Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

26/04/2011 - 09:41

1ª Bolsa de energia no país é vista com bons olhos por especialistas do segmento

Delos Consultoria avalia de forma positiva a implantação da BRIX no Brasil.

Na última semana, o Brasil foi contemplado com a implantação da primeira bolsa de energia do país, lançada pelo empresário Eike Batista. A Brix, como foi intitulada, nada mais é que uma plataforma eletrônica criada para negociação de energia elétrica no país. Com base no anúncio desta novidade e na boa aceitação de analistas e representantes do setor, a Delos Consultoria, empresa especialista no ativo imobilizado em empresas do setor elétrico, acredita na transparência dos negócios que envolvem este segmento.

Com intuito de gerar um local de aproximação entre interessados pela compra e venda de energia, a iniciativa visa o atendimento de cerca de 1.500 agentes que atuam no mercado livre e englobam o ACL (Ambiente de Contratação Livre). Assim, algumas empresas concessionárias de distribuição de energia elétrica se comprometem a fornecer certa quantidade de energia às regiões que atendem. Se for confirmado um consumo maior do que estas concessionárias precisam distribuir, as empresas interessadas pela compra de mais energia podem realizar esta ação através de leilões realizados pela Brix, que foi criada com o intuito de proporcionar um ambiente de aproximação entre compradores e vendedores de energia.

Como fornecedores e consumidores terão como responsabilidade validar tais operações de compra e venda de energia na CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica), sempre supervisionados pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), o diretor da Delos Consultoria, Martin Salvati acredita que estes fatores podem contribuir para dar mais liquidez e segurança na intermediação dos negócios. “Com a abertura dessa nova bolsa, verificamos que há uma otimização no mercado de comercialização de energia elétrica, voltado a consumidores livres, tornando o negócio ainda mais transparente”, avalia o diretor da Delos, Martin Salvati.

Segundo ele, conforme as empresas de geração aprofundam-se ainda mais em um mercado competitivo, alguns elementos como a adequada gestão de ativos é uma ação imprescindível em situações como esta. Para isso, é importante ficar atento a determinados indicadores econômicos obtidos a partir da correta gestão de ativos, como o ROCE (Retorno sobre o Capital Investido) que resulta na relação entre o Resultado Operacional Líquido do imposto de renda e o Investimento Total; e a Vida Útil Média que resulta na relação entre o valor do investimento em ativos fixos sujeitos a depreciação com o valor da depreciação apurada para o exercício.

“Com estes indicadores, é possível tanto mensurar o retorno oferecido aos acionistas pelo investimento realizado na empresa; quanto medir a duração média dos ativos produtivos da empresa com base em informações patrimoniais. Tais ações podem determinar o bom andamento de qualquer negócio”, conclui Salvati.

Delos Consultoria- Especializada no tratamento de informações do ativo imobilizado para empresas de energia elétrica, gás, petróleo, saneamento e mineração, a Delos Consultoria está expandindo os seus produtos e serviços para outros setores que também necessitam de soluções eficazes para questões regulatórias, de gestão e societárias. [www.delosconsultoria.com.br].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira