Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

22/06/2011 - 10:57

Comissão Julgadora termina avaliação das propostas criativas para a marca dos Jogos Paraolímpicos Rio 2016

Marca escolhida será enviada para aprovação final do Comitê Paraolímpico Internacional.

A Comissão Julgadora selecionada pelo Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 para escolher a marca dos Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro tomou sua decisão no dia 21 de junho (terça-feira). Por unanimidade, os 12 integrantes apontaram sua preferência dentre as propostas criativas apresentadas pela agência Tátil Design de Ideias.

À semelhança do que foi feito no processo de escolha da marca Olímpica Rio 2016, marca dos Jogos Paraolímpicos será enviada agora para aprovação do Comitê Paraolímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês) e, posteriormente, para uma extensa busca mundial por outras marcas com as quais possa haver algum conflito. Uma segunda opção de marca, a ser aprovada pela Comissão Julgadora, também será enviada ao IPC e passará pela mesma busca.

A marca dos Jogos Paraolímpicos Rio 2016 terá exposição nacional e internacional por cinco anos após seu lançamento, se traduzindo em linhas de produtos, representando visualmente o evento, e aparecendo nas imagens de televisão transmitidas para bilhões de telespectadores em todo o mundo durante e após os Jogos.

“Com o crescimento que o esporte paraolímpico vem tendo no Brasil, o IPC espera que os Jogos Rio 2016 deem uma contribuição significativa para o Movimento Paraolímpico. Acredito que, com a escolha que fizemos nesta terça-feira, demos um passo decisivo nessa direção,” disse Carolin Baird, gerente de Marcas & Serviços Criativos do IPC e representante do Comitê Paraolímpico Internacional na Comissão Julgadora.

Em reconhecimento à representatividade do processo que, entre 139 empresas brasileiras inscritas, selecionou a Tátil para criar a marca dos Jogos Olímpicos Rio 2016, o IPC decidiu encarregar a mesma agência da tarefa de desenvolver também a marca dos Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro. A Tátil assinou um contrato de R$ 100 mil pela criação da marca, desenvolvimento dos manuais correlatos e o próprio evento de lançamento.

A Comissão Julgadora foi formada por 12 membros selecionados por seu conhecimento em criação e aprovação de programas de marcas ou pela experiência em Jogos Olímpicos e Paraolímpicos. As propostas criativas foram avaliadas de acordo com os seguintes critérios: conceito, originalidade, criatividade e aplicabilidade.

“A equipe de criação e a Comissão Julgadora trabalharam movidas pela vontade de desenvolver uma marca que contribuísse para elevar a uma nova dimensão um movimento de importância fundamental para um mundo mais inclusivo e igualitário. Ficamos muito satisfeitos com o resultado e temos certeza que o público ficará também”, avaliou Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador Rio 2016.

Comitê Organizador Rio 2016- O Comitê Organizador Rio 2016 é uma associação civil de direito privado, com natureza desportiva, sem fins econômicos, formada por Confederações Brasileiras Olímpicas, pelo Comitê Olímpico Brasileiro e pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro. Sua missão é promover, organizar e realizar os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016, seguindo as diretrizes do Contrato da Cidade-Sede, do Comitê Olímpico Internacional, do Comitê Paraolímpico Internacional e da Agência Mundial Antidoping, e respeitando a legislação brasileira, a Carta Olímpica e o Manual de Regras do IPC.

Perfil-Os Jogos Paraolímpicos Rio 2016 serão realizados de 7 a 18 de setembro e contarão com cerca de 4.200 atletas de mais de 150 países. Com a inclusão do paratriatlo e da paracanoagem a partir de 2016, o programa dos Jogos cresceu para 22 esportes. Mais de 70 emissoras de televisão mostrarão os Jogos para uma audiência global. Os Jogos Paraolímpicos Pequim 2008 tiveram um crescimento de 200% no tempo de transmissão comparados com Atenas 2004 e foram vistos por uma audiência acumulada de 3,8 bilhões de pessoas. Em torno de 5.500 jornalistas e dois milhões de espectadores são esperados no evento, que mobilizará ainda 30.000 voluntários.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira