Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

27/03/2013 - 06:51

Contêineres de refrigeração da Maersk encontram novo uso na armazenagem de artefatos arqueológicos

Tinglev, dinamarca - Os contêineres de refrigeração de alta tecnologia da Maersk Container Industry encontraram um novo e não convencional uso: a conservação de artefatos arqueológicos frágeis in loco.

Os caminhões frigoríficos Star Cool da MCI estão instalados em Lübeck, Alemanha, onde uma estrutura de madeira antiga e exclusiva foi revelada durante a construção de novas casas. Uma escavação de salvamento na área, patrimônio mundial pela UNESCO, revelou um porão de armazenamento em madeira de 1180. Entre as culturas então armazenadas no porão estavam aparentemente lúpulo e cereais que poderiam fornecer insights sobre a produção de cerveja alemã medieval.

No entanto, a conservação do porão é difícil. Artefatos deste tipo perecerão e se desintegrarão se eles, durante, a relocação, forem expostos a temperaturas e umidade radicalmente diferentes.

"Star Cool foi escolhido por causa de seus extremamente precisos temperatura e controle atmosférico. Tal precisão é imperiosa se você quer preservar ativos culturais sensíveis como estruturas orgânicas molhadas", diz o conservador Maruchi Yoshida, que é sócio do Fraunhofer-Institute for Building Physics e da Leibniz-Gemeinschaft na administração do projeto contêiner de caminhão frigorífico, ARCHe.

Normalmente, os caminhões frigoríficos da Maersk com as chamadas tecnologias CA e AV+ são usados para transportar cargas sensíveis como bananas, vegetais, peixe e carne em todo o mundo. Agora, o teste-piloto do ARCHe pode render novas perspectivas de negócios.

"Nós estamos estudando um plano de negócios para uma empresa que em curto prazo pode fornecer serviços de conservação e caminhões frigoríficos mediante descobertas repentinas de novos sítios arqueológicos", diz Maruchi Yoshida. "Tal empresa beneficiaria tanto os escritórios que cuidam da herança cultural como os de desenvolvimento urbano, mas acima de tudo a sociedade a que estas heranças culturais pertencem".

Perfil - Com sede na Dinamarca, a Maersk Container Industry (MCI) é uma unidade corporativa separada do A.P. Moller - Maersk Group, fabricando contêineres secos e caminhões frigoríficos para o mercado mundial. Em 2012, a receita da MCI foi US$ 1,1bilhão (2011: US$ 1,2 bilhão); o lucro foi de US$ 60 milhões (2011: US$ 69 milhões). Em 2012, o retorno de capital investido da MCI (ROIC), excluindo-se os valores únicos (one-offs), foi o mais alto do Maersk Group, 27,7% (2011: 33,1%). Com uma nova fábrica no Chile, a MCI logo terá mais de 8.000 empregados na China, Chile e Dinamarca.|.PR Newswire.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: