Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

24/08/2016 - 09:22

Rio de Janeiro e Belém são as melhores capitais para projetos de energia solar

Índice Comerc Solar traz ranking de retorno financeiro para consumidores em todo o país.

São Paulo — Rio de Janeiro e Belém são as capitais brasileiras onde a energia solar apresenta o melhor retorno econômico, levando-se em conta fatores estratégicos, como a irradiação solar, o ICMS cobrado na cidade e a tarifa de energia cobrada pela distribuidora local.

Os dados são da Comerc Energia, maior gestora de energia do país, que acaba de lançar o seu Índice Comerc Solar, um ranking para que consumidores de energia possam avaliar a oportunidade de investir em projetos de energia solar fotovoltaica.

Hoje, as cinco capitais nas quais os projetos de baixa tensão têm o melhor retorno no Brasil são Belém (PA), Fortaleza (CE), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE) e Goiânia. Os consumidores conectados à baixa tensão são aqueles de pequenos negócios, condomínios, hospitais, shopping centers e residências.

No caso das grandes unidades consumidoras atendidas em alta tensão, as cinco capitais mais atraentes para os projetos de energia solar são Rio de Janeiro (RJ), Cuiabá (MT), Brasília (DF), Goiânia (GO), e Campo Grande (MS). “A energia solar fotovoltaica vive um boom no Brasil e no mundo. Criamos este índice para contribuir para a tomada de decisão de quem quer apostar nessa fonte de energia totalmente limpa, renovável e que terá um apelo cada vez maior no país, principalmente com o desenvolvimento da indústria local de equipamentos solares”, afirma Marcel Haratz, diretor da Comerc Solar, unidade especializada do grupo Comerc Energia.

A geração de energia solar no Brasil cresceu quase quatro vezes de 2014 para 2015, de acordo com o Balanço Energético Nacional, da Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Até o fim do ano passado, a geração desta fonte totalizava 59 GWh. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), há hoje no país 110 projetos de usinas fotovoltaicas em construção, que somarão, até 2019, 2.977,17 MW. Dados de geração distribuída da ANEEL (agosto/2016) indicam um total de 3.981 conexões de energia fotovoltaicas no País.

Confira abaixo o resultado do primeiro Índice Solar Comerc para projetos de baixa e alta tensão:

Perfil —A Comerc Energia é a maior gestora de energia do país, com mais de 1.300 unidades de consumo em carteira, pertencentes a mais de 600 empresas. Fundada em 2001, é responsável pela gestão de 15% de toda energia consumida no mercado livre brasileiro e também administra 4.000 MW de potência de mais de 70 geradores, produtores independentes e autoprodutores. Com sete escritórios, a empresa atua em todas as regiões do país.

Além da gestão, a Comerc tem mais quatro unidades de negócios, que podem trabalhar de forma independente ou integrada, de acordo com a necessidade de cada cliente. A Comerc Trading é a maior comercializadora independente do país, com cerca de 750 MW médios movimentados no primeiro semestre de 2016, o equivalente a 3,3 milhões de MWh. A Comerc Gás faz gestão do consumo de gás natural, oferecendo auxílio na contratação deste insumo, com possibilidades de redução de custo para empresas. Paralelamente, a Comerc Solar estrutura projetos de geração solar distribuída e a Comerc ESCO desenvolve e implanta soluções de eficiência energética, com foco na redução do consumo de energia elétrica.

A companhia faz parte da aliança internacional The Energy Experts Alliance, que oferece soluções globais em gerenciamento e estruturação de estratégias de contratação de energia elétrica para consumidores multinacionais. Em 2015 e 2016, a Comerc Energia foi eleita a melhor empresa do setor de energia pelo ranking Melhores & Maiores da revista Exame.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: