Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

28/11/2013 - 07:41

Demanda doméstica cresceu mais de 4% em outubro, aponta ANAC

Oferta registrou queda no mesmo período.

Brasília – Após três meses consecutivos de queda, a demanda do transporte aéreo doméstico de passageiros (passageiros-quilômetros pagos transportados – RPK) registrou alta de 4,19% em outubro de 2013, quando comparada com o mesmo mês de 2012. Trata-se do quinto ano consecutivo de crescimento da demanda doméstica para o mês. Com esse resultado, a demanda doméstica atingiu o seu maior nível para outubro desde o início da série de Dados Comparativos, em 2000.

A oferta do transporte aéreo doméstico (assentos-quilômetros oferecidos – ASK) registrou redução de 1,46% em outubro de 2013, quando comparada com o mesmo mês do ano anterior. A oferta doméstica está em retração há 14 meses, desde setembro de 2012, com exceção do mês de julho de 2013, em que o indicador apresentou variação positiva de 0,22%.

No período de janeiro a outubro de 2013, a demanda doméstica acumulou alta de 0,37% e a oferta doméstica acumulou redução de 4,06%, no comparativo com o mesmo período de 2012.

TAM e GOL lideraram o mercado doméstico em outubro de 2013, com participação (em RPK) de 39,26% e de 36,33%, respectivamente. Entre as principais empresas aéreas brasileiras*, a Azul e a Avianca destacaram-se com as maiores taxas de crescimento da demanda doméstica em outubro de 2013, quando comparadas com o mesmo mês de 2012, da ordem de 43,94% e 30,60%, respectivamente.

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos de passageiros (RPK/ASK) atingiu o melhor nível para mês de outubro desde o início da série dos Dados Comparativos, tendo alcançado 77,92%. Quando comparada com a taxa de aproveitamento das aeronaves do mesmo mês do ano anterior, a alta foi de 5,73%.

Entre as principais empresas aéreas brasileiras, as melhores taxas de aproveitamento doméstico em outubro de 2013 foram registradas pela Avianca e TAM, com 83,20% e 80,14%, respectivamente. Azul, Trip e GOL tiveram aproveitamento de 79,59%, 75,34% e 74,62%, respectivamente, no mesmo mês.

Transporte aéreo internacional - A demanda e a oferta do transporte aéreo internacional de passageiros das empresas aéreas brasileiras registraram alta de 9,95% e de 4,72%, respectivamente, em relação ao mesmo mês de 2012. Ambas atingiram o seu maior nível para o mês de outubro desde o início da série em 2000. Esses indicadores estão em crescimento há 12 meses consecutivos.

No acumulado de janeiro a outubro deste ano, a demanda internacional acumulou alta de 4,85% em relação ao mesmo período de 2012. A oferta internacional registrou alta de 9,99% no mesmo comparativo.

Em relação à participação de mercado, no mês de outubro, TAM e GOL representaram a totalidade das operações de empresas brasileiras no transporte aéreo internacional, com 87,76% e 12,24%, respectivamente.

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos internacionais de passageiros operados por empresas brasileiras (RPK/ASK) alcançou 82,55% em outubro de 2013, contra 78,62% no mesmo mês de 2012, o que representou alta de 4,99%. Com a alta no mês de outubro de 2013, a taxa de aproveitamento internacional interrompeu uma sequência de 12 meses consecutivos de redução e alcançou o seu melhor nível para o mês de outubro desde o início da série em 2000.

Os Dados Comparativos são elaborados com base nas operações regulares e não regulares das empresas brasileiras concessionárias dos serviços de transporte aéreo público de passageiros.

. *Principais empresas aéreas brasileiras: foram consideradas aquelas que registraram participação de mercado superior a 1%, em termos de RPK.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2022 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira