Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

25/08/2010 - 09:31

Siemens participa de evento voltado para o mercado de energia eólica, Brazil WindPower, que acontece no Rio de Janeiro

A Siemens estará presente no Brazil WindPower 2010, Congresso e Feira Internacional para energia eólica, que acontece de 31 de Agosto a 2 de Setembro, no Rio de Janeiro. Durante o evento a companhia apresentará tecnologias voltadas para esse mercado. A Siemens é a fornecedora líder mundial de turbinas eólicas para aplicação off-shore, responsável por mais de 50% destas instalações em todo o mundo. A turbina eólica Siemens de 3,6 megawatts é o modelo de maior sucesso nesta aplicação contando com mais de 192 unidades já instaladas.

As turbinas eólicas fazem parte do portfólio ambiental da Siemens. No exercício de 2009, a receita da Siemens proveniente deste portfólio alcançou aproximadamente € 23 bilhões, tornando a empresa a maior fornecedora do mundo em tecnologias que respeitam o meio ambiente. No mesmo período, os produtos e soluções da Siemens possibilitaram uma redução de 210 milhões de toneladas de emissões de CO2. Este volume é equivalente às emissões somadas de CO2 de Nova York, Tóquio, Londres e Berlim.

“A Siemens é líder global em energia eólica nas aplicações off-shore, e vem ano a ano aumentando sua participação de mercado também nas aplicações em terra (on-shore). A empresa é uma das maiores fornecedoras mundiais de produtos voltados à ecoeficiência”, afirma Eduardo Angelo, diretor de Energias Renováveis da Siemens para a América do Sul. Somente no exercício de 2009, a Siemens instalou mais de 2.100 megawatts com novas turbinas eólicas, aumentando sua base instalada para cerca de 11.000 megawatts. O conjunto de usinas eólicas com turbinas Siemens atualmente economiza mais de dez milhões de toneladas de emissões de CO2 por ano.

O mercado brasileiro possui enorme potencial para energia eólica. Até recentemente, as estimativas eram da ordem de 140.000 megawatts, com medições realizadas em torres de 50 metros de altura. Hoje, já há estudos sinalizando que, em ventos medidos a 100 metros de altura, este potencial poderá dobrar. A Siemens tem planos concretos de trazer suas bem-sucedidas experiências no exterior para o mercado eólico Brasileiro e sua estratégia está perfeitamente alinhada com a do governo federal no sentido de incentivar o uso de energias limpas e renováveis. Focando nesse mercado, a Siemens, a exemplo de suas demais Unidades de Negócios instaladas no país, estruturou-se para responder prontamente à demanda crescente de seus clientes, oferecendo-lhes produtos e soluções que atendam os requisitos técnicos e econômicos de seus projetos.

Experiência de sucesso-O Setor Energy da Siemens assinou pedido da Dong Energy para fornecer 111 turbinas eólicas para o parque Anholt, que será a maior usina de energia eólica off-shore da Dinamarca. Com 400 megawatts, Anholt terá uma capacidade que é quase o dobro do Horns Ver 2 – atualmente o maior parque eólico off-shore do mundo em funcionamento com capacidade de 209 megawatts. Quando estiver em pleno funcionamento, o projeto do Parque Eólico Marítimo Anholt fornecerá energia limpa para aproximadamente 400 mil domicílios, o que é equivalente a cerca de quatro por cento do consumo total de energia da Dinamarca.

O Brazil WindPower 2010 tem foco no mercado latino-americano e é promovido pelo Conselho Mundial de Energia Eólica, a Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica) e o Grupo Canal Energia. O evento acontece nos dias 31 de agosto, 1º e 2 de setembro de 2010, no Centro de Convenções Sulamérica, Rio de Janeiro.

Perfil- O Setor Energy da Siemens é o fornecedor líder mundial de uma gama completa de produtos, serviços e soluções para a geração, transmissão e distribuição de energia e para a extração, conversão e transporte de petróleo e gás. No exercício de 2009 (encerrado em 30 de setembro) o Setor Energy registrou receitas de € 25.4 bilhões e lucro de € 3.3 bilhões. Todas as cifras representam a soma dos números não consolidados para os Grupos de Geração de Energia e Transmissão e Distribuição de Energia e para a Divisão de Soluções de Petróleo, Gás e Marítimas do Grupo Soluções e Serviços Industriais. No Brasil, o Setor Energy tem uma participação de 60% da base instalada de usinas de cogeração industrial, 40% de termelétricas, 50% de hidrelétricas e 100% de nuclear. Além disso, 30% das linhas de transmissão e distribuição do país contêm tecnologias e produtos Siemens. |www.siemens.com.br/energy.

Perfil do Grupo Siemens no Brasil - A Siemens está presente no Brasil há mais de cem anos e é atualmente a maior empresa do setor eletroeletrônico do país, com suas atividades agrupadas nos setores Industry, Energy e Healthcare, além da Siemens IT Solutions and Services tem atividades nos três campos. As primeiras atividades da empresa no Brasil datam de 1867, com a instalação da linha telegráfica pioneira entre o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul. Em 1895, no Rio de Janeiro, era aberto o primeiro escritório e, dez anos mais tarde, ocorria a fundação da empresa no país. Ao longo do século passado a Siemens contribuiu ativamente para a construção e modernização da infraestrutura do Brasil, como no fornecimento dos geradores para a Usina Hidroelétrica de Itaipu. Hoje, os equipamentos e sistemas da Siemens são responsáveis por 50% da energia elétrica gerada no país e por mais de 25% das telecomunicações. No Brasil, o Grupo Siemens fechou seu faturamento anual em 2009 com R$ 4,5 bilhões, conta com cerca de nove mil colaboradores, seis centros de pesquisa e desenvolvimento e treze unidades fabris.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: