Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

22/05/2010 - 10:55

Universidade realiza atendimento pioneiro de orientação jurídica voltado para as pessoas com deficiência

O projeto SOS Direito é desenvolvido pela Universidade São Judas e tem como coordenador o professor de Direito Civil Roberto Bolonhini Júnior, que é advogado e portador de deficiência visual.

O projeto é gratuito e consiste em um centro de apoio de Direito que possibilita o acesso mais fácil à orientação jurídica, áreas do direito civil, da relação de consumo e da legislação pertinente as pessoas com deficiência, democratizando-se a informação. Este projeto existe há mais de oito anos. Através do telefone (11) 2799-1721, as pessoas podem tirar suas dúvidas em relação a seus direitos.

De acordo com o professor Roberto, as pessoas com deficiência estão cada vez mais interessadas em saber e exigir seus direitos. Para se ter uma ideia, através do SOS Direito o professor recebe telefonemas e e-mails de pessoas de todo o Brasil para sanarem suas dúvidas e pedir conselhos de como proceder em determinado fato.

Como fruto do projeto “SOS Direito” o professor Roberto acaba de lançar o livro: Portadores de Necessidades Especiais, pela editora Atlas.

Com o objetivo de atender a todos os leitores, sejam eles deficientes ou não, Bolonhini apresenta as principais prerrogativas das pessoas deficientes e as legislações que os auxiliam na jornada.

Perfil do Prof. Roberto Bolonhini – coordenador do projeto SOS Direito - Aos dez anos, Roberto Bolonhini sofreu um descolamento de retina e perdeu totalmente a visão. Roberto passou por diversas cirurgias para tentar solucionar o problema, mas não teve êxito.

De volta aos estudos, sua luta foi encontrar uma escola pública que o aceitasse e tivesse a estrutura necessária para ele estudar, alguém tinha que ler o conteúdo do livro, pois na época, não existia material adaptado em braile e nem computadores especiais para cegos.

Roberto se formou aos 21 anos e entrou no curso de Direito da Universidade Prebisteriana Mackenzie, em São Paulo, foi aprovado na OAB sem cursinho, e no ano seguinte, ingressou no Mestrado na PUC, pois era seu sonho se tornar professor. Sem dinheiro para continuar os estudos, obteve ajuda de um jurista que financiou seu curso.

A meta seguinte passou a ser trabalhar em uma universidade. Não foi aceito em algumas Instituições pela deficiência visual. Após a dura batalha à procura de uma oportunidade, há 15 anos ele foi contratado pela Universidade São Judas para dar aulas de Direito Civil.

Atualmente, Roberto realiza o curso de Doutorado na PUC.

.[ Atendimento SOS Direito: Telefone (11) 2799-1721, as quintas-feiras – das 14h às 17h, no Campus da Universidade: R. Marcial, 91 Mooca – próximo à estação Bresser-Mooca do metrô].

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: