Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

23/02/2012 - 08:53

Governo do Estado do Rio prepara projeto da nova sede da Polícia Militar


Anúncio foi feito no dia 20 de fevereiro (segunda-feira), pelo governador Sérgio Cabral, no Sambódromo.

O Governo do Estado está desenvolvendo o projeto da nova sede da Polícia Militar, que será transferida da Rua Evaristo da Veiga, no centro da cidade, para o Batalhão de Choque, também na região central. O Estado está negociando com a Petrobras a venda do terreno da atual sede. As informações foram divulgadas na segunda-feira [20/02] pelo governador Sérgio Cabral, antes do início dos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial.

- Estamos com o projeto da nova sede da PM, que terá um novo conceito, sem o conceito de aquartelamento. Estamos estudando onde o Batalhão de Choque funcionará, se será transferido ou permanecerá na mesma área da nova sede. Já nos reunimos com a Petrobras para negociar o valor do terreno da Evaristo da Veiga, que pode chegar a R$ 400 milhões ou um valor um pouco menor que este. Esses recursos serão usados em Segurança Pública, para equipar e modernizar as polícias - afirmou o governador.

A transferência da sede da Polícia Militar, anunciada no domingo [19/02] pelo governador, ajudará a revitalizar a área próxima ao Sambódromo. A sede se juntará a outras importantes obras realizadas no entorno, que abriga a Rio Farmes, central de distribuição de medicamentos especiais, a nova sede da Cedae e o Rio Imagem. Em breve, o governo inaugura também o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) e a Biblioteca Pública do Estado.

Escolas cada vez mais profissionais -Ao chegar à Marquês de Sapucaí, o governador Sérgio Cabral ressaltou ainda a importância da gestão transparente na aplicação de recursos nos desfiles das escolas de samba. Cabral também fez uma avaliação positiva do Carnaval deste ano, e do novo Sambódromo, reformado e ampliado pela Prefeitura do Rio para atender a mais de 72 mil espectadores.

- Precisamos cada vez mais tirar patronos das escolas de samba e dar o sentido cada vez mais profissional. A escola precisa ser auto-suficiente durante todo o ano para que possa gerar recursos. A avaliação do Carnaval de 2012 é muito positiva, é uma explosão de alegria em todos os bairros e áreas da cidade, e com Sambódromo novo, uma obra inteligente de parceria público-privada e projeto do arquiteto Oscar Niemeyer - disse.

Segundo dia de desfiles das escolas especiais -O Rio de Janeiro recebeu na segunda-feira ([20/02] mais seis escolas de samba do Grupo Especial, na Marquês de Sapucaí. O governador Sérgio Cabral, acompanhado da primeira-dama Adriana Ancelmo Cabral, assistiu à segunda noite de desfiles no camarote do Governo do Estado do Rio de Janeiro. São Clemente, União da Ilha, Salgueiro, Mangueira, Unidos da Tijuca e Grande Rio atravessaram a Passarela do Samba.

Nos desfiles, os espectadores puderam viajar em “Uma aventura musical na Sapucaí”, durante a passagem da São Clemente. Em seguida, a Passarela do Samba recebeu a União da Ilha, que teve como enredo “De Londres ao Rio: era uma vez...uma Ilha”, com destaque para os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, e de 2016 no Rio de Janeiro, e para personagens como Alice no País das Maravilhas e Harry Potter.

A literatura de cordel foi a inspiração para o Carnaval do Salgueiro, que levou para o sambódromo o enredo “Cordel branco e encantado”, representando na Avenida obras que fizeram história com os folhetins. A Estação Primeira de Mangueira transformou a Avenida do Samba em palco de tradicionais blocos de rua da cidade. A Verde e Rosa sacudiu as arquibancadas com o enredo sobre os 50 anos do Cacique de Ramos. O governador Sérgio Cabral acompanhou da pista alguns momentos do desfile.

Vice-campeã de 2011, a Unidos da Tijuca homenageou o compositor Luiz Gonzaga. Com o tema “O dia em que toda a realeza desembarcou na Avenida para coroar o Rei Luiz do Sertão”, a Amarela e Azul da Zona Norte celebrou o nordeste brasileiro. A Grande Rio encerrou o Carnaval deste ano contando histórias de superação.

Primeira noite de desfiles recebeu sete agremiações -O Carnaval 2012 foi aberto no domingo [19/02] pela Renascer de Jacarepaguá, com o enredo sobre o artista plástico Romero Brito. Depois, foi a vez da Portela celebrar as festas da Bahia. A Imperatriz homenageou o escritor Jorge Amado, e a Mocidade, o pintor Cândido Portinari. A Porto da Pedra mostrou a importância do leite, e a Beija-Flor cantou o Maranhão. A Vila Isabel fechou o primeiro dia de desfiles recordando as semelhanças entre o Brasil e a Angola.

O vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão; os secretários de Governo, Wilson Carlos; de Esporte e Lazer, Márcia Lins; e de Educação, Wilson Risolia; outras autoridades e convidados prestigiaram os desfiles das agremiações no camarote do Governo do Estado do Rio de Janeiro. | Marcelle Colbert.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: