Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

04/09/2014 - 06:55

Siemens fornecerá 67 turbinas eólicas para usina de energia eólica offshore no Reino Unido


Projeto Dudgeon terá capacidade total de 402 MW. A energia limpa gerada abastecerá mais de 410 mil famílias no Reino Unido. O valor total do contrato é de aproximadamente 650 milhões de euros.

A Siemens, por meio da divisão de Wind Power, recebeu um pedido das concessionárias de energia norueguesa Statoil e Statkraft para o parque "Dudgeon Offshore Wind Farm", no Reino Unido. A companhia será responsável pela fabricação, fornecimento, instalação e operação de 67 turbinas de acionamento direto, com potência de 6 megawatts (MW) cada, e equipadas com um rotor de 154 metros. A instalação começará no início de 2017 e o valor total do contrato, que inclui cinco anos de serviço e manutenção, é de aproximadamente £500 milhões - cerca de 650 milhões de euros.

O projeto do parque eólico offshore Dudgeon está localizado a 32km ao norte da cidade de Cromer, em North Norfolk. Cerca de 70% desta propriedade pertence à Statoil, responsável como operadora do projeto, que terá participação desde a fase de construção. Os 30% restantes referem-se à concessionária Statkraft. Com uma capacidade total de 402 MW, Dudgeon fornecerá energia limpa para mais de 410 mil famílias no Reino Unido.

"Estamos orgulhosos em mostrar a um número crescente de clientes as vantagens da nossa máquina offshore de 6 megawatts", disse Dr. Markus Tacke, CEO da divisão de Wind Power da Siemens Energy. "Com o projeto Dudgeon, nós seremos capazes de estender o nosso pipeline para esta nova turbina. Desta forma, teremos a oportunidade de aumentar ainda mais a capacidade de produção, que é uma condição prévia para reduzir os custos da energia eólica offshore. "

A energia eólica e os respectivos serviços associados fazem parte do Portfólio Ambiental da Siemens. Cerca de 43% de sua receita total deriva de produtos e soluções verdes. Isso faz da Siemens um dos principais fornecedores mundiais de tecnologia ecologicamente correta.

67 turbinas eólicas de acionamento direto para o "Dudgeon Offshore Wind Farm": As turbinas são classificadas em 6 megawatts (MW) cada, e equipadas com um rotor de 154 metros. [www.energy.siemens.com/hq/en/renewable-energy].

Grupo Siemens no Brasil-A Siemens está presente no Brasil há mais de cem anos e é atualmente o maior conglomerado de engenharia elétrica e eletrônica do país, com suas atividades agrupadas em quatro setores: Industry, Energy, Healthcare e Infrastructure & Cities. As primeiras atividades da empresa no Brasil datam de 1867, com a instalação da linha telegráfica pioneira entre o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul. Em 1895, no Rio de Janeiro, era aberto o primeiro escritório e, dez anos mais tarde, ocorria a fundação da empresa no país. Ao longo do século passado a Siemens contribuiu ativamente para a construção e modernização da infraestrutura do Brasil. Hoje, os equipamentos e sistemas da Siemens são responsáveis por 50% da energia elétrica gerada no País, 30% dos diagnósticos digitais por imagem realizados no Brasil e estão presentes em dois terços de todas as plataformas offshore brasileiras projetadas nos últimos oito anos. No Brasil, o Grupo Siemens conta com mais de oito mil colaboradores, 13 fábricas e sete centros de pesquisa e desenvolvimento espalhados por todo o País.

O Setor Energy da Siemens é o fornecedor líder mundial de uma gama completa de produtos, serviços e soluções para a geração de energia em usinas termelétricas e renováveis, para linhas de transmissão de energia e para a extração, processamento e transporte de petróleo e gás. No ano fiscal de 2013 (encerrado em 30 de setembro), o Setor Energy registrou receitas de EUR 26.6 bilhões e recebeu novos pedidos totalizando cerca de EUR 28.8 bilhões e um lucro de EUR 2 bilhões. Em 1 de outubro de 2013, o Setor de Energia tinha uma força de trabalho de aproximadamente 83,5 mil. [www.siemens.com.br/energia].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: