Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

14/10/2016 - 10:28

Danfoss se compromete a dobrar sua produtividade energética e junta-se ao EP100

Ao juntar-se à iniciativa EP100 lançada pelo Grupo do Clima, a Danfoss se compromete a duplicar a sua produtividade energética antes do ano de 2030. Esta ação destaca o compromisso da empresa para mitigar a mudança climática por meio da produtividade energética fornecendo soluções sustentáveis para as cidades e empresas.

“Fazer negócios como de costume não é mais suficiente. A fim de atender ao 7º Objetivo de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas e ‘assegurar o acesso à energia, confiável, sustentável, acessível e moderna para todos’, precisamos fazer muito mais com menos. O ponto de partida natural é a produtividade energética: a criação de uma saída mais econômica de cada unidade de energia”, diz Niels B. Christiansen, presidente & CEO da Danfoss.

Globalmente, a produtividade energética aumentou em média 1,3% por ano em todo o mundo entre 2001 e 2011. No entanto, esta melhoria não é suficiente para atender à crescente demanda por energia, o que nos leva a continuar a consumir os recursos do planeta a um ritmo vertiginoso. Quase 98% de toda a energia utilizada no processo de produção são desperdiçadas em vez de serem convertidas em serviços e produtos úteis. Dobrar a produtividade energética reduziria a fatura mundial de combustíveis fósseis em mais de US$ 2 trilhões e poderia criar mais de seis milhões de empregos em todo o mundo até 2020. Dobrar a produtividade energética apenas nos EUA até 2030 vai gerar uma economia de US$ 327 bilhões por ano em custos de energia, criando 1,3 milhão de empregos e reduzindo as emissões de CO2 em 33% até 2030.

Lider fazendo — Desde 2007, a Danfoss melhorou a sua produtividade energética em 60% por meio de projetos de economia de energia nas 21 maiores fábricas, que são responsáveis por 70% do consumo total de energia da empresa. Mais de 160 projetos técnicos foram identificados, nos quais a empresa usa os próprios produtos para aumentar a produtividade e a eficiência energética, todos com um payback máximo de três anos.

Por exemplo, conversores de frequência da Danfoss estão sendo instalados para ajustar o número de rotações em ventiladores e bombas; os trocadores de calor da Danfoss estão sendo ajustados para recuperar o calor a partir de sistemas de ar comprimido; e uma vasta gama de válvulas de ajuste, sensores de temperatura e transmissores de pressão também estão sendo utilizados para diminuir o consumo de energia.

“Aumentar a produtividade da energia traz benefícios econômicos tangíveis para as empresas. Este compromisso da Danfoss mostra que eles reconhecem tanto a oportunidade de negócio de ser uma empresa produtiva de energia quanto as recompensas econômicas que surgem a partir disso. Precisamos de mais empresas que sigam este exemplo e dobrem sua produtividade energética, o que não só irá reduzir seu uso de energia e os custos, mas também irá diminuir sua pegada de carbono - um fator vital na busca um futuro próspero de energia limpa”, diz Damian Ryan, Acting CEO do Grupo do Clima.

A Danfoss é apenas uma empresa, no entanto, para mitigar as mudanças climáticas, está trabalhando todos os dias para criar soluções que permitam que os outros aumentem a sua produtividade energética também.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: