Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

30/11/2010 - 08:20

Energisa obtém licença de operação para PCHs Caju e São Sebastião do Alto, no Rio de Janeiro

Cataguases (MG) – A Energisa Soluções, subsidiária do Grupo Energisa, acaba de obter licença do Instituto Estadual do Ambiente do Rio de Janeiro (INEA) para iniciar as operações das Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) Caju e São Sebastião do Alto, na bacia do Rio Grande (RJ).

As obras civis de barramento das duas usinas foram concluídas no fim de outubro. A companhia começa hoje o enchimento do reservatório da PCH Caju, em um processo que terá duração de aproximadamente 20 dias. Quando estiver em funcionamento, a unidade poderá produzir até 10 MW de energia. Já a PCH São Sebastião do Alto, cuja capacidade de geração é de 13 MW, tem previsão de enchimento para o próximo mês.

Além de Caju e São Sebastião do Alto, a Energisa Soluções também é responsável pelo projeto da PCH Santo Antônio, também na Bacia de Campos. As obras estão em ritmo acelerado e o enchimento do reservatório deve ocorrer em abril de 2011. Juntas, as três usinas terão 31,2 MW de capacidade instalada e produção anual de 157,4 GWh. Toda a energia a ser gerada já está contratada a longo prazo por consumidores livres.

Energisa- O Grupo Energisa tem na distribuição de energia elétrica a principal base de seu negócio. Com cinco distribuidoras no Brasil – Energisa Sergipe, Energisa Paraíba, Energisa Borborema, Energisa Minas Gerais e Energisa Nova Friburgo – o grupo abrange 91.180 km² de área coberta, atendendo a 2,3 milhões de consumidores e beneficiando 6,5 milhões de habitantes em 352 municípios. Mais de 5 mil colaboradores diretos e indiretos fazem parte das suas empresas. As ações da Energisa são negociadas na Bolsa de Valores Mercadorias e Futuro de São Paulo (BM&F Bovespa) sob os códigos ENGI3, ENGI4 e ENG11 (este último é o código recentemente constituído para as Units).

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: