navio-one2

30/01/2024

ONE consegue AiP da DNV para porta-contêiner bicombustível com amônia

E avança compromisso líquido zero. A Ocean Network Express (ONE) tem estudado a viabilidade da amônia como combustível alternativo para emissão zero de acordo com o roteiro para combustíveis alternativos desenvolvido pela empresa em 2022, perseguindo as emissões líquidas zero até 2050. Em conjunto com o roteiro, a ONE participou de um estudo piloto de segurança de abastecimento de amônia liderado pelo GCMD.

Cingapura — A Ocean Network Express (ONE)anunciou no dia 29 de janeiro(segunda-feira), a concessão de Aprovação em Princípio (AiP) para uma embarcação (porta-contêiner) com duplo combustível de amônia. Juntamente com o investimento em 12 navios movidos a metanol com duplo combustível, isto marca outro marco para a ONE na sua jornada rumo à neutralidade carbônica até 2050.

O navio de 3.500 TEU recém-premiado pela AiP foi desenvolvido em conjunto pela ONE, Nihon Shipyard Co., Ltd. (NSY) e pela sociedade de classificação DNV, como parte de um projeto de desenvolvimento conjunto estabelecido no final de 2022 entre as três partes.

A ONE tem estudado a viabilidade da amônia como combustível alternativo para emissão zero de acordo com o roteiro para combustíveis alternativos que foi desenvolvido pela ONE em 2022. Em conjunto com o roteiro, a ONE participou de um estudo piloto de segurança de abastecimento de amônia liderado pelo GCMD.

— A amônia é definitivamente um dos principais focos da nossa investigação, uma vez que o combustível de amônia tem um grande potencial de gerar emissões de GEE mais baixas do que os combustíveis navais convencionais. Estamos satisfeitos por ter feito esse progresso e continuaremos nosso estudo sobre amônia— disse Koshiro Wake, vice-presidente sênior do Departamento de Estratégia Corporativa e Sustentabilidade da ONE.

— A amônia é um dos futuros combustíveis marítimos promissores, com grande potencial para descarbonizar o transporte marítimo. Estamos confiantes de que as regras da DNV para amônia ajudarão nossos clientes a adotar com segurança esse novo tipo de combustível assim que a infraestrutura estiver instalada. Somos gratos aos nossos parceiros JDP por nos confiar este projeto pioneiro que ajudará toda a indústria marítima a adotar a amônia como combustível naval — disse Cristina Saenz de Santa Maria, gerente regional Sudeste Asiático, Pacífico e Índia, Marítimo da DNV.

Iniciativas verdes — A Estratégia Verde da ONE estabeleceu uma meta ambiciosa para atingir emissões líquidas zero de GEE, abrangendo os Escopos 2 e 3 até 2050.

Para atingir a meta, a transição do combustível convencional para combustíveis alternativos é definida como o principal pilar das iniciativas Verdes da ONE. A ONE continuará a estudar combustíveis alternativos enquanto se esforça para atingir emissões líquidas zero até 2050.

Ocean Network Express (ONE) — A Ocean Network Express (ONE) foi fundada em 07 de julho de 2017 após as integrações de serviços regulares da Kawasaki Kisen Kaisha (“K” LINE), Mitsui OSK Lines (MOL) e Nippon Yusen Kaisha (NYK). A nova entidade funciona a partir da sua sede global em Singapura, apoiada por sedes regionais em Hong Kong, Singapura, Reino Unido, Estados Unidos e Brasil. Operando mais de 230 navios, oferece uma rede internacional rápida e confiável de mais de 170 serviços para 120 países e além. ONE é o sexto maior transportador de contêineres do mundo, com uma frota de aproximadamente 1,8 milhão de TEU. ONE é membro da THE Alliance (THEA), um consórcio global de transportadoras marítimas.

DNV — A DNV é a sociedade classificadora líder mundial e uma consultora reconhecida para a indústria marítima. Melhoramos a segurança, a qualidade, a eficiência energética e o desempenho ambiental da indústria naval global – em todos os tipos de embarcações e estruturas offshore. Investimos fortemente em pesquisa e desenvolvimento para encontrar soluções, em conjunto com a indústria, que abordem desafios estratégicos, operacionais ou regulatórios.

Estaleiro Nihon (NSY) — O Estaleiro Nihon (NSY) foi estabelecido como uma empresa de joint venture pela Imabari Shipbuilding Co., Ltd. (Imabari) e pela Japan Marine United Corporation (JMU) em janeiro de 2021 com o propósito de fortalecer a competitividade internacional da marinha mercante. Negócios. Sua função é projetar e comercializar todos os tipos de navios mercantes e estruturas flutuantes offshore, exceto transportadores de GNL a serem construídos pela Imabari e JMU. Agora, a NSY está trabalhando ativamente na comercialização de navios movidos a combustível descarbonizado, como GNL, GLP, Metanol e Amônia, para o próximo fortalecimento das regulamentações de emissões de GEE. Nosso objetivo é contribuir para o desenvolvimento da sociedade e da indústria, oferecendo constantemente aos nossos clientes os melhores produtos e serviços para alcançar um crescimento sustentável.