Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

01/04/2016 - 07:05

Rio CVB divulga estudo sobre o impacto das Olimpíadas no Rio de Janeiro

Análise da ForwardKeys teve como base os voos internacionais.

Em uma ação inédita, o Rio Convention & Visitors Bureau (Rio CVB), em parceria com a ForwardKeys, divulgou uma análise que apresenta o impacto das vendas de bilhetes aéreos realizadas, até o momento, para o Rio de Janeiro antes, durante e após as Olimpíadas.

"Neste momento difícil, onde identificamos uma enorme expansão da oferta hoteleira, somada às crises política e econômica do país, nossa indústria precisa estar atenta e com informações consistentes de forma a tomar decisões estratégicas que visem minimizar os impactos negativos", explica o presidente-executivo do Rio CVB, Alfredo Lopes.

O estudo, realizado pela ForwardKeys, empresa que monitora padrões de viagem através da análise de 14 milhões de transações de reservas diárias, mostra que as reservas feitas para a capital fluminense já representam um incremento considerável para o período dos Jogos Olímpicos, chegando a 289% sobre o mesmo período do ano passado. O maior pico de chegadas acontece em 04 de agosto, véspera da cerimônia de abertura.

Os pernoites devem ficar acima de 208% para o período dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. A apuração mostra, também, que 63% dos visitantes internacionais, que chegam antes das Olimpíadas, ficarão, em média, 14 dias na cidade, enquanto os que chegam entre os dias 21 e 31 de agosto ficarão menos de 14 dias.

As reservas internacionais para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos se apresentam três vezes superior ao índice registrado em 2015. Ao mesmo tempo, a capacidade dos voos, de acordo com a base de pesquisa Innovata, também aumentou, atingindo um incremento de 17% em relação ao ano passado.

"As reservas de voos para o Rio de Janeiro durante as Olímpiadas estão em pleno crescimento. Isso demonstra claramente que os viajantes estão planejando suas viagens com bastante antecedência”, explica Olivier Jager, co-fundador e CEO da ForwardKeys.

China, Japão e Estados Unidos possuem o crescimento mais significativo dentre os mercados emissores de turistas para ambos jogos. Para o CEO da ForwardKeys, Olivier Jager, o mercado norte-americano se destaca, possivelmente, pela flexibilização de vistos de entrada para os turistas desta região.

Com este detalhado levantamento, a proposta do Rio CVB é analisar as condições futuras para que a entidade, assim como seus mantenedores, possa planejar e definir ações antecipadas que impactem positivamente o segmento de negócios e eventos.

A ForwardKeys tem como missão compreender os padrões do viajante processando e analisando 14 milhões de transações de reserva por dia. A empresa é utilizada pelo segmento de viagem, varejistas, hotéis, organizações marketing de destino (DMOs), instituições financeiras, empresas de aluguer de automóveis, operadores turísticos, agentes de viagens on-line (OTAs) e outras empresas focadas no mercado.

A ForwardKeys monitora e antecipa as chegadas dos viajantes à frente das tendências de um mercado de origem específica, em um momento específico. A análise oferecida permite antecipar o impacto de eventos, gerir melhor os funcionários, necessidades de abastecimento, aprimorar ajustar e medir a eficácia de seus esforços de marketing e prever tendências futuras do mercado. Os dados da ForwardKeys são atualizados diariamente entre todos os principais sistemas de reservas globais do mundo.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira