Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

26/02/2015 - 07:44

Indústria: como minimizar os impactos da crise hídrica elétrica

O constante agravamento da crise hídrica no Brasil, principalmente na Região Sudeste, tem afetado diretamente a indústria. A insegurança quanto ao suprimento de água e energia elétrica impacta as empresas de forma negativa e, por isso, tem se tornado assunto recorrente da agenda de decisões da alta administração das companhias.

De acordo com o sócio da KPMG, Leandro Augusto, diante desse cenário é imprescindível que as empresas possuam estrutura e processos de gestão rigorosos e eficazes para proteger seus negócios e mantê-los operantes em caso de uma crise generalizada de água e energia. Além disso, se faz necessário manter a gestão da continuidade dos negócios (GCN) e estabelecer controles e processos alternativos.

“É de suma importância que as empresas tenham uma estimativa do grau de dependência desses recursos em escassez e realizem um balanço e possuam soluções para medir a tolerância mediante cenários alternativos de fornecimento, pois essas ações vão ajudar a identificar ameaças que possam interferir na continuidade dos negócios. Assim como também é necessário definir, documentar e testar os planos de continuidade dos negócios, para identificar as melhorias em tempo hábil e para minimizar o impacto sobre as operações, clientes e funcionários em caso de materialização dos riscos”, explica Leandro Augusto. | Site: kpmg.com/BR.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: