Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

20/12/2012 - 07:30

LLX e V & M assinam contrato para instalação de base logística no Superporto do Açu


Rio de Janeiro - A LLX, empresa de logística do Grupo EBX, divulgou no dia 19 de dezembro (quarta-feira), a assinatura de contrato com a V & M do Brasil S.A para instalação de uma base logística no Superporto do Açu, em construção em São João da Barra (RJ).

A unidade, que estará localizada no Polo Metalmecânico, terá área de 150 mil m² e será destinada ao atendimento das companhias de petróleo que atuam na Bacia de Campos, através da armazenagem e fornecimento “Just in Time” de tubos e serviços especializados. O contrato terá duração de 20 anos, renováveis por mais 20 anos. A instalação da base se dará a partir da instalação de uma base de apoio offshore no canal do TX2.

“A assinatura de mais um contrato para instalação de unidade industrial no Polo Metalmecânico confirma a condição de excelência oferecida pelo Superporto do Açu para as empresas fornecedoras de bens e serviços para a indústria de Petróleo & Gás e Energia. Através de sua localização estratégica na região sudeste, acesso às principais ferrovias e rodovias e a apenas 150 km de distância da Bacia de Campos e a 250 km da Bacia do Espírito Santo - responsáveis por 90% da produção de petróleo no país - o Superporto do Açu é um centro de convergência, um site com características únicas que representa um diferencial para as empresas que lá decidirem se instalar”, comentou Marcus Berto, diretor presidente e de Relações com Investidores da LLX.

Para o diretor-geral da V & M do Brasil, Alexandre Lyra, “a base logística será muito importante para otimizar o atendimento aos nossos clientes com tubos OCTG (oil country tubular goods) para exploração e produção de petróleo. A nova base nos permitirá ampliar o oferecimento de serviços e soluções a esses clientes, incluindo, por exemplo, a OGX”.

A V & M do Brasil faz parte do grupo internacional Vallourec, líder mundial em soluções tubulares Premium fornecendo principalmente para o mercado de Energia (Óleo e Gás, Powergen). Sua expertise estende-se também ao setor industrial (mecânico, automotivo, construção). Com 22.200 funcionários, 5,3 bilhões de euros em vendas, em 2011 – 73% dos quais fora da Europa, plantas industriais em mais de 20 países e um avançado setor de Pesquisa e Desenvolvimento, a Vallourec oferece aos seus clientes soluções inovadoras em todo o mundo, a fim de responder aos desafios do século 21.

Superporto do Açu-A LLX constrói em São João da Barra (RJ) o Superporto do Açu, maior investimento em infraestrutura portuária das Américas. Com construção iniciada em outubro de 2007 e início de operação previsto para 2013, ele contará com 17 km de píeres, que poderão receber até 47 embarcações, inclusive de grande porte.

O Superporto do Açu será composto por dois terminais (TX1 e TX2), que poderão movimentar até 350 milhões de toneladas por ano, colocando-o entre os três maiores portos do mundo. Projetado com base no conceito porto-indústria, ele contará com um Distrito Industrial em área contígua, onde serão instaladas siderúrgicas, cimenteiras, base de estocagem para granéis líquidos, polo metalmecânico, unidade de construção naval, complexo termelétrico, plantas de pelotização de minério de ferro, unidade para tratamento de petróleo, indústrias offshore e indústrias de tecnologia da informação que constituirão o futuro Vale do Silício brasileiro, entre outros.

O Polo Metalmecânico, localizado na retroárea do porto, será totalmente integrado ao Terminal Multicarga, instalado no TX2, e contará com vias com capacidade para transportar cargas especiais, como equipamentos com grandes dimensões e peso. Esses diferenciais oferecem competitividade logística às empresas instaladas no Polo Metalmecânico, que poderão escoar seus produtos com eficiência e sem gargalos logísticos.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: