Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

16/04/2016 - 06:57

Marina da Glória inaugura a galeria de cintura


Projeto amplia tratamento de esgoto da Baía de Guanabara, cujo investimento foi de R$ 14 milhões.

O Governo do Estado, por meio da Cedae, inaugurou no dia 15 de abril(sexta-feira) a galeria de cintura da Marina da Glória, raia de competição esportiva e palco das provas de velas do Rio 2016. O projeto consiste na implantação de uma linha coletora de proteção ao longo de toda a Marina, além de um sistema de bombeamento, que impede que o esgoto seja despejado na Baía de Guanabara. O investimento foi de R$ 14 milhões.

Com a conclusão dessa obra, o esgoto clandestino — que eventualmente era lançado nas galerias de águas pluviais –— será encaminhado pela elevatória Marina da Glória para o interceptor oceânico e, em seguida, para o Emissário Submarino de Ipanema. A elevatória tem capacidade para bombear até 450 litros de efluentes por segundo.

—Essa obra é resultado de um esforço coletivo. As equipes tiveram que atravessar a área de aterro do antigo Morro do Castelo. A cada dia, conseguimos vencer as etapas dos compromissos olímpicos, assim como melhorar as condições sanitárias e de abastecimento de água no Rio de Janeiro— afirmou o presidente da Cedae, Jorge Briard.

A obra vai ao encontro dos compromissos firmados pelo Governo do Estado com o Comitê Olímpico Internacional (COI) e com o Comitê Organizador Rio 2016 para a realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos.

— A nossa preocupação é e sempre será a saúde dos atletas. Esta é uma demonstração ao mundo que o Governo do Estado trabalhou e vai continuar trabalhando para melhorar as condições para os Jogos Olímpicos. Esse é o caminho — avaliou Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador Rio 2016.

A zona onde serão realizadas as competições de vela dos Jogos vai do Pão de Açúcar até a Ponte Rio-Niterói, na Baía de Guanabara. Neste trecho, de acordo com o monitoramento da água realizado todo mês pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), a água está própria para o banho.

— A galeria de cintura contribui de maneira definitiva para melhorar a qualidade das águas na Baía de Guanabara. Já realizamos dois eventos-teste com condições adequadas em todas as raias. Estamos a quatro meses de realizar um sonho do país. Os Jogos proporcionam um legado permanente e não passageiro. O Brasil vai mostrar que sabe organizar com qualidade um evento da complexidade da Olimpíada — destacou o secretário de Estado da Casa Civil, Leonardo Espíndola.

A galeria de cintura da Marina da Glória segue o modelo de tubulação assentada implementado na Lagoa Rodrigo de Freitas, com duas redes coletoras em uma extensão total de 630 metros e diâmetros de 300 e 600 milímetros. Os coletores que compõem o sistema de captação em tempo seco foram implantados pelo método não destrutivo, ou seja, sem a necessidade de abertura de valas e sem interdições no trânsito. O sistema está interligado ao monitoramento do Centro de Controle Operacional de Esgoto do Leblon (CCOE).

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: