com esquema diferenciado. Os acessos Complexo Rubem Braga e Sá Ferreira estarão abertos para desembarque e embarque, exclusivamente, de usuários com cartões pré-adquiridos (cartão unitário e pré-pago do MetrôRio, cartão especial de Carnaval do MetrôRio e da 99, cartões Riocard, Bilhete Único e Vale-Transporte). Os passageiros que não possuírem esses cartões poderão comprar nas bilheterias externas próximas ao acesso principal, na praça General Osório.

Na estação Nossa Senhora da Paz não haverá venda de cartões das 18h à meia-noite de sábado (10/02) a terça-feira (13/02). Os clientes que desejarem comprar cartões nas bilheterias deverão dirigir-se à estação General Osório. Ainda em Nossa Senhora da Paz, somente o acesso Joana Angélica ficará aberto durante a operação de Carnaval.

. Blocos no Leblon, São Conrado e Barra — Em Jardim de Alah, os foliões poderão embarcar apenas pelo acesso A (Borges de Medeiros). O acesso B (Almirante Pereira Guimarães) servirá apenas para desembarque. Na estação Antero de Quental, o desembarque será feito apenas pelo acesso A (Bartolomeu Mitre) e o embarque somente pelo acesso B (General Urquiza).

Na estação São Conrado, os acessos Rocinha e Aquarela do Brasil ficarão abertos para embarque e desembarque todos os dias do feriado. O acesso Estrada da Gávea não abrirá durante o Carnaval. Já em Jardim Oceânico, todos os acessos permanecerão abertos para embarque e desembarque durante o Carnaval. Para realizar a integração com o BRT nessa estação, o usuário deverá seguir pelo acesso C e já ter em mãos o Riocard carregado. No sábado (10/2), os foliões que comparecerem ao bloco Carrossel de Emoções, na Avenida Lúcio Costa, às 8h, deverão desembarcar e embarcar nessa estação.

. Sapucaí e Terreirão do Samba — O MetrôRio é a melhor opção para os foliões que vão aproveitar os desfiles na Sapucaí e os shows no Terreirão do Samba. Quem vai assistir ao desfile nos setores do lado ímpar ou desfilar nasescolas que se concentram perto do edifício Balança Mas Não Cai deve optar pelo desembarque na estação Central. A estação Praça Onze é a mais próxima para os passageiros que adquiriram ingressos para os setores pares ou irão brincar nas escolas que se

. Funcionamento das estações — As estações Catete e Presidente Vargas fecharão à meia-noite de sexta-feira (9/2) para sábado (10/2) e só reabrirão às 5h da quarta-feira de cinzas (14/2).

A estação Maracanã terá bilheterias abertas e máquinas de autoatendimento funcionando 24 horas para atender ao público que comparecer ao evento Rio Carnaval dos Sonhos, no estádio do Maracanã, na sexta-feira (9/02), sábado (10/02) e na segunda-feira (12/02). Por questões de segurança, algumas estações terão suas bilheterias fechadas de 0h às 5h do sábado (10/2) a terça-feira (13/2). São elas: São Francisco Xavier, Afonso Pena, Uruguaiana, Flamengo e Siqueira Campos (Linha 1); São Cristóvão, Triagem, Maria da Graça, Inhaúma, Engenho da Rainha, Thomaz Coelho, Irajá, Colégio, Coelho Neto, Acari/Fazenda Botafogo e Engenheiro Rubens Paiva (Linha 2); e Nossa Senhora da Paz, Jardim de Alah, Antero de Quental, São Conrado e Jardim Oceânico (Linha 4).

Como alternativa, todas as estações terão máquinas de autoatendimento (que aceitam pagamento em dinheiro, cartão de débito ou cartão de crédito) para a compra dos cartões, com valor mínimo de recarga de R$ 5,00. A validade da carga dos cartões pré-pagos é de um ano. O cartão unitário também poderá ser usado (não há validade para os créditos).

. Cartão Especial de Carnaval — À venda em dez estações (Jardim Oceânico, Antero de Quental, Cardeal Arcoverde, Botafogo, Largo do Machado, Central, Saens Peña, Uruguai, Del Castilho e Pavuna), o cartão especial de Carnaval, uma parceria entre o MetrôRio e a 99 que dá direito a quatro viagens de metrô por dia, por cinco dias consecutivos, e cinco descontos de R$ 10 em viagens no aplicativo 99, categoria Pop. O cartão, que tem validade entre sexta-feira (9/02) e o domingo das Campeãs (18/02), custa R$ 50.

. Medidas de segurança — Durante toda a operação especial de Carnaval, algumas escadas rolantes permanecerão desligadas.

A medida tem como objetivo a prevenção de acidentes com fantasias e adereços, muito comuns nesta época do ano. Não será permitido o embarque com bicicletas e pranchas de surfe durante a operação especial de Carnaval.

. Metrô Na Superfície — De 9 a 14 de fevereiro, as linhas Botafogo-Gávea e Antero de Quental-Gávea funcionarão das 5h à meia-noite, mantendo as estações iniciais e finais. O itinerário das linhas de extensão e seus pontos intermediários poderão sofrer alterações de acordo com as condições de trânsito, sempre com a orientação da CET-Rio ou da Guarda Municipal.

. Aplicativo MetrôFácil — No aplicativo MetrôFácil e no site do MetrôRio [www.metrorio.com.br/carnaval], o usuário terá acesso a conteúdo especial para os dias de folia. Na ?nova aba, os usuários poderão consultar uma agenda de blocos com as estações mais próximas e também planejar suas viagens de acordo com os blocos do seu interesse. Além disso, os clientes podem acompanhar a localização e o tempo estimado para a chegada dos trens e consultar os mapas do entorno das estações.

Saúde — A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) preparou esquema especial de atendimento médico e de fiscalização sanitária para os dias de desfiles das Escolas de Samba da Série A, do Grupo especial, das Escolas Mirins, Apuração e Campeãs, no Sambódromo da Marquês de Sapucaí. Os postos médicos funcionarão com um total de 33 leitos, sendo oito de suporte avançado para os casos de maior gravidade. Os postos estarão localizados nos setores 1 (concentração), 2, 7, 8, 10 (Rua Salvador de Sá), 11 e Apoteose (dispersão).

Cerca de 200 ?profissionais de saúde, entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, além de apoio administrativo, estarão de plantão nos postos de atendimento. Os médicos serão de diversas especialidades (clínicos, cirurgiões gerais, ortopedistas, pediatras, neurocirurgiões, etc), que se alternarão nos plantões durante todos os dias de evento. Para os casos que precisarem de remoção, estarão disponíveis 15 ?ambulâncias UTIs, com equipes de saúde distintas das equipes dos postos. A Central Municipal de Regulação dará suporte aos casos de necessidade de transferência de pacientes. Os hospitais da rede municipal de saúde estarão de prontidão, preparados para receber os casos mais graves.

Os postos funcionarão das 16h até o término dos desfiles. Em 2017, foram realizados 2.378 atendimentos nos nove postos de saúde instalados no Sambódromo e Terreirão do Samba durante os seis dias de desfiles. As principais causas foram pequenos ferimentos, crise hipertensiva (pressão alta), mal estar e cefaléia (dor de cabeça), entorces e intoxicação alcoólica. Desse total, 101 pacientes foram transferidos para hospitais da rede municipal.

CCR Barcas — A CCR Barcas está preparada para atender a um possível aumento na demanda de passageiros no período que antecede o carnaval. A expectativa é de que cerca de ?160 mil pessoas utilizem as linhas do transporte aquaviário entre quinta (8/2) e sexta-feira (9/2). As equipes de manutenção daConcessionária estão reforçadas em postos avançados disponibilizados nas estações para dar mais agilidade ao atendimento. Além disso, caso haja necessidade, viagens extras serão realizadas e os intervalos praticados nos horários de maior movimento serão estendidos para depois do rush neste período.

. Operação da CCR Barcas nos quatro dias de Carnaval e na Quarta-feira de Cinzas: .Linha Arariboia — Do dia 10/2 ao dia 14/2 (sábado, domingo, segunda, terça e quarta-feira), a linha Praça Arariboia-Praça XV funcionará com viagens a cada 30 minutos, das 5h30 às 23h30. No sentido contrário, no trajeto que liga o centro do Rio ao centro de Niterói, os intervalos serão os mesmos, porém, a primeira viagem será realizada às 6h.

. Linha Paquetá 1 Na linha Paquetá, de 10/2 a 14/2, os horários praticados serão os seguintes: · ?Paquetá-Praça XV - 6h, 8h30, 10h, 11h30, 13h, 14h30, 16h, 17h30, 19h, 20h30, 22h e 23h30. · ?Praça XV-Paquetá - 4h30, 7h, 8h30, 10h, 11h30, 13h, 14h30, 16h, 17h30, 19h, 20h30, 22h e 0h.

. Linha Cocotá — A linha Cocotá (Ilha do Governador) não funcionará no período de 10/2 a 14/2.

. Linha Charitas — A linha Charitas não funcionará no período de 10/2 a 14/2. Ótima opção para os foliões Em 2017, a CCR Barcas transportou 374.892 passageiros no período completo de Carnaval (compreendido entre a quinta-feira, 23/2, e a Quarta-feira de Cinzas, 1/3). Para atender a demanda, foi necessário realizar 17 viagens extras. O serviço do transporte aquaviário é bastante procurado nessa época em que o niteroiense deixa o carro na garagem para aproveitar ao máximo a folia.

. Supervia — A SuperVia seguirá com o ?planejamento do Carnaval 2018 com partidas extras nas madrugadas dos dias 10, 11, 12 e 13/02, em que serão realizadas viagens da Central do Brasil para os ramais Santa Cruz, Japeri e Saracuruna, entre 0h e 5h25. Na operação das madrugadas, somente a estação Central do Brasil estará aberta para embarque. Todas as outras estações do sistema ferroviário funcionarão somente para desembarque de passageiros.

. Cordão do Bola Preta — Para a ida ao desfile do Cordão da Bola Preta, no sábado de Carnaval (10/02), além dos trens disponíveis na grade horária do dia, serão oferecidos 12 mil lugares adicionais em seis viagens extras, sendo três delas no ramal Santa Cruz e três no ramal Japeri. As partidas extras de SantaCruz para a Central do Brasil serão às 7h29, 8h29 e 9h14. Já as viagens adicionais de Japeri para a Central partirão às 7h17, 8h17 e 9h02. As viagens extras de volta para casa serão realizadas de acordo com a movimentação de passageiros, monitorada pelo Centro de Controle Operacional da concessionária.

. Funcionamento de segunda (12) a quarta (14) — Na segunda-feira (12/02) e terça-feira (13/02), os trens vão operar com grade horária de domingo e feriados. Na segunda-feira, haverá acréscimo de viagens ao longo do dia. Já na quarta-feira de Cinzas (14/02), a grade de referência será a de sábado, e também haverá partidas extras para esticar o horário término da operação comercial. A concessionária orienta que os passageiros consultem o site ?[ www.supervia.com.br], o aplicativo ou o SuperVia Fone, no número 0800 726 9494 (24 horas) para planejar suas viagens e tirar dúvidas sobre outros serviços.

. Gratuidade para integrantes de escolas de samba — Integrantes de oito escolas do Grupo Especial e Série A do Rio de Janeiro vão viajar de graça nos trens da SuperVia, tanto na ida quanto na volta do Sambódromo. Cerca de 20 mil bilhetes serão distribuídos entre as agremiações da Beija-Flor, Mocidade, Grande Rio, Portela, Acadêmicos de Santa Cruz, Inocentes de Belford Roxo, Unidos de Padre Miguel e Unidos de Bangu, nos dias de desfiles na Sapucaí. A iniciativa reforça os laços históricos do trem do Rio com o samba, dando continuidade à parceria com as escolas que margeiam a linha férrea e ajudam na preservação da nossa cultura. Partidas da Central do Brasil para as estações terminais*:

VLT — Cariocas e turistas que vierem aproveitar o Carnaval no Centro da cidade contarão com mais opções de deslocamento neste ano. Em 2018, pela primeira vez, o VLT Carioca contará as duas linhas em operação completa ao longo dos dias de folia. As linhas 1 e 2 terão reforço operacional para garantir o acesso aos principais eventos no entorno das regiões central e portuária. Serão oferecidas viagens extras, nos momentos de concentração e dispersão dos principais blocos. Ao todo, serão mais de 60 blocos no entorno do VLT ao longo do mês de fevereiro, acompanhados de um reforço operacional de aproximadamente 30 viagens extras nos dias de maior movimento. O funcionamento será normal, com a linha 1 circulando de Praia Formosa ao Santos Dumont de 6h à meia-noite e a linha 2 operando entre Praia Formosa e Praça XV de 6h às 20h e de Central à Praça XV até a meia-noite.

O VLT reforça a importância de não circular ou permanecer nos trilhos, bem como respeitar a sinalização e realizar travessia nos pontos indicados. Usuários também podem se programar e realizar a compra e recarga de cartões de passagem com antecedência, o que agiliza o momento da viagem. Vale lembrar que no VLT é preciso ter um cartão por pessoa e a passagem custa R$ 3,80. Interrupções parciais estão previstas apenas no momento da passagem dos grandes blocos na Rua Primeira de Março. Locais em que são esperados maior fluxo de pessoas, como Praça XV, Tiradentes e Harmonia, foram gradeados para orientar o melhor acesso dos passageiros.

Rioluz — No domingo (4), a Rioluz realizou teste de iluminação no Sambódromo. Foram avaliados os 451 projetores das 41 torres do trajeto, além dos 45 projetores de LED instalados, sendo 41 nas torres e 4 no recuo da bateria. A área do entorno do Sambódromo também passará por vistoria. Os pontos e equipamentos checados nas vias de acesso, concentração, dispersão e arquibancadas populares serão: 73 projetores instalados; 34 projetores dos 5 postes em frente ao setor 1 e as 6 subestações de energia. A Rioluz iniciou a instalação de projetores em duas tradicionais vias que recebem blocos de carnaval e escolas de samba: a Avenida Intendente Magalhães, em Campinho, e a Avenida Chile, no Centro. Na Intendente Magalhães, que é palco da disputa das escolas de samba dos grupos de acesso, foram instalados 88 projetores nas áreas de armação, bateria, concentração, pista de desfile e dispersão. Além da Intendente, a Avenida Chile, que recebe os desfiles dos Blocos de Enredo, recebeu 44 projetores e o apoio da Rioluz com duas chaves de instalação para o palco principal. Já a Avenida Presidente Antônio Carlos, passarela dos grandes blocos do Centro, e o Largo da Carioca, receberão vistoria de iluminação. Até a semana do carnaval, bairros como Madureira, Santa Teresa, Vista Alegre, Irajá, Ramos, Vila Isabel, Penha, Méier, Padre Miguel, Coelho Neto, Guaratiba, Santa Cruz, Campo Grande, Sepetiba, Jacarepaguá, Barra da Tijuca, Tijuca, Grajaú, Anchieta, entre outros, receberão manutenção da iluminação e contará com equipes da Rioluz de prontidão para qualquer eventualidade.

BRT — O BRT vai funcionar com reforço na frota de sábado de Carnaval à Quarta-Feira de Cinzas. . Desfiles da Intendente Magalhães: escolas das séries B (terça-feira, 13/02), C (segunda-feira, 12/02), D (domingo, 11/02) e E (sábado, 17/02) Estação Campinho.

. Linhas: 46 - Penha x Alvorada Expresso (até as 23h); 35 - Alvorada x Madureira Parador (até as 23h); e 38 - Fundão x Alvorada Parador (das 21h45 às 3h45).

. Dias 11, 12 e 13 de fevereiro na Estrada Intendente Magalhães, a popular Passarela do Povão.

Além do samba nos arredores do corredor Transcarioca, de BRT + metrô você chega a outros pontos animados da cidade. Desembarcando de BRT no terminal Jardim Oceânico, você pode pegar a Linha 4 para brincar nos blocos que saem na Zona Sul, na Tijuca e no Centro e também para assistir aos desfiles das escolas da Série A (sexta, 9 de fevereiro, e sábado, 10) e do Grupo Especial (domingo, 11, e segunda, 12), no Sambódromo.

CET-Rio — Um esquema especial de trânsito no Centro da cidade e em todos os seus acessos será implantado a partir de quinta (8/02). A operação de trânsito contará com a participação de 550 agentes de trânsito da Prefeitura por dia de operação, entre Guardas Municipais, CET-Rio e Porto Novo, que trabalharão para manter a fluidez, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos, orientar pedestres e efetuar os bloqueios nas ruas internas. Serão disponibilizados 17 reboques para desobstrução de vias, 65 motocicletas e 50 veículos operacionais. Também serão utilizados 35 painéis de mensagens variáveis entre fixos e móveis que informarão sobre os horários dos diversos fechamentos e sobre as condições do tráfego.

O Centro de Controle de Operações da Prefeitura estará monitorando toda a área do evento com 570 câmeras, sendo 60 na região do Centro, possibilitando que técnicos da CET-Rio implantem ajustes na programação dos semáforos com o objetivo de garantir a fluidez do trânsito. | twitter.com/operacoesrio | facebook.com/operacoesrio.

.Mais informações sobre a folia através de cliques nos banners (lado direito), deste Canal do Carnaval.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: