Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

24/05/2011 - 09:23

O helicóptero híbrido X3 da Eurocopter ultrapassa seu desafio de velocidade: 232 nós (430 km/h) é atingida em voo nivelado estabilizado


O demonstrador X3, helicóptero híbrido da Eurocopter, cumpriu a promessa de ampliar as fronteiras da aviação de asas rotativas, ultrapassando a velocidade inicialmente fixada de 220 nós e demonstrando, assim, o desempenho, as capacidades e a maturidade desta aeronave.

O marco de velocidade do X3 foi atingido em 12 de maio durante um voo nivelado estável, durante o qual o protótipo manteve uma velocidade real de 232 nós. (430 km/h) durante vários minutos. Isto ocorreu somente no terceiro dia da nova fase de testes, na qual o X3, equipado com suas caixas de transmissão definitivas, pode funcionar com regime total.

“As equipes da Eurocopter mostraram novamente sua capacidade de fazer da inovação a pedra fundamental de nossa estratégia de continuarmos sendo líderes na indústria de helicópteros”, disse Lutz Bertling, Presidente e CEO da Eurocopter. “No futuro, os helicópteros que incorporarem a configuração híbrida do X3 oferecerão a nossos clientes uma velocidade de cruzeiro e uma autonomia de cerca de 50 por cento superiores, a custos mais acessíveis, definindo, assim, novas referências em matéria de produtividade para as aeronaves de asas rotativas".

Nos comandos da aeronave estavam Hervé Jammayrac, piloto de testes, e Daniel Semioli, engenheiro de ensaios em voo da Eurocopter: “Ficamos impressionados pela facilidade com a qual este objetivo de velocidade foi atingido”, declarou Hervé Jammayrac. “O X3 se comporta extremamente bem, demonstrando excelente estabilidade em alta velocidade - mesmo com o piloto automático desligado. Estamos muito orgulhosos desta conquista, que resulta da dedicação de todos aqueles que trabalharam neste projeto”.

A Eurocopter iniciou os ensaios em voo do X3 em setembro último, no quadro de um programa que combina as excelentes capacidades de decolagem e pouso verticais de um helicóptero com as velocidades de cruzeiro elevadas, superiores a 220 nós, de um avião. Após o X3 ter alcançado o objetivo de velocidade inicial fixado em 180 nós (333 km/h), em novembro, com um nível reduzido de potência do motor, o demonstrador possui uma modernização programada de sua caixa de transmissão e uma inspeção de segurança.

Desde o retorno aos voos na semana passada, o X3 demonstrou rapidamente seu desempenho com potência máxima do motor, incluindo impressionantes razões de subida e descida, bem como excelente manobrabilidade, confirmando as extraordinárias capacidades do sistema de propulsão híbrido nas fases de aceleração e desaceleração.

No programa de ensaios, as características de manobrabilidade e a estabilidade básica do X3 foram validadas em todo o programa de voo da aeronave, sem necessidade de um sistema de aumento da estabilidade, o que foi confirmado nos testes realizados com e sem piloto automático. Além disso, a aeronave híbrida apresenta baixos níveis de vibração sem a utilização de sistemas antivibração ativos ou passivos, fornecendo características de voo comparáveis às dos melhores helicópteros de design tradicional atualmente em serviço.

O demonstrador X3 utiliza uma célula do helicóptero Dauphin da Eurocopter equipada com dois motores a turbina que alimentam um rotor principal de cinco pás e duas hélices instaladas em asas fixas curtas. Esta configuração híbrida cria um sistema de transporte avançado que oferece a velocidade de uma aeronave com sistema motopropulsor e as capacidades de voo pairado de um helicóptero.

A empresa prevê uma vasta gama de utilizações para este conceito, incluindo missões de busca e salvamento (SAR) a longa distância, vigilância marítima, patrulhas de fronteiras, transporte de passageiros, operações offshore e serviços de transporte entre cidades. Esta aeronave poderá ser perfeitamente adaptada para missões militares das forças especiais, para o transporte de tropas, busca e salvamento e transporte aeromédico - beneficiando-as com a combinação de velocidades de cruzeiro elevadas e excelente desempenho de decolagem/pouso verticais, que caracterizam esta configuração híbrida.

Os ensaios em voo do demonstrador X3 estão sendo realizados no Centro de Ensaios do DGA em Istres, na França. O programa de ensaios em voo continuará durante o ano de 2011 a fim de explorar todo o programa de voo deste helicóptero e avaliar todas as possibilidades oferecidas por esta nova tecnologia.

Perfil-A Helibras é a única fabricante brasileira de helicópteros. A empresa é associada ao Grupo Eurocopter, maior fornecedor mundial do setor, controlado pela EADS - European Aeronautic Defence and Space Company. Com participação superior a 50% na frota brasileira de helicópteros a turbina, a Helibras está em atividade no Brasil desde 1978 e mantém instalações em Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Sua fábrica, que emprega mais de 500 profissionais e tem capacidade de produção de 36 aeronaves por ano, está localizada na cidade de Itajubá (MG), onde são produzidos diversos modelos que atendem aos segmentos civil, governamental e militar. Desde sua fundação, a Helibras já entregou mais de 550 helicópteros no Brasil, sendo 70% do modelo Esquilo. Em 2010, a empresa teve um faturamento de R$ 395 milhões. [www.helibras.com.br].

Eurocopter e a EADS- Fundado em 1992, o Grupo Eurocopter possui fábricas na França, Alemanha e Espanha e emprega mais de 17.500 profissionais. Em 2010, a Eurocopter confirmou sua posição de líder na fabricação de helicópteros nos mercados civil e governamental,com faturamento de 4,8 bilhões de euros e entrega de 346 novas aeronaves. Com 49% de participação nos mercados civil e governamental, a Eurocopter está presente em cinco continentes por meio de 30 subsidiárias e empresas afiliadas. Os produtos do grupo representam 33% da frota mundial de helicópteros. Mais de 11.200 aeronaves da fabricante estão atualmente em operação por cerca de 2.900 clientes em 147 países. [www.eurocopter.com].

O Grupo EADS é líder mundial nos segmentos aeroespacial, de defesa e serviços relacionados. Em 2009, faturou 42,8 bilhões de Euros e empregou mais de 119 mil pessoas. Além da Eurocopter, o Grupo inclui a Airbus, a Airbus Military, a EADS Astrium e a divisão Defesa & Segurança. No Brasil, além da Helibras, a EADS está presente através da EADS Brasil, da EADS Secure Networks Brasil e de escritórios de representação da Airbus Military e da Spot Image. Também é acionista da Equatorial Sistemas. [www.eads.com.br].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2022 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira