Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

07/01/2014 - 08:46

Velocistas brasileiras passam a treinar na Universidade de Miami

Projeto é uma ação conjunta entre o COB e a CBAt para o aprimoramento técnico das atletas.

As atletas Evelyn dos Santos, Rosângela Santos e Tamiris de Liz, especialistas em provas de velocidade do atletismo, embarcam nesta segunda-feira, dia 6, para os Estados Unidos, onde treinarão durante o ano de 2014. As velocistas terão como base de treinos a Universidade de Miami e seus treinamentos terão a supervisão da americana Amy Deem, especialista em provas de velocidade e diretora da equipe de atletismo da universidade do estado da Flórida desde 2008. Esta é uma ação conjunta entre o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), visando ao aprimoramento técnico das atletas, com foco principal no revezamento 4x100m. Outras atletas de velocidade que já dispõem de uma estrutura de treinamento no Brasil permanecerão no país.

“Esta ação foi planejada dentro das características específicas das atletas. São atletas com grande potencial de crescimento e estamos investindo nos detalhes para que nossos talentos ganhem cada vez mais experiência e alcancem a excelência em 2016”, destacou Marcus Vinicius Freire, diretor-executivo de esportes do COB.

As atletas estiveram em Miami em dezembro de 2013, quando conheceram as instalações do local e a infraestrutura que será oferecida pelo COB e pela CBAt. Além da infraestrutura e equipamentos de ponta em uma das universidades referenciais no atletismo americano, as brasileiras terão oportunidade de participar de competições do circuito americano de atletismo, e assim ganhar mais experiência internacional. Em paralelo aos treinamentos, as atletas também estudarão inglês.

Ao longo do ano, serão realizados ainda campings de treinamento com a participação dos treinadores pessoais de cada atleta, além de treinadores selecionados pela CBAt.

O COB e a CBAt definirão ainda outros projetos específicos para atletas masculinos e femininos de velocidade com potencial de resultados nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e que estão sendo observadas pelas entidades. No momento, além de Evelyn, Rosângela e Tamiris, outras seis velocistas fazem parte do monitoramento das entidades. [www.cob.org.br].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira