Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT RSS BOLETIM TV FATOR BRASIL LINKS PageRank
Busca: OK
CANAIS

09/05/2008 - 12:42

Estaleiro TWB representa australiana Sea Transport Solutions para construção naval na América Latina


A construção do primeiro ferry boat dual fuel do Brasil, que será entregue até junho para a travessia marítima Salvador-Itaparica, na Bahia, rendeu ao Estaleiro TWB S.A a representação da companhia de projetos Sea Transport Solutions para construções navais na América Latina. O acordo entre as duas empresas será assinado no próximo dia 17 de Maio, em Navegantes, Santa Catarina, durante encontro entre o presidente da companhia brasileira, Reinaldo Pinto dos Santos e o presidente da empresa australiana, Stuart Ballantyne, considerado um dos principais nomes do mercado mundial em projetos e soluções para o transporte aquaviário.

O Sea Transport Solutions assina o projeto adquirido pela TWB para o chamado Fast Ferry. Além do Ivete Sangalo, como foi batizada a nova embarcação, seguindo a tradição da travessia baiana de homenagear os grandes valores locais, um segundo ferry boat, com as mesas características do primeiro, já está em construção. O investimento no projeto é de mais de R$ 60 milhões e conta com o apoio do Fundo da Marinha Mercante e do Banco do Nordeste. As embarcações são totalmente construídas em alumínio naval. Esse diferencial reduz o peso total da embarcação e contribui de forma significativa com a performance do conjunto. “A alta performance da embarcação vem do conjunto que ela apresenta. Do projeto, do uso dos motores dual fuel e do material usado em sua construção, num conceito inovador no Brasil”, comenta Paul Kempers, diretor técnico do Grupo TWB.

O FB Ivete Sangalo tem capacidade para transportar até 600 pessoas e 77 automóveis por viagem. Realizará o trajeto Salvador-Itaparica na metade do tempo utilizado pelos equipamentos atuais e apresentando níveis de emissão de produtos nocivos ao meio ambiente muito menores dos que os ferries que operam atualmente. Com as duas novas embarcações em operação a travessia baiana deixará de consumir, por ano, cerca de 4 mil toneladas de óleo diesel. “É um benefício ambiental que trará mais qualidade de vida ao povo baiano, usuário do sistema”, complementa o presidente da TWB, Reinaldo dos Santos. De acordo com ele, a parceria entre TWB e Sea Transport trouxe ao Brasil o que há de melhor em transporte aquaviário de pessoas e veículos e coroa o bom momento da indústria naval brasileira, que vem recebendo encomendas importantes e crescendo em tecnologia.

Enviar Imprimir
© Copyright 2006 - 2014 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira