Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

24/05/2012 - 08:00

ABB assina contratos de mais de $50 milhões no Brasil para expandir a capacidade da rede de transmissão de energia

Subestações de energia para melhorar a confiabilidade da rede de transmissão e atender a crescente demanda por eletricidade.

Zurique, Suíça – A ABB, grupo líder em tecnologias de energia e automação, assinou contratos de mais de $50 milhões para construir subestações de transmissão de energia no Brasil. Os pedidos foram registrados no primeiro trimestre deste ano.

A ABB vai projetar, fornecer e instalar duas novas subestações de 230/69 kV (kilovolt) em Miramar e Tucurui e uma subestação de 230/138 kV em Nobres para a Eletrobrás Eletronorte no norte do país.

A ABB também vai construir uma nova subestação de 230/138 kV em Umuarama e ampliar a subestação existente de Cascavel Oeste para a Costa Oeste Transmissora de Energia S.A., um consorcio com finalidade especifica formado pela Copel Transmissão e Eletrobrás Eletrosul, concessionárias que atendem o sul do Brasil.

Em outros dois projetos contratados pela Eletrobrás CHESF, a ABB irá instalar uma nova subestação de 230/69 kV (Teresina III) e vai ampliar outras subestações existentes de 230 kV e 500 kV no nordeste do Brasil.

O fornecimento dos principais produtos para os projetos inclui painéis de distribuição isolados a gás e a ar, transformadores de alta tensão, painéis de média tensão, sistemas auxiliares e cabos. A ABB também vai fornecer o sistema e a automação SCADA (controle de supervisão e aquisição de dados). As subestações vão estar equipadas também com o sistema de comunicação aberto compatível com IEC 61850, para permitir o monitoramento remoto e controle de ativos de energia localizados em vários locais. Os projetos têm sua conclusão prevista para até 2013.

"Essas novas subestações e ampliações irão aumentar a capacidade e reforçar a infraestrutura de transmissão e de distribuição do país para ajudar a atender a crescente demanda de eletricidade de consumidores residenciais, industriais e comerciais," disse Brice Koch, responsável pela divisão de Sistemas de Potência da ABB.

A economia brasileira continua crescendo fortemente. Ao mesmo tempo, a população deve aumentar em cerca de 10% para 220 milhões até 2020. Estas tendências continuam impulsionando a demanda com uma capacidade de geração que deve aumentar em mais de 35%, para aproximadamente 144 gigawatts até 2020. Além disso, o país vai exigir um investimento substancial em transmissão e distribuição, tanto para novas instalações e remodelações como das infraestruturas existentes.

A ABB é líder mundial no fornecimento de instalações completas isoladas a ar, isoladas a gás e subestações híbridas com níveis de tensão níveis de até 1.100 kV. Essas subestações facilitam a transmissão e distribuição confiáveis e eficientes da eletricidade com um mínimo impacto ambiental, atendendo concessionárias de serviços públicos, e clientes industriais e comerciais, além de setores como o transporte ferroviário, transporte urbano e energias renováveis.

A ABB [www.abb.com] é líder em tecnologia de energia e automação que permitem às concessionárias e aos clientes industriais melhorarem seu desempenho ao mesmo tempo em que reduzem o impacto ambiental. O Grupo ABB de empresas opera em cerca de 100 países e emprega aproximadamente 145.000 pessoas.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: