Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

19/08/2014 - 08:55

Lixo é fonte alternativa de energia elétrica


Processo inovador na Europa utiliza turbinas com tecnologias TGM. 15 plantas de geração de energia elétrica a partir da queima do lixo estão em pleno funcionamento.

De olho na ascensão do mercado, novas técnicas de produção dos biocombustíveis por meio de fontes alternativas estão em operação em outros países com tecnologias TGM para geração de energia elétrica renovável através de lixo.

Apensar de ser um grande desafio no Brasil, pois as administrações públicas ainda estão se organizando e adequando as leis para a utilização dos resíduos sólidos em térmicas, a multinacional brasileira de Sertãozinho está apta a gerar energia elétrica limpa, ou seja, ao invés do lixo seguir para os aterros, segue para as térmicas resultando uma ação mais eficiente e, ambientalmente, correta.

A TGM já tem 15 unidades operando na Europa com turbinas instaladas em planta de geração de energia elétrica a partir da queima do lixo. Aqui estão os exemplos de plantas em funcionamento com equipamentos TGM e a capacidade de cada uma delas:

AEE Inova - Grossräschen, Alemanha, 30 MW de potência; E.ON Energy - Göppingen, Alemanha, 15,3 MW; Ferwarme Ulm - Ulm, Alemanha, 5,3 MW; Vattenfall Hamburg - Hamburg, Alemanha, 3,3 MW; VINCI Environnement - Cornwall, Alemanha, 27 MW; Kuttner Energy - Weitendorf, Áustria, 18 MW; Von Roll Inova - Zisterdorf, Áustria, 15,7 MW; Zauner - Linz, Áustria, 22,8 MW; VINCI Environnement - Toulon, França, 13,7 MW; Hitachi Zosen - Cleveland, Inglaterra, 28,5 MW; Hitachi Zosen - Buckinghamshire, Inglaterra, 30 MW; E.ON Energy - Leudelange, Luxemburgo, 19,5 MW; Von Roll Inova - Bergen 2, Noruega, 9,7 MW; Caliqua AG - Luzern, Suíça, 30 MW e Energie Versorgund - Moscow, Rússia, 11 MW de potência.

A empresa, atualmente, é responsável em produzir pelas suas turbinas mais de 10 GW de energia, abastecendo milhares de residências e indústrias do mundo, levanta a bandeira e mostra seu potencial em transformar lixo em energia limpa.

Desta forma, esta multinacional brasileira com vasta experiência pelo mundo estará contribuindo, ainda mais, para que o Brasil siga os bons exemplos de outros países como Alemanha, França, Itália, Bulgária, Portugal, Espanha e Turquia ao produzir energia complementar a partir da queima de lixo de forma sustentável.

De acordo com o diretor da TGM, Antonio Gilberto Gallati, todo o lixo produzido na cidade é capaz de gerar parte da energia consumida pelo município, ou seja, entra lixo e sai energia elétrica. “A tecnologia TGM em transformar resíduos sólidos em energia limpa, além de limpar a cidade, gera renda, empregos e colabora na solução dos problemas ambientais”, alertou.

Gallati reforçou ainda que as cidades brasileiras têm esse potencial nas mãos (ao se referir à energia limpa) e que isso ajudaria muito nas comunidades locais, principalmente na redução de custos de energia de outras fontes convencionais.

Para exemplificar, uma cidade com população de 500 mil habitantes, produz lixo suficiente para gerar 15.000 kW de energia elétrica, que corresponde a cerca de 10 a 15% de seu consumo total de energia.

Segundo Gallati, o Brasil tem condições e facilidades de produzir, no mínimo, 3 GW de energia elétrica a partir de lixo, assim como eliminar vários riscos e gastos na saúde pública, além de gerar empregos de qualidade e impulsionar um sério trabalho ambiental e social.

A TGM - Com 23 anos de experiência no mercado, a TGM está sediada em Sertãozinho, possui outras três unidades sendo: Maceió, no nordeste brasileiro, São José dos Campos, próxima a capital de São Paulo e em Nürnberg, na Alemanha, bem como está presente em mais de 40 países e mais de 530 clientes atendidos anualmente.

Considerada a maior empresa da América latina no segmento, a TGM é uma multinacional genuinamente brasileira que adquiriu o respeito e a confiança de seus clientes na fabricação de mais de 1.000 turbinas a vapor que totalizam 10.2 GW de energia, 1.330 redutores planetários, 460 redutores paralelos, 28 redutores especiais e 550 turbinas repotenciadas. Realiza também serviços de repotenciamento, revisão, modernização em turbinas e redutores de qualquer marca. Além da tecnologia 100% brasileira, outro diferencial é o Atendimento 24hs da Assistência Técnica, realizando o atendimento de forma ágil, eficaz e precisa.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: