Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

10/06/2011 - 09:06

Primeiro simulador móvel de equipamentos portuários é lançado pelo Incatep

Pioneiro na América Latina, o Instituto monta treinamento com tecnologia 3D em um trailer que percorrerá os portos.

O Instituto de Capacitação Técnica Profissional (Incatep), especializado no treinamento de trabalhadores portuários e pioneiro no uso de simuladores, desde 2005, para capacitar operadores de guindastes no Brasil, lançou neste mês uma unidade móvel para levar o equipamento até as sedes dos clientes. O trailer, montado em parceria com a ETCH e nomeado de "Fábrica de Operadores", possui toda a infraestrutura para a prática de simulação, mais próxima da realidade, da operação de um guindaste: estação de processamento, controle de áudio e sistema visual.

"Precisávamos atender os clientes, que estão distribuídos em diversos portos na América Latina, com maior comodidade. Agora podemos levar o treinamento, com a prática do simulador, para todo canto", comemora João Gilberto Campos, presidente do Incatep. O Instituto, que já treinou mais de 40 mil trabalhadores para atuar no segmento portuário, tem simuladores para todos os equipamentos que carregam contêineres no porto, permitindo ao trabalhador praticar antes de operar grandes máquinas.

Os simuladores do Incatep são fabricados no Brasil com tecnologia da LSYm - Universidade de Valência e apresentam relatórios de desempenho, faltas e movimentos idênticos ao do equipamento original. "Antes dos simuladores havia somente a prática direto na cabine do próprio guindaste. Os equipamentos portuários são pesados e caros, portanto não permitem erros nas operações. Hoje, quanto maior for a proximidade com a operação real, mais segurança para o profissional ao manusear as máquinas", conclui Campos.

O Incatep possui quatro simuladores instalados na sua sede, em Santos/SP, e montou um trailer totalmente adaptado para os treinamentos, que irá percorrer o país e os portos da América Latina, por meio dos contratos com clientes portuários.

Primeiro Contrato de Simulador Móvel-"O nosso projeto de simulador móvel atingiu o objetivo: atender nosso cliente dentro do terminal, 24 horas por dia, acompanhando os turnos e deslocando grupos de dois ou três operadores para treinar durante duas horas. Assim, o terminal não paga hora extra e consegue treinar os operadores sem ter que parar o terminal", revela o presidente.

Em Salvador, o TECON - Salvador, empresa do Grupo Wilson, Sons contratou o Incatep, por quatro meses, com o objetivo de formar 50 operadores de RTG (Transtêiner sobre pneus) e PGC (Portêiner), colocando em prática um sistema de gestão de operação de polivalente, ou seja, o operador de Portêiner opera o RTG, portanto quando não tem navio ele trabalha em solo, no RTG.

Perfil da Incatep-O Instituto de Capacitação Técnica Profissional (INCATEP) tem experiência no recrutamento, seleção e treinamento de trabalhadores portuários e aquaviários. Possui o Programa de Treinamento Desenvolvido para o Setor Portuário (PROTEP), além dos Simuladores ETCH/LSYm, utilizados no treinamento de operações com STS (Portêiner), RTG (Transtêiner) e RS (Reach Stacker), e simuladores ETCH/Simlog, para treinamento de máquinas pesadas, Retro-Escavadeiras, Escavadeiras, Pá-Carregadeira, Grua Torre e Empilhadeira de Garfo.

Há mais de 16 anos no mercado, o Incatep tem experiência no atendimento a diversas empresas do setor portuário, de diferentes portos do País, com mais de 40 mil profissionais treinados para o Brasil e América Latina. Associada à ABNT, Latinports e Abraman, o Incatep possui mais de 70 atestados de capacidade técnica, emitidos por OGMOs e empresas portuárias. A escola também possui reconhecimento das instituições MTB, MEC, CAP de Imbituba e SFS, principalmente, pela atuação no mercado portuário brasileiro. [www.incatep.com.br].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira