Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

04/11/2011 - 12:35

Emirates Airline registra lucro de US$ 225 milhões entre abril e setembro


Receita da companhia cresceu 18% .Taxa de ocupação segue acima de 79%. Posição em caixa manteve-se forte: US$ 3,8 bilhões.

São Paulo- A Emirates Airline teve lucro líquido de US$ 225 milhões nos primeiros seis meses deste ano fiscal (abril a setembro de 2011). A companhia continua a ser a que mais rapidamente cresce no mundo, regitrando lucros recordes, apesar das instáveis condições econômicas e geopolíticas globais.

A Emirates permanece em sua trajetória de forte crescimento. Nos últimos sete anos, a frota da empresa subiu de 60 para 161 aeronaves, incluindo 17 Airbus A380, o maior avião do mundo, e 93 Boeing 777s. Além disso, a receita vem aumentando regularmente cerca de 20% ao ano - já são 23 anos consecutivos de lucro, marca jamais conquistada por nenhuma outra companhia aérea.

Desde 2004, quando adquiriu seu primeiro avião de grande porte capaz de voar longas distâncias, a Emirates iniciou um processo de expansão global, abriu 39 rotas e agora voa para 115 destinos em 67 países. A companhia continua a ampliar sua presença no mundo: só neste ano inaugurou voos para Genebra, Copenhagen e São Petesburgo e tem programados lançamentos para Bagdá (em 13 de novembro), Rio de Janeiro, Buenos Aires, Harare (Zimbábue), Lusaka (Zâmbia), Dallas, Seattle e Dublin (início de 2012).

"A Emirates permaneceu concentrada em sua estratégia de longo prazo, apesar da instabilidade global, da escalada dos preços dos combustíveis e da flutuação das taxas de câmbio," disse Sua Alteza Sheikh Ahmed bin Saeed Al-Maktoum, CEO da Emirates Airline & Group. "Os desafios globais dos últimos seis meses colocaram novamente a Emirates à prova e, mais uma vez, nós enfrentamos a situação de maneira positiva e mantivemos o alto padrão de nossos produtos e serviços."

"O desempenho da companhia no semestre é a prova de sua forte base de negócios e tenacidade para permanecer no curso e continuar a crescer apesar do mercado instável", acrescentou Sheikh Ahmed. "Seguimos investindo em nossa frota de aeronaves eco-eficientes, na ampliação da malha aérea e em infraestrutura para nossa empresa".

Na primeira metade do ano fiscal 2011-12, a Emirates teve forte crescimento tanto em capacidade de passageiros quanto de carga transportada, desempenho que contrasta com a tendência atual da indústria de aviação. A capacidade em quilómetros de assento disponível cresceu 8,2% e a taxa de ocupação se manteve no nível de 79,3%.

A receita de US$ 8,3 bilhões foi 15% superior à do mesmo período no ano passado (US$ 7,2 bilhões). A companhia também manteve em caixa uma média de US$ 3.8 bilhões. A frota atual da Emirates conta com 161 aeronaves. Desde o início do ano fiscal, em abril de 2011, a companhia aérea recebeu dez aeronaves – até março do ano que vem, mais 13 estão programadas para chegar. |Interamericanetwork

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2022 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira