Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

12/07/2012 - 09:38

Mark Webber e Red Bull Racing-Renault vencem o Grande Prêmio da Inglaterra de F1


Mark Webber, piloto da equipe Red Bull Racing, venceu o GP da Inglaterra, após ultrapassar Fernando Alonso nas últimas voltas desta emocionante corrida. A vitória do australiano - a segunda dele em Silverstone - aumenta para 30 o número de vitórias da parceria Red Bull Racing e Renault, enquanto que o número total de vitórias para a Renault na Fórmula 1 atinge a marca de 146. Sebastian Vettel, companheiro de equipe de Webber na Red Bull Racing, proporcionou uma dobradinha para a equipe, terminando em terceiro.

Kimi Raikkonen e Romain Grosjean, ambos da equipe Lotus, cruzaram a linha de chegada na quinta e sexta posições, respectivamente, consolidando a Lotus na terceira colocação do Mundial de Construtores. Equipados com motor Renault RS27, fornecido pela Renault Sport F1 – divisão esportiva da Renault na F1 como fornecedora de motores e tecnologia -, mantiveram um ótimo ritmo de corrida, tendo Grosjean conseguido ultrapassar todo o pelotão após uma parada antecipada nos boxes, necessária para trocar o spoiler dianteiro, que havia sido danificado durante uma colisão ocorrida antes.

Bruno Senna, da equipe Williams, terminou na nona posição, permitindo que todos os pilotos equipados com motores Renault conquistassem 50% do total de pontos atribuídos para os primeiros colocados. Infelizmente, Pastor Maldonado, companheiro de equipe de Senna, se envolveu em um incidente e terminou a corrida na 16ª colocação. Heikki Kovalainen, da Caterham, cruzou a linha de chegada, enquanto que Vitaly Petrov não largou devido a uma pane no motor.

A Red Bull Racing aumentou sua vantagem no Campeonato Mundial de Construtores, à frente da Ferrari, enquanto que a equipe Lotus se mantém em terceiro. A Williams está em sétima, e a Caterham, em décima.

Rémi Taffin, responsável pelas atividades de pista da Renault Sport F1, dá suas impressões sobre esta etapa: A dobradinha conquistada pela Red Bull Racing nesta edição do GP da Inglaterra é um ótimo resultado para a parceria entre a equipe Red Bull Racing e a Renault.

Apesar da vitória e de não termos enfrentados os mesmos problemas que tivemos na etapa passada, em Valência, não tivemos um fim de semana perfeito em termos de confiabilidade. Mais uma vez sofremos com uma pane de motor, desta vez no carro do Petrov. As primeiras investigações não apresentam nenhuma pista específica da origem do problema e, por isso, vamos desmontar o motor para investigarmos o problema.

As atualizações que a equipe Caterham realizou para este GP estavam dando resultado, e eles pareciam estar preparados para ter um bom desempenho na corrida. Vamos fazer com que este contratempo não se repita: para isso, trabalharemos duro e estamos confiantes quanto à nossa capacidade de vencer esta decepção. A Lotus novamente demonstrou um ritmo firme, terminando na quinta e sexta colocações, assim como a Williams. Com 50% dos pontos disputados neste GP da Inglaterra foram obtidos pelos carros com motor Renault, comprovamos que o conjunto chassi-motor funciona muito bem, mas ainda temos algum trabalho pela frente para melhorar nossa confiabilidade, para otimizarmos ainda mais o desempenho dos nossos motores nas pistas.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira