Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

18/04/2013 - 07:14

Localiza: volumes crescem pouco, mas lucro dispara, aponta BB Investimentos

A empresa apresentou crescimento com números discretos e lucro recorde.

De acordo com o analista Mário Bernardes Junior, do BB Investimentos, o resultado da Localiza no primeiro trimestre de 2013 pode ser considerado positivo ao olharmos para o lucro líquido da companhia, que subiu 22% no comparativo anual, chegando a patamar recorde. Vale ressaltar que a principal influência veio do resultado financeiro em razão da forte redução de R$ 20,6 milhões nas despesas financeiras, como consequência da queda na taxa básica de juros.

“Por outro lado, o ponto desfavorável foi o discreto crescimento nos números de receita e de volumes em todas as unidades de negócios, impactados pelo nível moderado da atividade econômica no primeiro trimestre do ano. Sendo assim, ressaltamos que 2013 já começou desafiador para Localiza, mostrando que a companhia terá que saber aproveitar as oportunidades que surgirão ao longo do ano como os eventos esportivos e a melhora do nível de atividade econômica, principalmente a partir do segundo semestre”, alertou o Mário Bernardes.

Sucessão no Top Management -A companhia anunciou a sucessão no seu top management. O atual CEO da Localiza, Salim Mattar será substituído pelo seu irmão Eugenio Mattar, que até então ocupava o cargo de COO (Chief Operating Officer, executivo-chefe de operações), já a partir de maio. Com a saída, o senhor Salim Mattar passará a ocupar a função de chairman.

Rent-a-car tem leve crescimento - O volume de diárias de aluguel registrou crescimento de 2,9% no trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior. A tarifa média apresentou aumento de 3,0% sobre o 1T12, o que se refletiu num crescimento de 5,9% A/A da receita líquida da unidade. O segmento, segundo a companhia, foi impactado pelo nível moderado de atividade econômica. “Além disso, a companhia também apresentou aumento nos custos e nos gastos com pessoal e aluguel de imóveis, o que levou a um Ebitda de R$ 100,9 milhões, 10,2% menor que o 1T12, trazendo a margem para 35,6%, ou seja, 5,3 p.p. abaixo do mesmoperíodo do ano anterior”, informou Bernardes.

Terceirização de Frotas mantém ritmo de crescimento -A unidade de terceirização manteve o crescimento com boa velocidade, cuja evolução chegou a 9,0% A/A na receita líquida no trimestre, resultado da combinação de um volume de diárias 5,0% maior com o aumento de 3,8% da diária média. A margem Ebitda ficou estável em 66% A/A com R$ 93,5 milhões.

“Volume de vendas continua baixo. A receita líquida da unidade de Seminovos caiu 2,5% no comparativo anaul, como consequência da redução do IPI sobre carros novos, que também impacta o desempenho dos seminovos. No 1T13 foi aberta uma nova loja, somando 74 no total, e a frota de carros da companhia encerrou o período com 96.255, que somada ao franqueados totalizaou 111.358 carros”, concluiu o analista.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira