Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

09/08/2007 - 12:12

Banco Sofisa anuncia lucro líquido de R$ 23,8 milhões no segundo trimestre, aumento de 87,5% em relação a 2T06

São Paulo - O Banco Sofisa S.A. (código Bovespa: SFSA4) anunciou seu resultado do 2º trimestre de 2007 (2T07) e do período de seis meses acumulados no ano (1S07). A Carteira de Crédito de R$ 1,75 bilhão no 2T07, aumento de 122,8% em relação ao 2T06, crescimento de 91,1% em relação a carteira de R$ 914,7milhões em dezembro de 2006 são destaques do resultado.

Originação de empréstimos para pessoas físicas atingiu R$ 204,4 milhões no 2T07, entrada no mercado em março de 2007, estratégia adequada levou à originação de R$ 88,8 milhões já no mês de junho de 2007. Lucro Líquido Ajustado de R$ 23,8 milhões no 2T07, aumento de 87,5% em relação ao 2T06, e crescimento de 98,0% no 1S07, em relação ao 1S06

Perfil Corporativo -O Banco Sofisa, fundado há 46 anos, é um banco com tradição no segmento de crédito e financiamento às pequenas e médias empresas, com faturamento anual entre R$ 5,0 e R$ 200,0 milhões, o chamado middle-market.

Além dos 17 anos de experiência nesse segmento, no início de 2007 voltou a atuar no segmento de pessoas físicas - crédito consignado, financiamento de veículos e crédito ao consumidor, produzindo volumes relevantes.

Com o objetivo de expandir sua carteira de crédito, principalmente no segmento de middle-market, em maio de 2007, o Banco Sofisa iniciou a negociação de suas ações na Bovespa com adesão ao Nível 1 de Governança Corporativa (Código de Negociação SFSA4).

Em junho de 2007 protocolou pedido ao Banco Central do Brasil para migração ao Nível 2, porém já adota práticas de governança compatíveis ao Nível 2 – Bovespa. Dentre essas práticas, se destacam a concessão de tag along de 100% (garantia de negociação das ações preferenciais nas mesmas condições e preços pagos pelas ações ordinárias do controlador no caso de alienação de controle), além de resolução de possíveis conflitos através do disposto no Regulamento de Arbitragem da Câmara de Arbitragem de Mercado.

Como reflexo da solidez e qualidade dos ativos do Banco, foram mantidas as avaliações de risco de crédito em nível nacional, apresentando as seguintes classificações de rating: AA- pela Austin Ratings, A (BRA) pela Fitch Ratings, e AA- pela LF Ratings. Adicionalmente, em junho de 2007, a Fitch Ratings revisou a perspectiva do rating nacional de longo prazo do Banco Sofisa, de estável para positiva, em função da expectativa de expansão e diversificação dos negócios do Banco a partir de sua abertura de capital.

Oferta Pública Inicial de Ações – IPO: O Banco Sofisa encerrou em maio de 2007 sua distribuição pública de ações primárias e secundárias na Bovespa.

Foram ofertadas 42.045.332 ações preferenciais atingindo 7.521 investidores , representando uma operação global de R$ 504,5 milhões, considerando a opção de lote suplementar de 15%. Essa operação permitiu o ingresso de recursos líquidos no valor de R$ 497,3 milhões, provenientes exclusivamente da oferta primária, destinados integralmente ao aumento do seu capital social e incremento da capacidade do Banco de emprestar recursos nos segmentos de pessoas jurídicas (médias empresas) e pessoas físicas.

Contratação de Formador de Mercado (market-maker)- - A partir de 25 de maio de 2007, o UBS Pactual Corretora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. iniciou sua atuação como formador de mercado das ações do Banco Sofisa. Essa iniciativa reforça o compromisso do Banco Sofisa com as melhores práticas de governança corporativa, contribuindo para conferir maior liquidez proporcionando maior conforto aos investidores na negociação de suas ações.

Pedido de Autorização ao BACEN: Migração do Nível 1 para Nível 2 de Governança Corporativa da Bovespa Pelo fato de adotar, desde o início das negociações de suas ações - em maio deste ano, práticas de governança corporativa já compatíveis ao Nível 2 - Bovespa, o Banco Sofisa protocolou no Banco Central do Brasil – BACEN, em 27 de junho de 2007, um pedido de autorização para migração do Nível 1 para o Nível 2 – Bovespa.

A carteira de operações de crédito do Banco Sofisa totalizou R$ 1,75 bilhão no encerramento do segundo trimestre de 2007. A evolução foi de 36,7%, em relação ao R$ 1,28 bilhão do trimestre anterior, e de 122,8% comparada à carteira de R$ 784,8 milhões apresentada no final do 2T06. A evolução apresentada decorre da ampliação do volume da carteira de pessoas jurídicas, com destaque para o segmento de middle-market, e do ingresso no mercado de pessoas físicas através das operações da Financeira “Superbank S.A C.F.I.” (Financeira).

Pessoas Jurídicas - O crédito para pessoas jurídicas, responsável por 85,7% do total da carteira de crédito, encerrou o 2T07 com um total de R$ 1,5 bilhão, crescimento de 22,0% frente ao R$ 1,2 bilhão observado no final do 1T07 e 94,4% acima dos R$ 771,1 milhões obtidos no encerramento do 2T06. O crescimento neste segmento foi contínuo e consistente mantendo-se a rentabilidade atrativa com baixo índice de inadimplência.

Pessoas Físicas - O segmento de pessoas físicas foi fortalecido com a ampliação da estrutura da Financeira, responsável pela expansão das operações de crédito no segmento de pessoas físicas, com destaque para o financiamento de veículos, crédito consignado e crédito ao consumidor. Em 29 de junho de 2007, o Banco Sofisa cedeu todas as operações de crédito de pessoas físicas para a Financeira, segregando os segmentos de varejo (pessoas físicas) e middle-market (pessoas jurídicas), o que lhe conferiu maior agilidade às operações na medida em que permitiu a especialização em cada segmento. Esta cessão de crédito não gerou nenhuma antecipação de resultados no trimestre.

O crédito às pessoas físicas representou participação de 14,3% no total das operações de crédito e totalizouR$ 249,4 milhões no trimestre em comparação aos R$ 50,5 milhões apresentados no trimestre anterior e aos R$ 13,7 milhões no final do 2T06. O volume atingido foi resultado da boa recepção do mercado ao retorno da marca Sofisa a este segmento, originando operações líquidas no total de R$ 34,3 milhões no 1T07 e R$ 204,4 milhões no 2T07, sem aquisição de carteira de terceiros.

Crédito Consignado: A carteira de crédito consignado, responsável por 60,2% da carteira de pessoas físicas, encerrou o segundo trimestre totalizando R$ 150,1 milhões frente aos R$ 31,3 milhões apresentados no final do 1T07. Adicionalmente, o grande crescimento apresentado neste segmento decorre da estruturação de uma equipe voltada a funcionários públicos da ativa, permitindo que seja realizado um expressivo volume de operações com rentabilidade atrativa e risco reduzido.

Financinanciamento de Veículos: O Banco Sofisa, como um dos pioneiros no mercado de financiamento de veículos, adquiriu expertise e reconhecimento em suas operações nesta modalidade de crédito. Em 2001 negociou com o Banco BBA (atual Itaú BBA) a transferência do know-how que possuía e sua saída deste mercado. O Banco retomou com grande sucesso as operações neste trimestre utilizando a experiência dos administradores neste tipo de operação e aproveitando o excelente momento do mercado automobilístico brasileiro, que atingiu no 1S07 recorde de vendas no mercado interno. Os créditos destinados ao financiamento de veículos totalizaram R$ 101,2 milhões no trimestre.

O saldo de provisão para créditos de liquidação duvidosa ao final do 2T07 foi de R$ 26,8 milhões, o que representa 1,5% do total das operações de crédito no final do trimestre.

Função do aumento da carteira de crédito e somente R$ 1,1 milhão foram constituídas sobre créditos inadimplentes. Do total das operações de crédito do 2T07, R$ 1.732,7 milhões, representando 99,1% do total, foram classificados nos ratings de “AA a C” e R$ 15,5 milhões, representando 0,9% do total, de “D a H”, reafirmando a qualidade das operações de crédito do Banco.

A queda do nível de inadimplência em relação ao total das operações de crédito, reafirma o compromisso do Banco Sofisa com a qualidade de crédito de sua carteira e demonstra que a expansão observada em suas operações vem ocorrendo de maneira sustentável, sem agregar maiores riscos à carteira.

Depósitos - Os depósitos totais do Banco Sofisa totalizaram R$ 1,8 bilhão neste trimestre, crescimento de 63,2% em relação ao R$ 1,1 bilhão do 2T06 e 29,5% superior ao R$ 1,4 bilhão apresentado no final do trimestre anterior. Segue a abertura dos depósitos totais mantidos pelo Banco: Depósitos à prazo, responsáveis por 80,0% dos depósitos totais, atingiram R$ 1,4 bilhão no encerramento do trimestre, crescimento de 50,8% em relação aos R$ 958,6 milhões apresentados no final do 2T06 e 30,3% acima do R$ 1,1 bilhão observado no 1T07.

Depósitos à vista, responsáveis por 10,5% do total, somaram R$ 189,1 milhões no final do 2T07, crescimento de 111,2% em relação aos R$ 89,5 milhões do 2T06 e de 103,2% se comparado aos R$ 93,1 milhões observados no primeiro trimestre deste ano.

Depósitos interfinanceiros totalizaram R$ 171,6 milhões, 9,5% do total, o que equivale a um crescimento de 191,6% em relação ao 2T06, quando comparado ao trimestre anterior, observamos um recuo de 11,0%. A expansão nos depósitos totais reflete a capacidade do Banco em ampliar o seu funding, observando a característica intrínseca ao segmento em que atua (middle-market) de concentrar a maior parte da captação nos depósitos à prazo.

O Banco Sofisa apresentou no 2T07 lucro líquido de R$ 23,8 milhões, excluindo as despesas não recorrentes relativas à abertura de capital (IPO) e a amortização total de R$ 2,4 milhões do ágio remanescente da incorporação da controlada Calígola do Brasil Cia Securitizadora e Crédito Financeiros.

Este valor representa uma evolução de 87,5% em relação aos R$ 12,7 milhões observados no encerramento do 2T06, e crescimento de 131,9% se comparado aos R$ 10,3 milhões do trimestre anterior (1T07). O resultado obtido é conseqüência da evolução da carteira de operações de crédito de pessoas jurídicas, já que em função dos custos de implantação da Financeira, a operação com pessoas físicas passará a ter resultado positivo somente no 3T07.

Composição da Receita - O total de receitas no 2T07 foi de R$ 107,6 milhões, 42,9% superior aos R$ 75,3 milhões observados no encerramento do 2T06 e 32,7% acima dos R$ 81,1 milhões do 1T07. O crescimento das receitas neste trimestre deve-se principalmente à forte ampliação das operações de crédito do Banco.

As receitas provenientes das operações de crédito, responsáveis por 67,0% do total das receitas, somaram R$ 72,1 milhões no trimestre, o que representa um crescimento de 55,3% em relação aos R$ 46,4 milhões do 2T06, e aumento de 34,5% se comparadas aos R$ 53,6 milhões obtidos ao final do 1T07. A captação de recursos proporcionada pelo IPO possibilitou ao Banco a adoção de uma postura mais agressiva na concessão de crédito, utilizando a expertise que possui principalmente no segmento de middle-market e no financiamento às pessoas físicas.

As receitas com títulos e valores mobiliários (TVM), responsáveis por 27,2% do total de receitas, totalizaram R$29,2 milhões no trimestre, sendo 86,0% superior aos R$ 15,7 milhões observados no final do 2T06 e 26,0% acima dos R$ 23,2 milhões registrados no 1T07. Tal crescimento reflete a ampliação da carteira de TVM com os recursos provenientes do IPO, ainda não alocados em operações de crédito.

O Resultado Bruto da Intermediação Financeira atingiu R$ 47,7 milhões no 2T07, o que corresponde a uma evolução de 56,9% em relação ao 2T06 e de 60,9% quando comparado ao 1T07. Tal evolução é resultado do crescimento de 35,3% nas receitas da intermediação financeira em relação ao último trimestre, gerado principalmente pela evolução de 34,4% nas receitas de operações de crédito e de 26,0% nas receitas de TVM. As despesas da intermediação financeira apresentaram crescimento de 19,0% no trimestre devido principalmente ao aumento das despesas de captação no mercado, como conseqüência do incremento no volume de depósitos à prazo em função da expansão observada na base de depósitos.

O patrimônio líquido do Banco Sofisa totalizou R$ 821,5 milhões no final do 2T07, com crescimento de 182,1% em relação aos R$ 291,3 milhões do 2T06 e 153,4% acima dos R$ 324,2 milhões apresentados no encerramento do trimestre anterior.

O incremento é conseqüência do sucesso do IPO, que possibilitou um aporte de R$ 497,3 milhões no capital social do Banco. O incremento observado confere um grande espaço para expansão das operações de crédito dentro dos limites impostos pelo acordo de Basiléia.

O incremento observado no patrimônio líquido do banco causou um impacto significativo em seu índice de Basiléia, que passou de 17,8% no 1T07 para 32,1% neste trimestre. Tal evolução confere ao Banco um espaço significativo para crescer suas operações dentro dos limites estabelecidos.

Base de Clientes - A base de clientes que possuíam operações de crédito com o Banco totalizou 6.308 clientes, sendo 13,2% pessoas jurídicas e 86,8% pessoas físicas.

Rede de Atendimento - O Banco Sofisa está presente em10 Estados do território nacional através de 14 agências. Possui sua agência matriz na cidade de São Paulo e agências em: Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Uberaba (MG), Curitiba (PR), Londrina (PR), Salvador (BA), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Joinville (SC), Fortaleza (CE) e Recife (PE). O Banco Sofisa possui 97.140.150 ações ordinárias e 54.510.438 ações preferenciais, das quais 42.045.332 são negociadas em bolsa com adesão ao Nível 1 de Governança Corporativa da Bovespa. No dia 03 de agosto de 2007 as ações foram cotadas a R$ 14,75, representando uma evolução de 22,9% desde o início de negociação na Bovespa em 02 de maio de 2007, quando as ações foram negociadas a R$12,00.

Aprovação do Plano de Opção de Ações (“Stock Options”) - Com o objetivo de incentivar e reter seus principais executivos e pessoas com funções estratégicas, o Banco Sofisa aprovou em 20/07/2007, através de Assembléia Geral Extraordinária, os termos globais de um "Plano de Opção de Ações" (Stock Options). O detalhamento desse plano número de ações, valores e prazos aplicáveis, ainda estão sob análise jurídica e serão deliberados posteriormente através de programas e/ou comitês específicos criados para esse fim, a serem oportunamente divulgados ao mercado.

Criação do Comitê de Auditoria - Na Assembléia Geral Extraordinária, realizada em 20/07/2007, foi realizada alteração estatutária para formalizar dentro da estrutura do Banco Sofisa a existência de um Comitê de Auditoria, nos moldes exigidos pelos padrões atuais de Governança Corporativa da Bovespa. Esse Comitê de Auditoria existe desde 1995, porém sua normatização foi adequada às regras atuais de Governança para inclusão no Estatuto Social.

Criação do Conselho Fiscal - Dando continuidade à adoção das melhores práticas de Governança Corporativa, na Assembléia Geral Extraordinária realizada em 20/07/2007, foi deliberada a instalação e eleição dos membros do Conselho Fiscal do Banco.| Por: PR Newswire.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira