Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

21/04/2011 - 12:31

IBM ajuda GM a acelerar o desenvolvimento do Chevrolet Volt 2011

Projeto do primeiro carro elétrico da montadora utilizou softwares IBM.

São Paulo – O desenvolvimento do Chevrolet Volt 2011, carro elétrico anunciado recentemente pela General Motors (GM), teve o auxílio do software Rational e de ferramentas de simulação da IBM. Estas soluções ajudaram os engenheiros da GM a projetar e desenvolver o software dos avançados sistemas de controle do primeiro carro elétrico da montadora, permitindo à empresa chegar com mais rapidez ao mercado de modo a responder às demandas dinâmicas dos clientes.

O projeto e a engenharia foram executados em apenas 29 meses e contemplaram o desenvolvimento de controles eletrônicos críticos do Volt para o sistema de bateria do veículo, sua unidade de direção elétrica e a eletrônica de cabine. O sistema de propulsão do Volt exigiu o desenho de um inédito “sistema de sistemas” centrado em um software que integra de forma homogênea o pacote de bateria de lítio-íon de 16kWh do Volt com seu sistema de direção elétrica.

A IBM tem trabalhado junto com a GM para padronizar seus projetos de veículos em um conjunto menor de ferramentas de software. Além disso, os softwares permitem um processo colaborativo por meio do qual as equipes globais de engenharia trabalham com maior eficácia e de forma mais homogênea.

Supercomputadores e softwares de simulação da IBM foram utilizados para testar os pacotes de bateria do Volt, garantindo sua segurança e durabilidade ao longo de quase três anos de testes de validação. As ferramentas ofereceram o alto desempenho necessário para que as equipes de teste cumprissem as especificações e validassem cada um dos 161 componentes da bateria do Volt, apoiando também testes em diversas áreas, incluindo: curto-circuito, corrosão, poeira, impacto, submersão em água, esmagamento, penetração e oscilações extremas de temperatura.

“Software e controles são diferenciadores chave e têm valor significativo para promover o desenvolvimento de veículos e oferecer soluções singulares para nossos clientes, especialmente quando se tratam de veículos tão avançados quanto o Chevrolet Volt”, disse Micky Bly, Executivo da GM e Diretor de Sistemas Elétricos Globais, Híbridos, Veículos Elétricos e Baterias. “Temos de ter a capacidade de fornecer software e equipamento eletrônico inovadores com rapidez maior que nossos concorrentes, e isso exige o desenvolvimento de nossos veículos com um conjunto de processos e ferramentas de software de classe mundial.”

“A IBM está concentrada em oferecer a seus clientes capacitação de maior valor que lhes permita não só transformar sua forma de desenvolver e projetar os produtos que eles fornecem como inovar nos mercados em que eles concorrem”, disse Pedro Brito, gerente de Software Rational da IBM Brasil. “O Volt representa a convergência dos ambientes digital e de fabricação que estão no coração da criação de produtos mais inteligentes.”

Mercado potencial -Recentemente, o IBM’s Institute for Business Value (IBV) realizou pesquisas com consumidores e executivos da indústria automobilística sobre o que os motivaria a mudar de um veículo que atualmente roda com gasolina, diesel ou híbrido para um veículo elétrico. Entre os executivos da indústria, 76% migrariam para um veículo elétrico por causa dos preços altos dos combustíveis atuais, 73% mudariam se houvesse incentivos do governo e apenas 33% pensariam em adquirir um carro elétrico preocupados com a sustentabilidade. Os consumidores têm motivadores para a mudança bem similares. Entre os entrevistados, 51% responderam que o alto preço do combustível é um motivador para a compra de um carro elétrico, 48% têm preocupações relacionadas à sustentabilidade do planeta e 26% vêem os grandes congestionamentos com uma razão para comprar carros elétricos.

O IBV entrevistou 1.716 motoristas dos EUA e conversou com 123 executivos da indústria automobilística. Os estudos indica que existe um mercado potencialmente grande para carros elétricos. Entre os motoristas entrevistados, 19% disseram que era "muito provável" ou "provável" considerar a compra de um veículo elétrico somente ao comprar um carro novo. Isto é notável, dado que 42% dos motoristas sabem apenas "um pouco" sobre carros elétricos ou "apenas ouviram falar deles", sugerindo que as montadoras poderiam aumentar o número de compradores potenciais com campanhas educativas.

Quando o tema foi preço, 40% dos motoristas disseram que pagariam até 20% a mais por um veículo elétrico em comparação com um similar de recursos diesel-gás, ou um veículo híbrido-powered. Para levar o preço dos veículos elétricos até patamares mais acessíveis, a pesquisa indica que as montadoras devem inicialmente concentrar suas vendas para os consumidores e as frotas comerciais, construindo, assim, escala e criando eficiências econômicas na produção.[www.ibm.com/br | www.ibm.com/software].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira