Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/09/2016 - 08:10

Embratur lança o projeto e logomarca de 50 Anos no Rio de Janeiro


Data comemorativa é encarada como momento para fortalecer o Instituto e abrir caminhos para o turismo brasileiro após a Rio 2016.

A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), lançou no dia 15 de setembro(quinta-feira), na Casa Brasil, Praça Mauá, Rio de Janeiro (RJ), o projeto e logomarca de 50 Anos da entidade, que serão comemorados no mês de novembro. A proposta é realizar ações integradas ao longo do próximo ano que fortaleçam o papel da instituição e elevem o patamar de competitividade do turismo brasileiro. O evento, que contou com a presença do ministro interino no Turismo, Alberto Alves, dos secretários de Turismo municipal e estadual, Antonio Pedro e Nilo Sergio e do presidente da FBHA, Alexandre Sampaio.

O presidente Vinicius Lummertz destacou que há cinco décadas, a Embratur conecta o mundo ao Brasil e aos brasileiros, trazendo desenvolvimento para todas as regiões do País: “O Instituto se tornou protagonista na construção da imagem do Brasil e contribuiu para alavancar a cadeia turística nacional. Agora apresentamos uma Embratur renovada e cada vez mais relevante, pautada no modelo das organizações internacionais responsáveis por elevar seus países a líderes no mercado de turismo”.

Ao lado de líderes empresariais e das principais autoridades do turismo nacional, Lummertz destacou o que considera serem os grandes desafios da Embratur atualmente, diante do cenário de alta competitividade internacional: mudança de modelo institucional da Embratur, posicionamento definitivo do turismo como alavanca econômica do País e atração de investimentos estrangeiros para o setor turístico.

“Os 50 Anos da Embratur acontecem no momento em que o Brasil atinge o seu ápice de exposição internacional, após o ciclo de grandes eventos encerrada com a Olimpíada e Paralimpíada, tendo sido extremamente bem-sucedido. Conseguimos lançar uma nova linguagem e consolidar a imagem do Brasil, dentro de um Rio de Janeiro renovado e preparado para as demandas turísticas como porta de entrada do País. Projetamos uma nova realidade brilhante para o turismo”, sinalizou Lummertz.

O ministro Alberto Alves destacou o sucesso da Rio 2016 e como o megaevento funciona como alavanca para o desenvolvimento do turismo brasileiro: “Cinco bilhões de pessoas viram o potencial do Brasil ao redor do mundo. O êxito nos Jogos dá força para criarmos condições para que a inserção brasileira no mercado internacional seja forte e efetiva”.

Os secretários estadual e municipal do Rio de Janeiro definiram o cinquentenário como um momento emblemático para o turismo brasileiro. “A marca Embratur é muito forte e o Instituto se consolidou pelo trabalho de todos que estão aqui e criaram oportunidades para o nosso desenvolvimento”, reconheceu Nilo Sérgio, também ex-funcionário da Embratur. Antonio Pedro ressaltou que é necessário aproveitar a nova fase do País para dar agilidade à promoção e ao incremento do turismo. “A Embratur precisa de mais recursos e agilidade. É fundamental que o turismo seja visto como matéria de fomento e reconhecido por sua contribuição para o crescimento do Brasil”.

Por sua vez, o presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), agradeceu a parceria da Embratur e do Ministério com o empresariado e reconheceu a importância do setor acompanhar o Instituto nessa nova fase. “Vamos acompanhar essa nova perspectiva de trabalho da Embratur e estamos juntos para alcançar os objetivos que o Brasil quer e precisa no turismo”, completou Sampaio.

Ex-funcionários da Embratur acompanharam e foram homenageados no evento, por meio do representante Gerson Antônio Fonseca, um dos autores do decreto de criação da então Empresa Brasileira de Turismo. Estiveram presentes na solenidade: Pedro Grossi Junior, ex-presidente do Instituto, além de representantes das entidades: ABEOC Brasil, CNC, APO, Emprotur, ABRARJ, ABAV-RJ, OAB-RJ, FCVB-RS, Confederação Brasileira de Conventions e BITO. Os diretores Gilson Lira (Inteligência Competitiva e Promoção Turística) e Sérgio Flores (Marketing) também prestigiaram o lançamento.

De acordo com planejamento da Embratur, o plano de trabalho do projeto, que será executado de novembro deste ano até o mesmo mês de 2017, incluirá, entre outras iniciativas, sessão solene no Congresso Nacional, Seminário Embratur 50 anos, medalhas alusivas ao cinquentenário, selo dos Correios, livro comemorativo, além de ações de endomarketing e estratégias digitais.

Linha do tempo — Dentre os principais marcos dos 50 anos da Embratur, foram mencionados, durante o evento, a criação da entidade (1966), a mudança da sede do Rio de Janeiro para Brasília (1990), a criação do Programa Nacional de Municipalização do Turismo (1995) e do Ministério do Turismo (2003), além do momento, no mesmo ano, em que o Instituto passou a responder pela promoção, marketing e comercialização dos produtos turísticos brasileiros no exterior. Também receberam destaque a criação da Marca Brasil e o lançamento do Plano Aquarela, ambos em 2005.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira