Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

20/06/2012 - 10:06

No Dia da Energia da Rio+20, 17 instituições ratificam Cier-Biogás

O Centro Internacional de Energias Renováveis com ênfase em biogás (Cier-Biogás), que funcionará no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), em Foz do Iguaçu, foi ratificado por 17 entidades internacionais, entre instituições de governo, centros de pesquisa e federações sindicais. O protocolo de intenções para desenvolvimento do Cier-Biogás foi assinado nesta terça-feira, na abertura do seminário “Energias Renováveis para o Desenvolvimento Sustentável”, no Forte de Copacabana, durante o Dia da Energia da Rio+20.

Coordenado pela Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (Onudi), o centro será o primeiro do mundo voltado exclusivamente para as tecnologias do biogás.

Embora com sede física no PTI, que funciona na área da usina de Itaipu, o centro terá gestão descentralizada, para que as pesquisas sobre o biogás sejam disseminadas no mundo todo, respeitando as características de cada região.

Recomendação -A Itaipu Binacional já incluiu no seu orçamento, até 2015, os custos de implantação do centro, mas estão previstas outras formas de captação de recursos. O ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, elogiou as ações de Itaipu para o fomento de novas fontes de energia, afirmando que deveriam ser copiadas por outros empreendimentos elétricos.

“Não é tarefa de Itaipu fazer o que está fazendo, mas nós aplaudimos e incentivamos. E recomendamos que nossas hidrelétricas sigam o exemplo de Itaipu no sentido de promover novas formas de energia limpas e renováveis”, afirmou o ministro em entrevista coletiva, logo após o seminário.

Expectativa da Onudi -O diretor geral da Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (Onudi), Kandeh Yumkella, disse que confia no resultado dos trabalhos do novo centro de pesquisas. “Espero voltar à Itaipu, em um ou dois anos, onde começou esta viagem, para ver a evolução em relação à segurança energética. Vocês precisam ensinar ao mundo, liderar o mundo para um futuro mais limpo”, concluiu.

O diretor-geral brasileiro de Itaipu, Jorge Samek, lembrou os avanços pelos quais o Brasil passou desde o primeiro Congresso Internacional de Energias Renováveis, realizado em Foz do Iguaçu, em 2008, até a ratificação do Cier-Biogás.

“O lançamento do centro aqui na Rio+20 é uma demonstração da capacidade do Brasil de produzir energia, distribuir renda e respeitar o meio ambiente”, disse Samek. Segundo ele, o apoio de Itaipu à experiência de produção de energia elétrica a partir do biogás está transformando os agricultores no Oeste do Paraná em produtores de energia elétrica.

“Nosso objetivo não é só gerar energia, mas inserir mais um item na cadeia produtiva do produtor rural”, afirmou o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas. Cabe ao ministério, continuou, aperfeiçoar a assistência técnica, o crédito e a comercialização desta nova energia. “Eliminados esses obstáculos, teremos o biogás integrado de fato à nossa matriz energética”, concluiu. Humanidade 2012

O seminário Energias Renováveis para o Desenvolvimento Sustentável aconteceu no espaço “capela”, uma das salas da megaestrutura de mais de sete mil metros quadrados construída pela Fiesp, Firjan e Fundação Roberto Marinho no Forte de Copacabana.

Nas paredes da “capela”, 70 mil bonecos de homens e mulheres representam os sete bilhões de habitantes do planeta e a palavra “humanidade” é traduzida em vários idiomas. Nas estantes, estão expostos 10 mil livros escolhidos por personalidades de várias áreas do saber, que serão levados a uma biblioteca popular. Na abertura, pássaros de papel saíram de pequenas janelas e cruzaram a sala. As mesas do espaço seguem o conceito de mandala. Cem pessoas foram convidadas a apertar, em sincronia, os botões colocados debaixo da mesa. Assim, um grande pêndulo, no centro da sala, se moveu sobre a mesa e ficou no prumo. “Isso é um exemplo de como devemos agir”, afirmou o presidente da Fiesp, Paulo Scaff, um dos anfitriões do espaço. “Devemos estar em sincronia”.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: