Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

25/01/2012 - 11:11

Rio 2016™ cadastra 'Locais de Treinamento Pré-Jogos' em 18 estados das cinco regiões do Brasil

Processo para cadastramento e seleção durou quase um ano e envolveu análise de documentos e visitas técnicas.

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016™ anunciou no dia 24 de janeiro (quarta-feira), o resultado do Processo para Cadastramento e Seleção de Locais de Treinamento Pré-Jogos. Foram consideradas aptas 172 instalações esportivas de 73 cidades e 18 estados das cinco regiões do país. Essas instalações serão apresentadas a todos os Comitês Olímpicos Nacionais (CONs) e Comitês Paralímpicos Nacionais (CPNs) por meio de um guia online que será lançado durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Londres 2012.

.[ A lista completa das instalações está disponível no site oficial Rio 2016™, no endereço www.rio2016.com/treinamentoprejogos/documentos].

O criterioso Processo para Cadastramento e Seleção de Locais de Treinamento Pré-Jogos durou 12 meses e teve etapas e critérios extensivamente divulgados pelo Rio 2016™. Seu objetivo foi identificar instalações em todo o país que atendessem aos requisitos técnicos e recomendações das Federações Esportivas Internacionais para que os Comitês Olímpicos e Paralímpicos Nacionais possam trazer seus atletas para o Brasil antes dos Jogos, visando à concentração e ao aperfeiçoamento do treinamento e a sua aclimatação às condições locais.

Também foram avaliados os acessos à instalação, proximidade de aeroportos com voos domésticos, além da rede hoteleira e hospitalar disponível nas proximidades.

A identificação desses locais é uma solicitação do Comitê Olímpico Internacional e do Comitê Paralímpico Internacional ao país-sede dos Jogos. Uma vez identificados os locais, caberá a cada instalação negociar diretamente com os CONs e CPNs os termos de utilização de seus equipamentos pelas delegações estrangeiras.

“É com satisfação que podemos dizer que o cumprimento dessa solicitação trará benefícios para todo o Brasil. Receber delegações Olímpicas e Paralímpicas dissemina a experiência dos Jogos para além do Rio e movimenta as cidades social e economicamente. Essas cidades podem passar a atuar como polo de desenvolvimento esportivo em seu estado ou região. É também uma oportunidade de divulgação e promoção nacional e internacional do potencial esportivo e turístico dos municípios”, disse o presidente do Rio 2016™, Carlos Arthur Nuzman.

Por ser uma ferramenta online, o Guia de Locais de Treinamento Pré-Jogos Rio 2016™ poderá sofrer atualizações até 2016, permitindo a ampliação dos benefícios dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos a novas instalações que não conseguiram cumprir todas as etapas do processo para cadastramento e seleção.

“Este projeto é fundamental para o legado esportivo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016™ pois vai estimular a renovação do parque esportivo nacional, público e privado, por meio da construção ou reforma de instalações. Não há limite de locais a serem apresentados e nosso objetivo é incluir todos aqueles que consigam atender aos requerimentos da Federações Internacionais”, explicou o diretor de Esportes do Rio 2016™, Agberto Guimarães.

Instituições esportivas municipais, estaduais e federais, instituições de ensino públicas e privadas, instituições militares, clubes esportivos particulares, empresas do ramo esportivo e outros proprietários de instalações foram estimulados a participar do processo. No fim, foram selecionadas 98 instalações públicas (sendo 64 municipais, 19 estaduais e 15 federais) e 74 de propriedade privada.

Informações sobre a distribuição das instalações estarão disponíveis no banco de arquivos do site oficial Rio 2016™: www.rio2016.com/sala-de-imprensa/banco-de-arquivos Sobre o Comitê Organizador dos Jogos Olímpícos e Paralímpicos Rio 2016™

O Comitê Organizador Rio 2016™ é uma associação civil de direito privado, com natureza desportiva, sem fins econômicos, formada por Confederações Brasileiras Olímpicas, pelo Comitê Olímpico Brasileiro e pelo Comitê Paralímpico Brasileiro. Sua missão é promover, organizar e realizar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016™, seguindo as diretrizes do Contrato da Cidade-Sede, do Comitê Olímpico Internacional, do Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês) e da Agência Mundial Antidoping, e respeitando a legislação brasileira, a Carta Olímpica e o Manual de Regras do IPC.

Etapas do processo: 17 de fevereiro a 29 de abril de 2011 – Inscrições das instalações interessadas por meio do preenchimento completo online do Formulário de Inscrição disponível no site oficial Rio 2016™.

17 de fevereiro a 29 de abril de 2011 – Preenchimento do Formulário de Pré-Seleção online, comprovando o atendimento aos requisitos de participação, e envio eletrônico de toda documentação exigida no regulamento

2 a 11 de maio de 2011 – Convite aos participantes habilitados a passar a fase seguinte a participar do Seminário de Orientação, e recebimento das confirmações de presença.

23 de maio de 2011 – Seminário de Orientação, que teve como objetivo principal orientar os responsáveis por potenciais Locais de Treinamento Pré-Jogos quanto às próximas fases do processo, direitos e deveres, oportunidades, etc. A presença de um representante da instalação pré-selecionada era pré-requisito para participação nas fases subsequentes.

23 a 30 de maio de 2011 – Apresentação do Termo de Adesão pelos participantes que estiveram no seminário. Nesse documento, os responsáveis pelos potenciais Locais de Treinamento Pré-Jogos declaram aceitar e concordar com as condições estabelecidas no regulamento e confirmam sua intenção de continuar no processo para cadastramento e seleção. Anexo ao Termo de Adesão, o Termo de Cooperação deveria ser assinado pelo representante legal da Instalação e pela autoridade pública municipal competente, para que ficasse a par da participação da instalação no processo e pudesse ser procurada diretamente pelo Rio 2016™ caso necessário.

23 de maio a 29 de julho de 2011 – Preenchimento do Formulário Descritivo pelos candidatos. O formulário continha questionário referente à infraestrutura esportiva e de serviços de apoio da instalação e as condições meteorológicas da cidade, e serviu de suporte para eventuais visitas técnicas.

14 de setembro a 28 de novembro de 2011 – Visitas técnicas aos Candidatos a Locais de Treinamento Pré-Jogos Rio 2016™. Coube à Comissão Avaliadora o julgamento da necessidade ou não de realização de visita técnica e a determinação da data de cada visita. A etapa foi conduzida pelo Rio 2016™ em parceria com a empresa sportS4Good, vencedora do processo público de seleção para prestar serviço de avaliação técnica.

A sportS4Good, que tem experiência em gestão operacional de eventos para associações esportivas, confederações esportivas e clubes, designou especialistas em esportes e construção civil que foram treinados e aprovados pelo Rio 2016™. Os especialistas que fizeram parte das equipes técnicas seguiram um protocolo de conduta exigido pelo Rio 2016™ para as visitas, de forma a garantir a imparcialidade do processo de avaliação.

09 de dezembro a 15 de dezembro de 2011 – Envio aos candidatos do Relatório de Inspeção contendo eventuais intervenções sugeridas.

23 de dezembro de 2011 – Prazo final para apresentação, pelas instalações para as quais foram sugeridas intervenções, do Plano de Adequações, documento cujo modelo foi produzido e enviado para as instalações pelo Rio 2016™. Nele, as instalações tiveram de descrever quais intervenções de pequeno e médio porte pretendiam realizar para adequar sua infraestrutura e serviços e informar a previsão de início e término das mesmas.

24 de janeiro de 2012 – Divulgação da lista dos Locais de Treinamento Pré-Jogos que tenham cumprido as exigências do Regulamento.

24 de janeiro a 3 de fevereiro de 2012 – Prazo para envio do Termo de Compromisso assinado pelo responsável da Instalação.

Agosto de 2012 – Lançamento do Guia de Locais de Treinamento Pré-Jogos durante a realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Londres 2012 e distribuição aos Comitês Olímpicos Nacionais e Comitês Paralímpicos Nacionais de folder de divulgação do mesmo. O guia será uma publicação digital, disponível no site oficial Rio 2016™, o que permitirá atualizações e alterações ao longo dos quatro anos até os Jogos.

A partir de agosto de 2012 – Acompanhamento das adaptações descritas nos Planos de Adequações que foram aprovados, novas inscrições e atualizações do guia online.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira