Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

19/06/2013 - 09:42

Grupo Volkswagen entregou 3,87 milhões de veículos de janeiro a maio

Entregas no período cresceram 5,9 por cento*, 816.500 unidades vendidas em maio - aumento de 6.9 por cento*."O desempenho das marcas do Grupo está estável. Os mercados em todo o mundo continuam difíceis e irregulares”, declaração de Christian Klingler, membro do Conselho de Administração do Grupo, na área de vendas.

Wolfsburg - O Grupo Volkswagen registrou vendas de 3,87 milhões de veículos entre janeiro e maio deste ano (no mesmo período de 2012: 3,65 milhões; + 5,9 por cento). A empresa entregou aos clientes 816.500 veículos no mês de maio (em maio de 2012: 763.900; + 6,9 por cento).

"De forma geral, o desempenho das marcas do Grupo Volkswagen foi estável, porém em diferentes níveis. Em particular, a Audi, Volkswagen Passenger Cars e a Porsche, assim como a SEAT, mantiveram os níveis de vendas apesar da contínua dificuldade do mercado", declarou Christian Klingler, membro do Conselho do Grupo na área de Vendas. Segundo o executivo, "por enquanto, o comportamento dos mercados internacionalmente permanece desigual e se caracteriza pela contínua incerteza econômica, sobretudo na Europa Ocidental. Em contraste, a situação das vendas na China continua empolgante."

As marcas do Grupo entregaram um total de 1,53 milhão de veículos em todo o mercado europeu entre janeiro e maio (em 2012: 1,58 milhão; -3,5 por cento), dos quais 799.100 vendidos na Europa Ocidental (excluindo a Alemanha). Em 2012, foram 825.800; queda de 3,2 por cento. No mercado doméstico alemão, 473.100 consumidores adquiriram veículos novos (em 2012: 493.900; - 4,2 por cento). A maior fabricante da Europa vendeu 254.000 veículos na Europa Central e do Leste (em 2012: 262.600; - 3,3 por cento). No mesmo período, 120.900 unidades (em 2012: 122.500; - 1,3 por cento) foram entregues a clientes na Rússia.

As vendas na região da América do Norte cresceram 13 por cento entre janeiro e maio, atingindo 360.000 unidades (em 2012, 318.700), das quais 249.300 nos Estados Unidos (em 2012: 224.100; + 11,2 por cento). Na América do Sul, o Grupo Volkswagen entregou aos consumidores 375.400 veículos durante o mesmo período (em 2012: 376.700; - 0,4 por cento), dos quais 276.300 no Brasil (em 2012: 273.000; + 1,2 por cento).

Os números do Grupo na região Ásia-Pacífico permaneceram encorajadores. 1,43 milhão de veículos foram entregues aos compradores da região no período até maio (em 2012: 1,23; + 16,4 por cento), dos quais 1,28 milhão de unidades vendidas na China (em 2012: 1,08 milhão; + 18,2 por cento), o maior mercado individual do Grupo. Em contraponto, as vendas na Índia caíram para 41.300 veículos (em 2012: 51.700; - 20,2 por cento).

Desempenho das marcas do Grupo-De janeiro a maio, a Volkswagen Passenger Cars entregou 2,41 milhões de veículos aos consumidores de todo o mundo (em 2012: 2,29; + 5,3 por cento). A marca teve bom desempenho na região Ásia-Pacífico, com vendas de 1,07 milhão de veículo (em 2012: 0,91; + 17,6 por cento). Na região da América do Norte, a Volkswagen Passenger Cars vendeu 252.700 veículos (2012: 242.100; + 4,4 por cento), enquanto no mercado Europeu em geral, que continuou difícil, atingiu 688.900 (2012: 743.000; - 7,3 por cento).

No mesmo período, a Audi entregou a seus clientes 640.200 veículos (2012: 600.200; + 6,7 por cento). As vendas da marca premium de Ingolstadt evoluíram bem na região Ásia-Pacífico, onde 218.500 carros (2012: 189.000; + 15,6 por cento) foram entregues. Na América do Norte, a Audi vendeu 73.600 veículos no período (2012: 64.000), crescendo 14,9 por cento.

A fabricante de carros esportivos Porsche, que se tornou membro do Grupo em 1º de agosto de 2012, vendeu 67.300 veículos nos primeiros cinco meses do ano. A demanda pelos modelos da fabricante baseada em Stuttgart foi especialmente alta na região Ásia-Pacífico, onde foram entregues 20 mil veículos, e na América do Norte, onde 19.400 carros foram vendidos.

A ŠKODA entregou um total de 377,200 veículos entre janeiro e maio (2012: 405.500; - 7,0 por cento). A fabricante checa vendeu 96.700 unidades na Europa Central e do Leste (2012: 107.600; - 10,1 por cento) e 111.600 (2012: 120.900; - 7,7 por cento) na região Ásia-Pacífico.

A SEAT vendeu até maio 149.100 veículos em todo o mundo (2012: 134.300; + 11,0 por cento), mantendo sua trajetória ascendente. A marca espanhola registrou crescimento principalmente na Alemanha, onde suas vendas cresceram 30,9 por cento, atingindo 30.700 unidades (2012: 23.500), no Reino Unido, onde a empresa vendeu 18.500 carros (2012: 16.500; +12,6 por cento) e no México, onde as vendas chegaram a 9.200 veículos (2012: 8.500; + 8,2 por cento).

A Volkswagen Commercial Vehicles entregou aos clientes no período de janeiro a maio 219.900 veículos (2012: 220.600; - 0,3 por cento), dos quais 66.800 unidades (2012: 67.100; - 0,5 por cento) na Europa Ocidental (excluindo a Alemanha). Em contraste, as vendas da Volkswagen Commercial Vehicles cresceram 10,9 por cento na América do Sul, atingindo 61.800 unidades (2012: 55.700). |*) incluindo as vendas da marca Porsche a partir de agosto de 2012; excluindo as marcas MAN e Scania.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira