Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

28/06/2011 - 08:18

Rio de Janeiro recebe 50% das escalas de cruzeiros marítimos


Durante a temporada 2010/2011, os navios passaram pelo porto da cidade carioca em mais de 200 roteiros.

Das 414 viagens de navio que passaram pelo litoral brasileiro na temporada 2010/2011 de Cruzeiros Marítimos, com início em outubro de 2010 e término em maio deste ano, 210 fizeram escala no porto do Rio de Janeiro.

O número, que equivale a 50,72% de todos os roteiros, faz parte de um levantamento feito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) a pedido da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar). A pesquisa ainda mostra que o município do Rio de Janeiro recebeu R$ 102,9 milhões em gastos de turistas e tripulantes com passeios turísticos, alimentos e bebidas, transporte, souvenir e presentes em geral.

Para Ricardo Amaral, presidente da Abremar, o resultado reflete uma preferência dos cruzeiristas em conhecer a cidade: “O Rio sempre foi um destino muito procurado por quem viaja em Cruzeiros Marítimos, tanto pela beleza de suas praias quanto pelo famoso charme do Leblon, Ipanema, e de outros bairros. E, pelo estudo, podemos observar que os navios movimentam e beneficiam amplamente os setores de comércio e serviço locais”.

Abremar – A Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos foi fundada em janeiro de 2006 para representar institucionalmente um dos segmentos mais promissores da indústria turística nacional: o turismo marítimo. Seu objetivo é trabalhar com afinco pela regulamentação dos Cruzeiros de cabotagem – entre portos do mesmo país. Defende a modernização da infraestrutura portuária e contribui para a divulgação do Brasil como destino turístico no exterior. Atualmente, tem 17 empresas associadas entre armadoras e operadoras de turismo no Brasil, entre elas Costa Cruzeiros, MSC Cruzeiros, Pullmantur e Royal Caribbean. [www.abremar.com.br].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: