Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/04/2016 - 07:15

ABEEólica participará de Fórum Nacional Eólico

Evento será realizado pelo CERNE (Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia), em Natal (RN), nos dias 18 e 19 de abril (segunda e terça-feira), junto com o Solarinvest 2016.

A ABEEólica participará nos dias 18 e 19 de abril, em Natal (RN), do evento Fórum Nacional Eólico —Carta dos Ventos. Em um modelo amplamente inclusivo a todos os participantes da cadeia de produtos e serviços, o Fórum Nacional Eólico e o Solarinvest reunirão executivos dos setores eólico e solar, investidores, representantes dos governos Federal e dos estados para discutir a regulação do setor de energia renovável e garantir competitividade para os projetos.

A ABEEólica, que congrega mais de 100 empresas de toda a cadeia produtiva do Setor Eólico e tem como principal objetivo trabalhar em prol da inserção, consolidação e sustentabilidade dessa indústria no Brasil, acompanhando os sinais de investimentos na Política Energética e na Política Industrial Nacional, será responsável por compartilhar a experiência virtuosa vivida pelo Brasil. “A participação da ABEEólica neste evento é uma oportunidade ímpar para a indústria eólica apresentar ao mundo o intenso trabalho que vem sendo desenvolvido em nosso país, bem como seus resultados”, destaca Elbia Gannoum, presidente executiva da ABEEólica.

No início do ano de 2016, o Brasil alcançou a marca de 9 GW de capacidade instalada na Matriz Elétrica Nacional, o que, em termos de geração efetiva, corresponde à usina hidrelétrica de Belo Monte. Ao final de 2015, em termos mundiais, o país foi classificado na 10ª posição dentre as maiores capacidades instaladas acumuladas e na 4ª posição considerando as novas potências eólicas instaladas.

Em 2015, a energia eólica foi a fonte que mais cresceu na matriz elétrica brasileira, responsável pela participação de 39,3% na expansão, seguida pela energia hidrelétrica (35,1%) e energia termelétrica (25,6%). Com este crescimento a energia eólica finalizou 2015 com 6,2% de participação na matriz, com uma capacidade instalada de 8,72 GW, números que indicam o aumento de 46,1% em relação à capacidade instalada em 2014, o maior crescimento, em termos percentuais, considerando os 10 países que mais instalaram nova capacidade eólica, seguido de Polônia (33%) e China (27%).

Os 2,75 GW de energia eólica instalados no ano passado representam um novo recorde de instalação no Brasil, porque superam a marca dos 2,5 GW instalados em 2014. Foram mais de R$16 bilhões investidos, 41 mil empregos gerados, mais 5 milhões de residências recebendo energia elétrica proveniente da fonte eólica e a emissão de 5 milhões de toneladas de CO2 foram evitadas. “Para além destes benefícios, temos muito orgulho dos trabalhos e projetos socioambientais desenvolvidos pelos investidores na Indústria Eólica, que contribuem diretamente com a comunidade local onde a usina está instalada”, complementa Elbia.

De acordo com o relatório “Climatescope 2015”, produzido pela BNEF, o Brasil é o segundo país mais atrativo do mundo para receber investimentos em energias renováveis no ranking liderado pela China.

Deste modo, é possível afirmar que, a despeito da crise econômica que o País atravessa, a Indústria Eólica segue crescendo exponencialmente e se destacando como atividade industrial e tecnológica, socialmente responsável e elevando o Brasil a um patamar de grande destaque no cenário internacional. Há que se mencionar a fabricação em território nacional da maior parte das máquinas e equipamentos utilizados no mercado eólico e o cumprimento pelos fabricantes do prazo para a nacionalização de sua produção, conforme regras de financiamento do Programa FINAME do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES.

A programação do Fórum Nacional Eólico e do Solarinvest contará com sessões abertas ao público e sessões executivas. O evento também terá um workshop de energia para jornalistas e uma rodada de negócios, organizada pelo Sebrae.[www.cartadosventos.com].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: