Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

06/11/2014 - 08:56

BMW Group registra faturamento de € 19,60 bilhões no 3T14

Aumento de 4,5% ante o mesmo período de 2013, considerado um terceiro trimestre bastante consistente. O lucro antes do resultado financeiro aumenta para € 2,26 bilhões. Margem do EBIT no segmento de automóveis aumentou em 9,4%. Receitas nos nove meses atingem € 57,70 bilhões. EBIT nos nove meses aumentou para € 6,95 bilhões. Margem EBIT de nove meses em 10.2% para o segmento de automóveis BMW Group reafirma suas previsões para o volume de vendas e resultados no ano.

Munique - O BMW Group continuou com o bom desempenho tanto no terceiro trimestre quanto nos primeiros nove meses de 2014, registrando um crescimento no volume de vendas, receitas e ganhos da companhia, e reforçando a sua posição de liderança mundial no segmento automotivo premium.

O faturamento do grupo aumentou no terceiro trimestre em 4,5% devido ao maior volume de vendas atingindo € 19,60 bilhões (2013: € 18,75 bilhões). O lucro antes do resultado financeiro (EBIT) aumentou em 17,1%, atingindo € 2,25 bilhões (2013: € 1,92 bilhão), graças à força do portfólio de produtos da empresa. O lucro antes dos impostos (EBT) aumentou em 1,2% atingindo € 2,01 bilhões (2013: € 1,98 bilhão). O lucro líquido foi ligeiramente inferior ao do ano anterior em € 1,31 bilhão (2013: € 1,33 bilhão / -1,2%), devido à maior despesa com imposto de renda. A margem operacional (EBIT) para o grupo foi de 11,5% (2013: 10,3%).

O número total de veículos entregues a clientes das marcas BMW, MINI e Rolls-Royce no mundo todo aumentou em 5,8% durante o período de julho a setembro, se comparado ao ano anterior, atingindo um novo recorde de 509.669 unidades (2013: 481.657 unidades).

As receitas dos nove meses cresceram em 3,4% atingindo € 57,74 bilhões (2013: € 55,84 milhões). O EBIT aumentou em 15,2%, para € 6,94 bilhões (2013: € 6,03 bilhões) e o lucro antes de impostos em 13,5% para € 6,83 bilhões (2013: € 6,02 bilhões). Esses resultados marcaram novos recordes da empresa registrados para o período dos nove meses iniciais do ano. O lucro líquido do grupo aumentou em 12,7% para € 4,54 bilhões (2013: € 4,03 bilhões). O número de veículos vendidos nos primeiros nove meses aumentou em 6,5% para um novo recorde de 1.529.880 unidades (2013: 1.436.178 unidades). A margem operacional (EBIT) para o período de janeiro a setembro ficou em 12,0% (2013: 10,8%).

"Continuamos a ter um bom desempenho, tanto no terceiro trimestre como ao longo do período destes nove meses dentro de um ambiente cada vez mais desafiador", comentou Norbert Reithofer, presidente do Conselho Administrativo da BMW AG.

Segmento de automóveis: no terceiro trimestre o EBIT aumentou em aproximadamente € 1,70 bilhão -O BMW Group vendeu mais veículos do que nunca em sua história no período reportado. As receitas do segmento de automóveis aumentaram no período de julho a setembro em 5,5% para € 18,14 bilhões (2013: € 17,19 bilhões). O EBIT aumentou em 9,7% para € 1.69 bilhão (2013: € 1,54 bilhão), e resultou numa margem EBIT de 9,4% (2013: 9,0%). O lucro antes de impostos do segmento aumentou para € 1,43 bilhão (2013: € 1,63 bilhão).

As receitas do segmento para o período de nove meses cresceram em 3,7% para € 53,20 bilhões (2013: € 51.30 bilhões). O EBIT aumentou em 11,4%, para € 5,43 bilhões (2013: € 4,88 bilhões), enquanto o lucro antes de impostos do segmento aumentou em 11,0%, para € 5,32 bilhões (2013: € 4,79 bilhões), resultando numa margem EBIT de 10,2% (2013: 9,5%).

A marca BMW manteve a sua posição de liderança no segmento premium durante todo o período abrangido pelo relatório, alcançando um novo recorde no volume de vendas. As vendas aumentaram em 6,9%, para 433.145 unidades (2013: 405.350 unidades) no terceiro trimestre e em 9,1% para 1.319.492 (2013: 1.209.598 unidades) no período de nove meses . As boas contribuições para esse desempenho foram feitas pelos BMW Série 3, 4, 5 e o X5, todos líderes de mercado mundial em seus respectivos segmentos.

As vendas do BMW Série 3 , no período de janeiro a setembro foram ligeiramente mais baixas do que no ano anterior para 353.078 unidades (2013: 365.772 unidades / -3,5%). Deve-se observar que as versões Coupé e Conversível agora são consideradas no balanço do modelo BMW Série 4. O BMW Série 4 se provou muito popular desde o seu lançamento no outono Europeu de 2013, com um total de 81.876 unidades entregues aos clientes no período de janeiro a setembro. O BMW Série 5 também continua sendo bastante comercializado, com as vendas dos nove meses registrando aumento de 2,8% para 278.479 unidades (2013: 270.902 unidades).

Os vários modelos da família BMW X também continuam desfrutando de um alto grau de popularidade. As vendas do BMW X1 subiram nos primeiros nove meses do ano em 0,2%, para 116.722 unidades (2013: 116.451 unidades), enquanto as do BMW X3 aumentaram em 1,8% para um total de 116.015 unidades (2013: 113.945 unidades). Desde o seu lançamento no verão Europeu, o volume de vendas do BMW X4 já atingiu 7.199 unidades. As vendas do BMW X5 saltaram em 34,2% para 104.997 unidades (2013: 78.244 unidades).

As vendas do BMW i3 ultrapassaram a marca de 10.000 unidades em setembro. No total, foram vendidas 10.199 unidades desse veículo elétrico inovador durante o período de nove meses nesse ano. Seguindo o lançamento nos EUA e no Japão, no segundo trimestre, o BMW i3 também foi disponibilizado para comercialização na China em outubro. Até o final de setembro haviam sido entregues aos clientes 341 unidades do BMW i8, lançado em junho.

O número de veículos da marca MINI vendidos no terceiro trimestre subiu 0,2% para 75.633 unidades (2013: 75.482 unidades). As vendas do principal modelo da marca, o MINI Hatch, aumentaram em 12,4% para 36.452 unidades (2013: 32.436 unidades). Em linha com as expectativas, as vendas da marca MINI, nos primeiros nove meses do ano foram menores atingindo 207.529 unidades (2013: 224.280 unidades / -7,5%), devido à mudança do principal modelo da marca. Durante o ano inteiro, no entanto, as vendas de MINI provavelmente ficarão estáveis no alto nível reportado no ano anterior. Um dos modelos esperados e que deve impulsionar as vendas é o novo MINI Hatch 5 portas, que fez sua primeira aparição nos showrooms Europeus no final de outubro.

No segmento de ultra-luxo, a Rolls-Royce Motor Cars aumentou as vendas mundiais em 8,0% atingindo um total de 891 unidades (2013: 825 unidades) no terceiro trimestre, e em 24,3% para 2.859 unidades (2013: 2.300 unidades) no período de nove meses do ano.

Em linha com sua estratégia de alcançar uma distribuição equilibrada de vendas em todo o mundo, o BMW Group registrou crescimento no volume de vendas em todas as principais regiões no período de janeiro a setembro.

Na Europa, o número de veículos vendidos aumentou em 3,4% atingindo um total de 663.407 unidades (2013: 641.537 unidades). O volume de vendas na Alemanha cresceu em 3,2%, para 198.083 unidades (2013: 191.889 unidades) e na Grã-Bretanha em 2,5% para 150.626 unidades (2013: 146.913 unidades).

Desde o início do ano, o BMW Group vendeu um total de 482.718 unidades (2013: 422.777 unidades) na Ásia, superando os valores dos nove meses do ano anterior em 14,2%. As vendas em território chinês aumentaram 17,8% nesse período, totalizando 336.499 unidades (2013: 285.630 unidades).

O BMW Group também aumentou o volume de vendas na região das Américas durante os primeiros nove meses do ano, com um resultado de veículos vendidos 3,7% superior, totalizando 337.852 unidades (2013: 325.677 unidades). O volume de vendas nos EUA cresceu em 5,2% e atingiu 276.491 unidades (2013: 262.745 unidades) para o período de nove meses.

Aumento consistente nas receitas do segmento de motocicletas (BMW Motorrad) -As receitas do segmento de motocicletas no terceiro trimestre cresceram em 14,2% para € 370 milhões (2013: € 324 milhões). O EBIT aumentou drasticamente para € 27 milhões (2013: EBIT negativo de € 4 milhões), enquanto o lucro antes dos impostos saltou para € 26 milhões (2013: perda antes de impostos de € 5 milhões). O volume de vendas no terceiro trimestre aumentou em 3,6% atingindo 29.239 unidades (2013: 28.213 unidades).

As receitas do segmento em nove meses aumentaram em 10,9% para € 1,37 bilhão (2013: € 1,63 bilhão). O EBIT saltou em 57,0% para € 146 milhões (2013: € 93 milhões) e o lucro antes de impostos em 58,9% para € 143 milhões (2013: € 90 milhões). O volume de vendas aumentou em 7,6%, para 100.217 unidades (2013: 93.154 unidades), sendo a primeira vez que a BMW Motorrad supera a marca de 100.000 mil unidades nos primeiros nove meses de um ano.

BMW Serviços Financeiros permanece em trajetória de crescimento -O BMW Serviços Financeiros também continuou com um bom desempenho ao longo do terceiro trimestre de 2014. As receitas do segmento foram 4,5% maiores atingindo € 5,22 bilhões (2013: € 4,99 bilhões). O lucro antes do imposto aumentou em 14,3% para € 455 milhões (2013: € 398 milhões).

As receitas desses nove meses cresceram em 2,6% atingindo € 15,26 bilhões (2013: € 14,88 bilhões). O resultado antes de impostos foi 4,5% maior atingindo € 1,37 bilhão (2013: € 1,31 bilhão).

Foram assinados 1.111.700 novos contratos (2013: 1.104.527 contratos) no período de janeiro a setembro, em conjunto com os negócios de financiamento e leasing. O portifólio de contratos de financiamento e leasing em vigor com as concessionárias e os clientes de varejo em 30 de setembro de 2014 aumentou em 5,2%, atingindo um total de 4.260.436 contratos (2013: 4.048.821 contratos).

Aumento no número de colaboradores -O número de colaboradores em 30 de setembro de 2014 aumentou em 4,3% em comparação com o mesmo período do ano anterior. No geral, o BMW Group tinha 114.587 colaboradores em todo o mundo no final do período de referência (30 de setembro de 2013: 109.871 empregados). O aumento foi atribuído à crescente necessidade de engenheiros e colaboradores qualificados, de um lado para que fosse possível manter o ritmo com a crescente demanda por veículos e por outro lado para continuar à frente com inovações e o desenvolvimento de novas tecnologias. Mais de 1.500 aprendizes - incluindo 1.200 na Alemanha iniciaram suas carreiras no BMW Group nesse ano.

BMW Group reafirma as metas para o ano inteiro -Com base no forte desempenho nos primeiros nove meses de 2014, o BMW Group tem o objetivo de alcançar novos recordes em termos de volume de vendas (2013: 1.963.798 unidades) e o lucro antes de impostos (2013: € 7,91 bilhões): "Continuamos no caminho certo para alcançar um aumento significativo no lucro do grupo antes de impostos no ano e entregar mais de dois milhões de veículos durante esse período de doze meses", disse Reithofer.

Somente no ano em curso, o BMW Group está lançando 16 novos modelos, além de remodelar diversos outros.

O segmento automotivo continua se esforçando em 2014 para alcançar uma margem EBIT dentro de uma faixa de 8 a 10% (2013: 9,4%). No entanto, dependendo dos desenvolvimentos econômicos e políticos, as margens reais podem acabar ficando acima ou abaixo do intervalo desejado. É esperado para o ano todo um sólido aumento nas receitas dos negócios de automóveis (2013: € 70,62 bilhões).

O segmento de motocicletas também continua a ter um bom desempenho ao longo do ano. Apesar das condições difíceis nos mercados internacional de motocicletas, está previsto que as vendas demonstrem um sólido crescimento em relação ao ano anterior (2013: 115.215 unidades).

Também se espera que o BMW Serviços Financeiros permaneça sua trajetória de crescimento em 2014. Como consequência dos investimentos, o retorno sobre o patrimônio líquido deve diminuir ligeiramente (2013: 20,2%), mas ainda supera o nível mínimo exigido pelo BMW Group que é de 18%.

As despesas com novas tecnologias continuarão altas durante o restante do ano. Um fator importante por trás dessa tendência é a necessidade de desenvolver novas tecnologias destinadas a derrubar o nível de emissões de CO2 ainda mais face às exigências regulamentares cada vez mais rígidas.

Além dessas questões, a economia global também está suscetível a uma série de riscos. As previsões do BMW Group para este ano sustentam-se no pressuposto de que as condições políticas e econômicas mundiais permaneçam estáveis em 2014.

Perfil - O BMW Group é um dos fabricantes de automóveis e motocicletas mais bem sucedidos do mundo com suas marcas BMW, MINI e Rolls-Royce. Como uma empresa global, o BMW Group opera 30 instalações de produção e montagem em 14 países e tem uma rede de vendas presente em mais de 140 nações.

Em 2013, o BMW Group vendeu aproximadamente 1.963 milhão de veículos e 115.215 motocicletas em todo o mundo. O lucro antes dos impostos para o ano contábil de 2013 foi de 7,91 bilhões de euros sobre rendimentos equivalentes a 76,06 bilhões de euros. Em 31 de dezembro de 2013, o BMW Group contava com 110.351 colaboradores.

O sucesso do BMW Group sempre foi construído com base no pensamento de longo prazo e ação responsável. Assim, a empresa estabeleceu sustentabilidade em toda a sua cadeia de valor, responsabilidade total pelos seus produtos e comprometimento claro com a conservação dos recursos como partes integrantes da sua estratégia.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira